Cerveja Je assunção
uruçuca novo
Buerarema
Colégio Jorge amado
Plansul
Ieprol

DIÁLOGO DO FUNDO DO POÇO

Por Marcos Dantas*

Coronavírus chegou no Brasil.

Lavem as mãos, usem máscara e álcool em gel.

Covid-19 faz sua primeira vitima no país.

Meu Deus, e agora?

Não esquece do álcool em gel e da máscara.

O SUS não pode colapsar, precisamos achatar a curva.

Fica em casa, fecha o comércio.

Abre o comércio.

Abre hospitais de campanha, precisamos de respirador, não temos respirador.

A UTI está com 100% de ocupação.

100 mil mortes.

Cloroquina, Ivermectina, Azitromicina.

Tratamento precoce não funciona.

Protocolos de segurança, eleição, réveillon e carnaval.

200 mil mortes.

Lockdown.

Abaixo o Lockdown.

A culpa é do presidente.

A culpa é do governador.

A culpa é do prefeito.

A culpa é do povo.

O que é essencial?

Não temos UTI.

300 mil.

RIP BRASIL.

Como é para você, caro(a) leitor(a), viver no epicentro de uma pandemia? Como é viver sabendo que estamos no fundo do poço?

*Marcos Dantas.
Graduando em Ciências Sociais UESC.

1 comentário
  1. Magno Santana Diz

    Se tivéssemos um líder na presidência, não estaríamos passando por tudo isso. A prova maior que bastou a mudança de comando, e naturalmente de postura que os índices de morte vem diminuindo no EUA. Só agora, depois de menosprezar tanto a Ciência, diante da realidade dos fatos é que resolveu criar um comitê (só agora) de ação contra o Covid-19. A conta é dele e de todos os que o apoiam.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.