Ieprol – Matrículas Abertas – Desktop Mobile
AACRRI – Reconstrução PIX – Desktop/Mobile
Plansul – 31 anos – Desktop/Mobile

BAHIA CACAU PARTICIPOU DO SEMINÁRIO CHOCOLATE DA CABRUCA EM SALVADOR

Aconteceu entre os dias 27 e 28 deste mês em Salvador, o seminário com tema “Chocolates da Cabruca: um patrimônio da Bahia”. Promovido pela Associação dos Produtores de Chocolate do Sul da Bahia(Chocosul) em parceria com a Universidade Salvador (Unifacs), o encontro contou com a participação de representantes da Bahia Cacau. O seminário reuniu especialistas, produtores, gestores públicos e os estudantes interessado em debater os desafios e oportunidades da cadeia produtiva do cacau ao chocolate. As discussões abordaram desde aspectos econômicos e sociais até as estratégias para fortalecer e promover o chocolate de origem, beneficiando a economia e a cultura do território.

Para o gerente comercial da Bahia Cacau Josivaldo Dias, o seminário contribuiu para aumentar a autoestima dos produtores e abri espaço para a ampliação dos horizontes da comercialização com mais atores envolvidos. “A congruência dos produtores, governo e academia facilita e demonstra a importância de elevar o alcance das vendas dos chocolates de origem”, destaca Dias.

O cacau do Sul da Bahia faz parte da história do Brasil há pelo menos 250 anos e, após os desafios da década de 1980, a região ressurge no cenário nacional como território pujante do cacau com um novo posicionamento enquanto produtora de chocolates finos de origem feitos com amêndoas selecionadas do sistema Cabruca. A Bahia Cacau, marca da Cooperativa da Agricultura Familiar e Economia Solidaria da Bacia do Rio Salgado e Adjacências (Coopfesba) de Ibicaraí, faz parte deste momento, sendo a primeira cooperativa da agricultura familiar do Brasil com a produção de chocolate finos.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.