Ieprol – Matrículas Abertas – Desktop Mobile
Plansul – 31 anos – Desktop/Mobile
PM Itabuna – Lavagem do Beco
Buerarema – Fevereiro Roxo e Laranja – Desktop/Mobile
Itajuípe – Dengue Novo – Desktop/Mobile
AACRRI – Reconstrução PIX – Desktop/Mobile

OPOSIÇÃO MONTA PLENÁRIO PARALELO PARA DENUNCIAR TEMER

A ação faz parte da estratégia de esvaziar o Plenário da Casa onde acontecerá a votação da segunda denúncia contra Temer e seus ministros pelos crimes de obstrução de justiça e organização criminosa.

“O Plenário é aqui! Ordem do Dia: Dignidade.” Com esses dizeres, parlamentares da Oposição e membros de partidos da base que estão insatisfeitos com Temer, montaram um Plenário alternativo no meio do Salão Verde para denunciar as negociatas do peemedebista para se manter no poder. A ação faz parte da estratégia de esvaziar o Plenário da Casa onde acontecerá a votação da segunda denúncia contra Temer e seus ministros pelos crimes de obstrução de justiça e organização criminosa.

Para a líder do PCdoB, deputada Alice Portugal o Brasil vive uma verdadeira “desordem administrativa e política” desde que Temer assumiu a Presidência da República por meio de um golpe contra Dilma Rousseff. “Michel Temer tem semanalmente defenestrado a soberania nacional. É perdão de dívidas de ruralistas, leniência para bancos, anistia de multas de crimes ambientais, trabalho escravo. Os crimes precisam ser investigados antes que ele acabe com o país”, alertou a parlamentar.

Enquanto este grupo movimenta o Salão Verde, aliados de Temer dão andamento à sessão, com as falas do relator, Bonifácio de Andrada (PSDB-MG), e dos advogados de defesa dos denunciados.

De acordo com um painel exposto na Câmara com três opções de votos – investigar Temer, em cima do muro, salvar Temer – a disputa está acirrada: 168 parlamentares querem declaradamente que o chefe da gangue do PMDB seja investigado; 98 se colocaram em cima do muro; e 146 continuam do lado do peemedebista, bancando sua salvação.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.