Serra Grande
Ieprol
Ubaitaba Inst novo
Buerarema
URUÇUCA

CAMACAN: TCM REJEITA CONTAS E PREFEITO OZIEL DA AMBULÂNCIA SE JUSTIFICA

Por Andreyver Lima

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) rejeitou as contas da prefeitura de Camacan sob responsabilidade do prefeito Oziel da Ambulância. A decisão, tomada nesta terça-feira (10), analisou as contas de 2018. O relatório técnico apontou como irregularidade o índice de pessoal superior a 64%.

O prefeito alega que mantém esforços no sentido de se adequar a lei, que é de 54%. “Tive a oportunidade de apresentar aos conselheiros as medidas que tomamos com o objetivo de reduzir o índice de pessoal exigido por lei. Recebemos o município em 1º de Janeiro de 2017, com índice superior a 71%. Hoje conseguimos reduzir o índice para 60%. O que demonstra o esforço da gestão em se adequar ao cumprimento da lei.”

Sobre a decisão do tribunal, Oziel pretende pedir reconsideração, pois a rejeição foi exclusivamente por índice de pessoal. “A orientação que recebemos do TCM para que pudéssemos cumprir o índice seria demitir servidores concursados, e eu como servidor que sou, jamais faria.” afirma.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.