Ieprol – Matrículas Abertas – Desktop Mobile
Plansul – 31 anos – Desktop/Mobile
Itajuípe – Dengue Novo – Desktop/Mobile
Buerarema – Fevereiro Roxo e Laranja – Desktop/Mobile
AACRRI – Reconstrução PIX – Desktop/Mobile

BRASIL REGISTRA ENTRADA RECORDE DE TURISTAS ESTRANGEIROS EM JANEIRO DE 2023

Foram mais de 868 mil no primeiro mês do ano. Número supera em mais de 100 mil os dados de janeiro de 2019, antes da pandemia, e é o triplo do mesmo período de 2022.

O mundo está voltando a vir para o Brasil”. A frase do presidente Luiz Inácio Lula da Silva em seu perfil no Twitter nesta terça-feira, 7/3, é símbolo de um marco importante registrado no início de 2023. O país computou a entrada de 868.587 estrangeiros registrados pela Polícia Federal como turistas no primeiro mês do ano.

O resultado é histórico comparado com a série dos últimos quatro anos. Os números superam em mais de 100 mil visitantes os dados dos dois últimos anos antes da pandemia de Covid-19, quando foram registrados 756.883 (2019) e 750.457 (2020). Na comparação com janeiro de 2022, o número quase triplicou (275.942).

Durante todo o ano de 2022, segundo informações da Polícia Federal, o Brasil recebeu 2,689 milhões de visitantes estrangeiros, considerando apenas os que entraram registrados como turistas. O número é 55% menor do que o registrado em 2019, quando 4,847 milhões de turistas estrangeiros desembarcaram no país.

“Os dados demonstram de forma enfática como a imagem do país no exterior influencia diretamente a decisão de visitar o nosso país. O fato novo que nos fez sair de um dos piores desempenhos globais e recuperarmos o interesse do turista internacional foi a mudança de governo. O Brasil deixou de ser pária e voltou a ser visto como um país acolhedor, aliado da humanidade, com compromisso com a sustentabilidade ambiental, com os direitos humanos e com a valorização de nossa diversidade”, afirmou o presidente da Embratur, Marcelo Freixo.

A ministra do Turismo, Daniela Carneiro, reforça o tom. Para ela, o número confirma a volta da confiança dos visitantes internacionais no Brasil. “Como diz o presidente Lula, estamos de volta! Estamos de volta com a preservação da Amazônia e dos demais biomas, com um governo que respeita a todos os brasileiros, que dá importância ao povo, à nossa cultura, à igualdade étnica e racial”, destacou.

Turismo pós-pandemia

Em 2022, o Brasil teve um dos piores desempenhos globais em relação ao turismo entre os países que já tinham fronteiras abertas na pós-vacinação do coronavírus. O país ficou atrás da média das nações do continente africano e das Américas, com uma retomada significativamente mais lenta do que a média internacional.

Mesmo com a China, maior emissor mundial de turistas, mantendo medidas restritivas de circulação internacional ao longo do ano passado, o fluxo de turistas no planeta representou 63% dos níveis anteriores à pandemia, segundo dados da Organização Mundial do Turismo (OMT). O Oriente Médio, com 83%, e a Europa, com 80%, são os continentes que tiveram melhor nível de retomada da atividade turística internacional.

Entrada de turistas estrangeiros no Brasil nos últimos cinco anos:

Janeiro 2023: 868.587

Janeiro 2022: 275.942

Janeiro 2021: 52.259

Janeiro 2020: 750.457

Janeiro 2019: 756.883

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.