Ieprol – Matrículas Abertas – Desktop Mobile
Itajuípe – Dengue Novo – Desktop/Mobile
Buerarema – Fevereiro Roxo e Laranja – Desktop/Mobile
Plansul – 31 anos – Desktop/Mobile
AACRRI – Reconstrução PIX – Desktop/Mobile

ITABUNA: VENDEDOR E COMPRADOR SÃO PRESOS AO NEGOCIAREM CARROS ROUBADOS ENTRE SI

Os policiais também descobriram que um dos veículos recuperados foi tomado de assalto de um taxista que foi morto a tiros em outubro/2022 na cidade de Itabuna.

Duas ocorrências curiosas movimentaram o plantão desta segunda-feira (13), em Itabuna, no Sul da Bahia. Dois automóveis clonados foram apreendidos por policiais rodoviários federais durante ações de combate às fraudes veiculares.

Tudo começou, quando uma equipe da PRF BA fazia fiscalizações na altura do quilômetro 508 da BR 101 e deu ordem de parada ao HB20, de cor branca, emplacado em Patos de Minas (MG).

Durante a fiscalização no carro, os policiais desconfiaram de alguns sinais de identificação e aprofundaram a verificação. Após algumas consultas a equipe constatou que o veículo tratava-se de um clone e que havia uma ‘queixa’ de roubo para o veículo original, registrada em dezembro/2022, na capital baiana.

O condutor também entregou aos policiais um CRLV com indícios de falsificação. Ele afirmou para a equipe da PRF que negociou o carro mediante a troca em um Voyage de sua propriedade. Disse ainda que assumiu o compromisso de pagar a diferença do valor da negociação em dinheiro.

Configurado o crime de receptação de veículo roubado (art. 180 do CP) e de uso documento falso (art. 304 do CP), o motorista foi preso e encaminhado para a Delegacia de Polícia Civil para lavratura do flagrante.

Em continuidade às investigações, os policiais conseguiram localizar o vendedor do HB20. Ele chegou na Delegacia a bordo de um Voyage, de cor branca, emplacado em Terra Nova (BA).

Para surpresa dos policiais, o Voyage também estava com as placas clonadas, modalidade utilizada para tentar encobertar a origem criminosa, já que o veículo original possuía uma ocorrência de roubo, registrada em outubro/2022 na cidade de Itabuna.

Os policiais também descobriram que o Voyage é o mesmo que foi tomado de assalto de um taxista, morto a tiros em 06/10/2022, na cidade de Itabuna.

O motorista, um homem de 40 anos, confirmou que recebeu o carro na negociação feita mediante a troca com o HB20.

Ele também foi preso por receptação e apresentado à autoridade policial pelo crime de receptação.

Clonagem não é um crime tão raro

A clonagem de veículos é comumente utilizada por quadrilhas especializadas que adulteram veículos furtados ou roubados e utilizam placas de veículos idênticos e legalizados a fim de passar despercebido por fiscalizações.

Apesar de grupos criminosos utilizarem-se de diversos artifícios para dificultar a identificação de veículos clonados, os policiais rodoviários federais passam por atualizações e treinamentos frequentes e aplicam técnicas avançadas, tornando-se verdadeiros especialistas no enfrentamento a fraudes veiculares.

Para se ter uma ideia, em 2022, foram recuperados em território baiano 835 veículos roubados ou furtados. Esses números expressivos é resultado do trabalho dos policiais rodoviários federais que trabalham dia e noite, para coibir crimes.

Sistema SINAL

A PRF conta com sistemas que possibilitam identificar se os veículos possui restrições, bem como se a documentação é autêntica. Dentre os sistemas, a PRF dispõe do SINAL que através de informações inseridas pelo próprio cidadão, possibilita o acionamento de equipes de policiais em um raio de 100 quilômetros do local da ocorrência, para auxiliar na recuperação do veículo.

Para isso, o cidadão que tiver seu veículo roubado, furtado, com perda de sinal, em seqüestro ou clonado, poderá fazer um cadastro do referido veículo no portal da PRF através do site www.prf.gov.br/sinal e inserir informações sobre o crime e as características do automóvel.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.