Forró rico liso
Pref Ilheus aplicativo
Buerarema
URUÇUCA
Clube dos òculos
Encanthé
Ubaitaba Inst novo
Vidro Tech

ITABUNA: PRESIDENTE DA CÂMARA, RICARDO XAVIER, FALA EM ‘ESFORÇO EXTRA’ PELA PERMANÊNCIA DA AGÊNCIA DO BANCO DO BRASIL

A Comissão em Defesa do Banco do Brasil no São Caetano, se reuniu nesta terça-feira, 12, com o presidente do legislativo de Itabuna, Ricardo Xavier (PPS), além dos vereadores Jairo Araújo (PCdoB), Babá Cearense (PHS), Enderson Guinho (PDT), Pastor Francisco (PRB), Manuel Júnior (PV) e do ex-vereador, Luís Sena, com o objetivo de solicitar a intermediação do Legislativo junto à Prefeitura Municipal, para a revogação do decreto que rompe o contrato de locação com a Agência Grapiúna, do Banco do Brasil, no São Caetano.

A agência tem hoje 12 mil clientes e serve a mais de 70 mil usuários dos bairros circunvizinhos, que terão prejuízos com o fechamento da unidade bancária. O Banco do Brasil informou o desejo de manter a agência, mas que, cumprindo o que determina a rescisão do contrato, a partir do dia 15 de fevereiro, sexta-feira, serão iniciadas as medidas necessárias à desativação da unidade para entrega do imóvel dia 9 de março.

O presidente da Câmara comprometeu-se em buscar o diálogo com o prefeito. Na avaliação dele, seria justo pelo menos o adiamento do prazo de entrega do prédio. “Os poderes são independentes, porém temos que buscar sempre a harmonia. Iremos intermediar esse diálogo, de forma que encontremos um entendimento. O que for melhor para a cidade, os poderes tem que fazer um esforço extra.” disse.

A Comissão é formada por diretores do Sindicato dos Bancários, moradores e dos lojistas do bairro São Caetano, além da CDL e ACI. Para o comerciante Erivaldo Matos, que tem conta nessa agência há muito tempo, o fechamento ‘é um desastre’. “Não é nada bom para o bairro. Nós aqui estamos nessa luta, pedindo que ele [o prefeito] olhe para os moradores e comerciantes. Tem que esquecer essa briga dele com o banco e pensar nos moradores do bairro.” afirmou.

Após a reunião representantes da Central dos Trabalhadores e Trabalhadoras do Brasil (CTB), também protocolaram pedido de providências junto ao Ministério Público do Estado da Bahia. O presidente do Sindicato dos Bancários, Jorge Barbosa, entende que é necessária a manifestação dos entes políticos, bem como dos empresários, clientes e usuários da Agência Grapiúna, do Banco do Brasil. Com informações de Andreyver Lima.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.