Ieprol – Matrículas Abertas – Desktop Mobile
Plansul – 31 anos – Desktop/Mobile
AACRRI – Reconstrução PIX – Desktop/Mobile

ITABUNA: APÓS ACORDO PARCIAL PROFESSORES VOLTAM AS ATIVIDADES NA SEGUNDA, 19

Mérito da greve será julgado no dia 6 de dezembro

O Tribunal Regional do Trabalho da 5ª Região (TRT-5) decidiu, na quarta-feira, 14, que julgará o mérito da greve dos professores da rede municipal de Itabuna no dia 06 de dezembro. A decisão foi em audiência de conciliação entre o Sindicato do Magistério Municipal Público de Itabuna – SIMPI e o Município de Itabuna, para analisar o dissídio de greve da rede municipal de ensino. A prefeitura emitiu nota a imprensa, afirmando que a juíza havia determinado o fim da greve (Relembre), o que segundo sindicato, é uma inverdade. “Na verdade houve um acordo firmado.”

Os professores iniciaram o movimento grevista no dia 03 de setembro em virtude de atrasos no pagamento de salário de parte da categoria; da falta de proposta de reajuste salarial apresentada pelo Governo, que não atendida aos parâmetros fixados pelo Ministério da Educação (MEC) e Plano de Carreira do Magistério; bem como pela quebra dos princípios constitucionais da isonomia e impessoalidade, uma vez que alguns profissionais estavam sendo privilegiados com recebimento de proventos em detrimento de outros.

De acordo com o SIMPI, foi firmado um acordo parcial em que ficou estabelecido que o Município deverá pagar até o dia 20 de novembro os salários em atraso do mês de outubro de todos os professores que estão na folha do FUNDEB; que a parte dos 50% do décimo terceiro deverá ser paga conforme determina a legislação trabalhista, ou seja, até o prazo do dia 20 de dezembro….

Referente aos profissionais em situação de desvio de função, estes receberam nesta quarta-feira o salário de setembro e deverão receber o salário de outubro até o dia 04 de dezembro. Além disso, ficou acordado que 40 profissionais nesta situação deverão retornar imediatamente à folha do FUNDEB ainda no mês de novembro, e os demais retornarão no mês de dezembro.

Diante dos acordos consignados, a Diretoria do SIMPI está convocando os Professores para uma Assembleia Geral Extraordinária para próxima segunda, 19, às 9 horas, onde a Diretoria apresentará os devidos informes e esclarecimentos à classe, que deverá retornar às atividades no turno da tarde, cumprindo com as tratativas do acordo.

6 Comentários
  1. Adauto Ribeiro Diz

    Estes membros do TRT deveriam ir para a cadeia, juntamente com o prefeito e estes professores que não se preocupam com a educaçào neste país
    Só quem ficou no prejuízo foram as crianças. Raça de demônios Deus vos repreenda raça de víboras.

  2. Roberto Mangabeira Diz

    A VERDADE É QUE FOI MA LIMINAR DEFERIDA PELO TRT. Inexiste essa estoria contada pelo ”SINICATO” . Ademais, só estão sem receber salario os professores que estão fora da sala de aula, os demais já vão receber até os 50% do décimo em novembro antecipado.

  3. Anônimo Diz

    como voces vão a provar nossos filhos sem estudares

  4. Lui Diz

    Não baixemos a cabeca , não deixemos vencer por esta gestão corrupta. Vamos a luta custe o que custar, o coronelismo da republica velha , a ditadura não deve persistir. Somos a democracia, somos a inteligência.

  5. Lui Diz

    Parabéns Simp , parabéns professores, nossos dveres devem ser cumpridos e nossos direitos respeitados. Não a esta gestão podre, hipocrita corrupta e ditadora. Fora Cuma e sua equipe suja

  6. Anônimo Diz

    Parabéns simp, parabéns professores, jamais se intimidam com esta gestão podre, hipocrita e ditadora. Profesores são professores, todos os funcionátios devem ser respeitados e seus direitos devem ser cumpridos. Fora Cuma!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.