Porfirio
pm
Charliane
Plansul
uruçuca novo
Emasa
Cerveja Je assunção
Buerarema
Ieprol

ITABUNA: AUDITORIA NO HOSPITAL DE BASE APONTA DIVERSAS IRREGULARIDADES

Uma auditoria especial feita em contratos médicos, convênios e prestação de serviços de janeiro a dezembro de 2017, da Fundação de Atenção a Saúde Itabuna – FASI, que faz a gestão do Hospital de Base Luis Eduardo Magalhães, apontou diversas irregularidades. No relatório que o iPolítica teve acesso, foram identificados pelos auditores, pagamentos feitos a empresas que diferem de acordo com o mês e que diferem dos valores dos contratos, pagamentos de plantões a mais do que o trabalhado, contrato com empresas sendo que já existia outra contratada que desempenhava a mesma função, dentre outras não menos graves.

O relatório, assinado pelo procurador-geral e o controlador do município, além de uma médica e uma enfermeira auditoras e um membro da comissão, concluiu que foi verificado que os processos de pagamentos não são transparentes, pois são realizados de forma aleatória e sem fiscalização. A auditoria recomenda que o relatório seja encaminhado para os órgãos competentes visando a elisão do dano e/ou improbidade ocorrida com recurso federal, bem como, após uma auditoria contábil, a devolução do recurso recebido a maior pelas empresas contratadas, e que todos os servidores envolvidos sejam afastados até a conclusão final.

1 comentário
  1. Carlos Gomes Diz

    É preciso dar nomes aos bois! Lugar de ladrão é na cadeia! Se faz necessário uma auditoria naquele lugar pelo tribunal de contas do estado e MPF no período dos últimos 5 anos. Vai aparecer várias coisas…

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.