COLÉGIO JORGE AMADO
Pref ilhéus
Buerarema
Plansul
Ieprol

PREFEITOS FAZEM APELO AO ESTADO E UNIÃO PARA O ATENDIMENTO URGENTE AOS MUNICÍPIOS

Os municípios que integram a Amurc estão há quase 3 dias sofrendo os impactos causados pelas fortes chuvas. O cenário nas ruas e nas zonas rurais é de destruição de casas e pessoas desabrigadas necessitando urgente da doação de água potável, alimentos e produtos de uso pessoal. O presidente da Amurc e prefeito de Itajuípe, Marcone Amaral, fez um apelo às autoridades políticas durante um pronunciamento na rede social.

“A população [de Itajuípe] já está a mais de 24 horas sem abastecimento de água e todo mundo está sentindo sérias necessidades de tomar água e se alimentar. Faço um apelo ao Governador Rui Costa, por favor, ajude Itajuípe. Não chegou ajuda ainda para gente. Governo Federal, a situação é crítica, a nossa população está pedindo socorro, e a gente precisa muito de vocês”.

Assim como Marcone, outros prefeitos estão passando pela mesma situação e utilizando as redes sociais para reclamar da burocracia no atendimento às demandas urgentes dos municípios. O prefeito de Gongogi, Adriano Mendonça destacou que está sem acesso ao distrito de Nova Palma para levar medicamentos, alimentos, colchões, entre outros mantimentos.

O prefeito de Buerarema, Vinícius Ibrann também manifestou a sua insatisfação com a burocracia para aprovar recursos destinados aos municípios, e questionou: “Qual o caminho que os municípios devem fazer para chegar até as ajudas que estão sendo divulgadas? Porque estamos sendo cobrados pela população”. O gestor ainda destacou que, diante da situação de calamidade pública no município, “estará comprando com recurso próprios cestas básicas para o povo desabrigado”.

Diante do estado calamidade pública, os municípios somam esforços com as equipes de governo e grande participação de voluntários, já que não possuem a capacidade de recursos financeiros, material e humano para responder ao tamanho do desastre ocorrido. Nesse sentido, os prefeitos conclamam a desburocratização urgente dos recursos dos governos, Estadual e Federal, para o atendimento urgente às necessidades básicas da população e de reconstrução das cidades.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.