Buerarema
Plansul
COLÉGIO JORGE AMADO
Pref ilheus junho
Ieprol

BAHIA COMPLETA 10 MESES SEGUIDOS COM REDUÇÃO NO NÚMERO DE MORTES VIOLENTAS, AFIRMA SSP

A Bahia completou, no mês de julho, 10 meses consecutivos com reduções das mortes violentas. A desaceleração dos índices de crimes contra a vida, no estado, se iniciou no mês de outubro de 2021 e seguiu com o mesmo ritmo até julho deste ano.

O investimento de R$ 250 milhões de reais em novas estruturas para as Polícias Militar, Civil e Técnica, além do Corpo de Bombeiros, e de R$ 665 milhões na expansão do sistema de Reconhecimento Facial para 77 cidades da Região Metropolitana de Salvador e de outros municípios do interior colaborou diretamente para o resultado.

Em outubro, novembro e dezembro de 2021, as diminuições foram de 22%, 18% e 16%, respectivamente. Já em 2022, as quedas foram de 23% (janeiro), 10% (fevereiro), 12% (março), 21% (abril), 12% (maio), 13% (junho) e 12% (julho).

Redução no primeiro semestre de 2022

Além da redução por 10 meses consecutivos, o primeiro semestre de 2022, comparado ao mesmo período do ano passado, também apresentou diminuição de 11,5%.

Entre janeiro e junho, o trabalho das polícias, com apoio dos bombeiros, resultou na preservação de 340 vidas. No primeiro semestre deste ano foram contabilizadas 2.618 ocorrências e, em 2021, aconteceram 2.958 casos.

“Parabenizo os policiais pelo empenho e dedicação diários, que se refletem na redução das mortes violentas. A violência é consequência da desigualdade social que cresceu absurdamente nos últimos anos, no Brasil. Na Bahia, seguiremos investindo em pessoal, com novos concursos, em tecnologia e na melhoria da condição de trabalho dos nossos profissionais”, declarou o secretário da Segurança Pública, Ricardo Mandarino.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.