Ieprol – Matrículas Abertas – Desktop Mobile
AACRRI – Reconstrução PIX – Desktop/Mobile
Plansul – 31 anos – Desktop/Mobile
Buerarema – Fevereiro Roxo e Laranja – Desktop/Mobile
Itajuípe – Dengue Novo – Desktop/Mobile

“ILHÉUS TEM QUE PENSAR MOBILIDADE DE UMA FORMA GERAL” , DIZ VALDERICO JÚNIOR

Em entrevista ao Talk Show Café com Pão, o pré-candidato a prefeito de Ilhéus Valderico Júnior falou sobre a urgência de se pensar a mobilidade urbana na cidade. O empresário pontuou as dificuldades enfrentadas pela população, que vê como consequências da falta de compromisso e planejamento da gestão pública:

“Ilhéus é uma cidade de 490 anos. A gente sabe que tem geograficamente um problema, porque as ruas foram baseadas a 50, 60, 70 anos atrás. Olha o volume de carros que nós temos hoje. É uma outra realidade. Isso precisa ser estudado com eficiência”.

Para Valderico, a ação para melhorar a modalidade em Ilhéus tem que ser imediata:

“O plano de modalidade da cidade precisa ser discutido por técnicos. Isso envolve acesso a cadeirantes, transporte público eficiente, ciclovias… A gente precisa de um prefeito compromissado que busque os melhores para fazer acontecer”.

Nos últimos anos, o transporte público de Ilhéus ocupou com frequência os noticiários da cidade de forma negativa. Problemas como frotas insuficientes, veículos precários e cláusulas contratuais defasadas têm sido a realidade do município. Nesse assunto, Valderico Júnior pontua que várias experiências pelo Brasil servem de exemplo:

“Temos que olhar pras iniciativas que deram certo. Curitiba é um exemplo, a própria Salvador agora. Eu fico feliz quando vejo Bruno Reis (prefeito da capital) inaugurando um BRT, mais um belíssimo equipamento servindo à população. Quem ganha? A população! É sobre isso que temos que nos espelhar, esse tipo de gestão que temos que ter como referência”.

Por fim, Valderico reforça a importância de um planejamento e da seriedade por parte do poder público:

“Vamos unir esforços para transformar essa realidade, com muito estudo, e construir um sistema de mobilidade mais eficiente, acessível e que ofereça dignidade aos usuários. Tá na hora de mudar!”.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.