Plansul
uruçuca novo
Emasa
Cerveja Je assunção
Buerarema
Ieprol

ITABUNA: SECRETARIA DE SAÚDE ALERTA A POPULAÇÃO PARA SE VACINAR CONTRA A COVID-19

A vacinação contra o Covid-19 de adolescentes sem comorbidade teve início na quarta-feira, dia 8, nas Unidades Básicas e de Saúde da Família de Itabuna. Ao todo, somaram 822 pessoas vacinadas na faixa etária a partir dos 17 anos. Já para os adolescentes com comorbidade de 12 a 17 anos já foram aplicadas 586 doses na cidade.

Além disso, também foram aplicadas 1.135 segundas doses (D2) na quarta-feira. Entretanto, o número ainda é considerado pequeno se comparado ao déficit de segunda dose da população em geral que somam mais de 12.000 pessoas segundo estimativas. O equivalente 18% da população está em atraso ou não compareceu para completar seu esquema vacinal de acordo coma Secretaria Municipal de Saúde.

A segunda dose está com déficit também em grupos prioritários, a exemplo dos profissionais de educação com mais de 50% de abstenção no comparecimento para a 2ª dose. Segundo dados da Rede de Frio e da Vigilância Epidemiológica do Departamento de Vigilância em Saúde da Prefeitura somente 47% dos trabalhadores da educação das redes públicas e privadas completaram seu esquema vacinal, sendo 3.394 primeiras doses aplicadas e 1.594 em segundas doses.

No total, 76,8% da população adulta, com idade a partir dos 18 anos já foram imunizados com a primeira dose e 37,7% com a segunda dose ou dose única. Atualmente, acontece simultaneamente a vacinação contra o Covid-19 de D1 em repescagem de pessoas a partir de 18 anos, adolescentes com comorbidade de 12 a 17 anos, adolescentes sem comorbidade, a partir dos 17 anos, gestantes e puérperas, a partir de 12 anos, e população rural.

Já para a segunda dose, nesta semana estão sendo contempladas àquelas pessoas que estão com data de retorno no cartão de vacina para Oxford-Astrazenica e Coronavac, gestantes e puérperas com a Pfizer, profissionais da imprensa, integrantes da força e segurança.

O avanço da vacinação tem repercutido diretamente na ocupação de leitos de UTI Covid adulto. Segundo censo de quarta-feira apenas 23,91% dos leitos estavam ocupados na cidade. Entretanto, a secretária municipal de Saúde, Lívia Mendes Aguiar, alerta que “a população mais jovem precisa se conscientizar sobre a importância de se vacinar. E, àqueles que já se imunizaram com a primeira dose devem completar seu esquema vacinal para que seja evitada uma nova onda”, destacou.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.