Buerarema
Colégio Jorge amado
Plansul
uruçuca novo
Ieprol

REPRESENTANTES DE SINDICATOS E MOVIMENTOS SOCIAIS FAZEM ATO CONTRA GOVERNO BOLSONARO NA CAPITAL BAIANA

Integrantes de sindicatos e movimentos sociais realizaram, na manhã deste domingo (21), ato contra o Governo Bolsonaro, na Praça Municipal, em Salvador. Os manifestantes protestaram pela vacinação em massa, auxílio emergencial no valor de R$ 600, defesa do Sistema Único de Saúde e contra o presidente da República.

A presidente da Central Única de Trabalhadores na Bahia, Madalena Firmo, a Leninha, disse que o movimento representa a luta pela garantia da vida. “Já são praticamente 250 mil mortes e o governo anuncia um plano de imunização que dificilmente será executado nos prazos estabelecidos. Não podemos aceitar que mais de mil pessoas morram todos os dias no País”, disse.

Para Lucivaldina Brito, diretora do Sindicato de Trabalhadores Federais em Saúde, Trabalho e Previdência Social (Sindprev), as únicas coisas que crescem o Governo Bolsonaro são os preços da cesta básica e dos combustíveis, a miséria e as mortes por COVID-19.

Já a vereadora Laina, do Coletivo Pretas por Salvador, disse que é preciso uma unidade de esquerda para enfraquecer Bolsonaro e aliados. “Não devemos esquecer que o prefeito Bruno Reis é o ex, ACM Neto, seguem as políticas de Bolsonaro. Também temos que pensar em alternativas que propiciem renda para o povo mais pobre. Não dá para confiná-los em casa sem comida e sem recursos”, finalizou.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.