Serra Grande
Ieprol
Ubaitaba Inst novo
Buerarema
URUÇUCA

PORTEIRO DO ‘SEU JAIR’ TRABALHA HÁ 13 ANOS NO VIVENDAS DA BARRA, APONTA COLUNA

O porteiro que escreveu “casa 58” no caderno da portaria do Condomínio Vivendas da Barra, onde Jair Bolsonaro e o acusado de matar Marielle Franco e Anderson, Ronnie Lessa têm casa, não era nenhum novato no emprego.

Segundo o Jornalista Guilherme Amado, da Época, em seu depoimento, ele relatou que já estava havia 13 anos no Vivendas da Barra e, quando disse que a voz do outro lado da linha era do “seu Jair”, sabia do que estava falando, pois “conhecia bem” a voz de Bolsonaro.

Com todas estas informações, comprovadamente verídicas, o jornalista levanta um questionamento interessante que ainda precisa ser respondido: com que objetivo um porteiro que trabalha há 13 anos no mesmo lugar iria comprar uma briga com o presidente da República e ou com um notório matador, Ronnie Lessa?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.