A TORNOZELEIRA ELETRÔNICA DE LÚCIO VIERA LIMA

O deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA) poderá ter que usar tornozeleira eletrônica na Câmara dos Deputados. Isso se o Supremo Tribunal Federal autorizar. A procuradora-geral da República, Raquel Dodge, além de pedir o recolhimento noturno do parlamentar, também solicitou o monitoramento eletrônico. A solicitação foi enviada ao ministro Edson Fachin.

Na região sul da Bahia, a questão tem levado amigos e ex-aliados do deputado a um consenso. De acordo com o “homem forte do cacau”, não será possível o deputado usar tornozeleira eletrônica, pois não existe no mercado aparelho do tamanho da perna de Lúcio Vieira Lima. “Nem sob encomenda”.

você pode gostar também Mais do autor

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.