AACRRI
Plansul
Buerarema
Ieprol

MBL VIRA A METRALHADORA PARA LUCIANO HUCK

O famoso Movimento Brasil Livre, o MBL, que se destacou no pré-impeachment da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), e ter seus principais líderes acusados de lavagem de dinheiro, parece não saber pra que lado segue em 2018.

Primeiro se afastou do prefeito de São Paulo João Dória (PSDB), a quem estavam bastante alinhados. Depois passaram a elogiar o também presidenciável Jair Bolsonaro. Por fim, direcionaram, agora, a metralhadora para o apresentador da Rede Globo, Luciano Huck.

De acordo com o colunista Lauro Jardim, em O Globo, somente nesta sexta-feira, 20, foram quatro postagens contra o apresentador. Em um deles, elenca a coluna, critica a posição “desarmamentista” de Huck e em outro mostra uma montagem de fotos do apresentador na companhia de Joesley Batista, Aécio Neves, Lula e Sérgio Cabral. “Olha a renovação que Luciano Huck quer na política nacional”, diz a postagem.

O MBL poderia recordar da foto do líder do movimento Kim Kataguri ao lado de deputados envolvidos em corrupção, inclusive o ex-deputado Eduardo Cunha (PMDB). Será que vai ter panela, dancinha e coreografia desta vez?

O líder do MBL Kim Kataguri ao lado de deputados envolvidos em corrupção. Dentre eles, Eduardo Cunha

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.