Ieprol
Teatro Candinha Doria
Ubaitaba Inst novo
Buerarema
URUÇUCA
Vidro Tech

ITABUNA: VEREADORES CONDENAM DECLARAÇÃO DE FERNANDO GOMES SOBRE AUMENTO DA TARIFA DO TRANSPORTE COLETIVO

Por Andreyver Lima

A declaração do prefeito Fernando Gomes, sendo favorável ao aumento da passagem do transporte público em Itabuna, repercutiu e mobilizou os vereadores da oposição a se manifestarem. A fala do prefeito aconteceu durante coletiva de imprensa nesta segunda-feira (10), onde anunciou as atrações da festa de São Pedro.

Em seu argumento, Fernando Gomes disse que ‘há gratuidade demais’ e comparou tarifas de cidades como Vitória da Conquista (R$ 3,80) Ilhéus (R$ 3,80) e Feira de Santana (R$4,00). Em Itabuna, o valor atual é de R$ 3,00, mas deve subir nos próximos dias. Entretanto, o prefeito admite que ainda não decidiu. “Não sei se vai ter aumento, ainda vou decidir isso, mas será no mínimo R$, 3,30, R$ 3,50,” disse.

Enquanto acontecia a coletiva, vereadores de oposição já se articulavam na Câmara numa postura crítica e contrária ao reajuste, definindo como ‘absurda’ a fala do prefeito. A base do governo havia esvaziado a sessão das comissões, travando a análise de matérias que estão em tramitação.

A vereadora Charliane Sousa (PTB) disse ser ‘totalmente contra’ a proposta, levando em consideração a qualidade dos serviços que são oferecidos e propõe que as empresas de transporte coletivo apresentem estudos de impacto financeiro. “Seria interessante que nos fosse apresentado estudos com a base e a fórmula para definir o valor da passagem, que nela conste a variação do preço de óleo diesel, dos salários e custos das categorias de motoristas e cobradores e do Índice Geral de Preços.” explicou.

Na mesma linha, Babá Cearense (PHS) afirmou que as empresas não seguem o contrato, mas que o reajuste poderia acontecer se Itabuna tivesse vias em bom estado de conservação. “Sou contra pelo serviço que é oferecido pelas empresas de transporte, que não cumpre nada que tem no contrato, por exemplo os ônibus com ar-condicionado, wi-fi e a estação de transbordo.” O vereador Chicão (PTB) lembrou que a população não suporta mais um ‘transporte sucateado’. “Além de cadeiras quebradas, quando chove, pinga dentro do ônibus.” disse.

Tratando o assunto com prudência, Jairo Araújo (PCdoB) lembra que a Câmara já barrou o reajuste antes por força de decreto legislativo. “Conseguimos impedir o reajuste exorbitante que queriam aplicar para a população em 2018. Vou aguardar para ver qual será a proposta do prefeito.” afirmou.

Nas redes sociais, as críticas também surgiram durante a live na página da prefeitura, que transmitia a coletiva. Em seu comentário, o vereador Enderson Guinho (PDT) ironizou: “Por isso os vereadores não vieram pra sessão?”. Guinho também contestou as empresas, que afirmam ter prejuízos nos ônibus por falta de manutenção dos bairros. “Não deixa de ser verdade, porém já conheciam a situação dos bairros de Itabuna quando quiseram participar da licitação e ainda firmando um contrato de 40 anos.”

Desde o dia 3 deste mês, os rodoviários estão em greve e as empresas condicionam o reajuste dos salários de motoristas e cobradores, ao aumento da passagem. Uma nova negociação acontecerá na próxima quinta-feira (13), no auditório do Tribunal Regional do Trabalho em Itabuna.

1 comentário
  1. cleide santana Diz

    Um absurdo a passagem de Itabuna ir pra 3,50 os onibus velhos cadeiras quebradas e ainda por cima quando chove mola tudo e o calor é insuportavél. Não vale a pena isso é revoltante

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.