Jequitibá
Pref itabuna
Ieprol
Ubaitaba Inst novo
Buerarema
URUÇUCA
Navegação na tag

Câmara de Vereadores

ITABUNA: VEREADORES DEFENDEM CEI PARA APURAR REPASSES DE R$ 25 MILHÕES DURANTE PANDEMIA

O vereador Júnior Brandão (REDE) é autor de requerimento apresentado à Secretaria Parlamentar, para instalação de uma Comissão Especial de Inquérito – CEI, na Câmara de Itabuna. Inicialmente subscrito pelos parlamentares, Chicão (DC); Babá Cearense (PSL); Charliane Sousa (MDB); Enderson Guinho (Cidadania) e Jairo Araújo (PCdoB), o pedido tem como intuito a apuração de “possíveis irregularidades para com as liberações de emendas parlamentares de deputados federais e emendas de bancada para a cidade de Itabuna”.

A justificativa para a Câmara de Vereadores instaurar a investigação é a divergência entre a Prefeitura e a Santa Casa de Misericórdia, quanto ao direito a aplicar os referidos recursos. Em termos de valores, estão em discussão mais de R$ 25 milhões, que a Santa Casa considera apta a receber devido a ofícios que recebeu dos deputados e a consultas ao Fundo Nacional de Saúde.

São R$ 23 milhões decorrentes de acordo judicial, mais R$ 1.669.499,22 (enviados pelo deputado federal Uldurico Pinto/PV); R$ 600 mil (vindos do parlamentar Adolfo Viana/PSDB) e outros R$ 150.227,00 (oriundos do deputado federal Cacá Leão/PP). Porém, a Secretaria Municipal de Saúde questiona a obrigatoriedade de repassar tais valores à entidade. Como sustentado acima, a única a dispor neste momento, por exemplo, dos tão buscados leitos de UTI (Unidade de Terapia Intensiva), para socorrer pacientes acometios pela Covid-19.

Trata-se de uma discordância evidente na audiência promovida pelo Legislativo na última terça-feira (12), por meio das falas do Secretário Municipal de Saúde, Uildson Nascimento, e do Superintendente de Saúde da SCMI, Adalberto Bezerra. “Acredito que essa disputa de recursos acaba refletindo nas prestações de serviço da Santa Casa, única unidade hospitalar que tem leitos de teria intensiva contratados pela Sesab [Secretaria de Saúde do Estado da Bahia] até este momento”, argumentou Júnior Brandão.

Trâmites legais

Na sessão ordinária remota da última quarta-feira (13), ele ressaltou a importância da anuência de outros edis à instauração da CEI. “O Poder Legislativo não pode permitir “que disputas políticas inferfiram no ato de salvar vidas, de pagar salários dos servidores, de comprar e pagar aos fornecedores diversos”.

Sobre os trâmites legais na Câmara, o Regimento Interno exige que haja, pelo menos, sete assinaturas no pedido para ratificar a formalização de uma CEI. Até aqui, seis estão asseguradas.

Leia mais...

SALVADOR: GERALDO JÚNIOR FILIA-SE AO MDB

O Presidente da Câmara de Vereadores de Salvador, Geraldo Júnior, filiou-se ao MDB nesta sexta-feira, 3. Após reuniões com dirigentes do partido, ele bateu o martelo. O iPolitica antecipou em janeiro. (Relembre)

De acordo com Informações, Geraldo Júnior vai participar do comando do partido na Bahia, ao lado do presidente estadual da legenda, Alex Futuca. ”É com muita honra que recepcionamos no MDB uma das maiores lideranças políticas do Estado da Bahia”, disse Alex.

A ficha de filiação foi abonada pelo deputado federal Baleia Rossi, presidente nacional da sigla, que participará de vídeo conferência com o presidente do Legislativo Municipal de Salvador.

Com relação à sua pré-candidatura, Geraldo Júnior afirma: “só me filiei agora devido ao prazo eleitoral para troca de partido, que finda amanhã (4). Mas não está decidido se serei pré-candidato a vice na chapa de Bruno Reis ou pré-candidato a vereador. Este não é o momento. É época de concentrar os esforços políticos no combate ao Novo Coronavírus”, pontuou.

Leia mais...

ITABUNA: POPULAÇÃO É CONVIDADA PARA DISCUTIR ASSISTÊNCIA SOCIAL EM NOVA LEI ORGÂNICA

Continuará na noite desta quinta-feira (28), a partir das 19 horas, a série de audiências em prol da reforma e atualização da Lei Orgânica do Município de Itabuna (LOMI). O tema em discussão, na sala de Comissões Técnicas da Câmara de Vereadores, será Assistência Social. Para sugerir, opinar, debater o assunto, está convidada a população em geral, assim como conselhos e sindicatos.

Segundo o presidente da Casa, Ricardo Xavier (Cidadania), o objetivo das audiências é estimular a participação popular no trabalho para modernizar a lei mais importante do nosso município, a nossa Constituição. “O mais interessante é que, ao final, seja uma lei que facilite o bem-estar, os investimentos, a geração de emprego, de forma que a sociedade ganhe. Quem quiser participar poderá ter as digitais na Carta Magna municipal”, frisou.

Prazo para emendas

Terminará em 10 de dezembro o período para a população apresentar sugestões de emendas àquela que é a verdadeira Constituição em âmbito municipal. A pessoa tem a opção de manifestar-se no site do Poder Legislativo (www.cmvitabuna.ba.gov.br), onde logo encontra um formulário específico. A nova LOMI deverá ser entregue para apreciação dos vereadores em fevereiro, assim que começar o Ano Legislativo de 2020.

A comissão de edis designada para acompanhar o trabalho em favor da atualização da Lei, inclusive com reuniões semanais, é formada pelos seguintes nomes: Júnior Brandão (PT) é presidente; Enderson Guinho (PDT), vice-presidente; Beto Dourado (PSDB), relator; Jairo Araújo (PCdoB), relator-adjunto; Charliane Sousa (PTB), secretária; Robinho (PP), secretário-adjunto.

Leia mais...

ITABUNA: VEREADORES APURAM IRREGULARIDADES EM REPASSES À ESTER GOMES

Os vereadores Enderson Guinho (PDT), Charliane Sousa (PTB), Jairo Araújo (PCdoB) e Babá Cearense (PSL) solicitaram documentos ao secretário de saúde, Uildson Nascimento, durante reunião na Câmara Municipal. Na terça, 19, o gestor atendeu à convocação de comissões da Casa. O quarteto apura se houve irregularidade nos repasses de recursos à Maternidade Ester Gomes.

Com base em informações do Conselho de Saúde, Charliane questionou um repasse de R$ 289 mil em 2017, que teria ocorrido sob a forma de empréstimo. Segundo conselheiros ouvidos na reunião, a Ester Gomes afirmou que o dinheiro foi devolvido integralmente, porém o Conselho alega que não teve como verificar documentalmente a restituição.

Indagado sobre o motivo da devolução, Uildson respondeu que desconhecia a razão, mas “vou apurar essa questão [porque] secretaria não é banco para fazer empréstimo”, informou. O gestor da saúde itabunense esclareceu que a lei permite o adiantamento de recursos pelos prestadores de serviços. Em tempo, Jairo Araújo pediu cópia do extrato comprobatório da devolução.

Também convocado pela Câmara, Sérgio Oliveira – conselheiro da Fundação Fernando Gomes, mantenedora da maternidade – não compareceu à reunião. O presidente da Comissão de Saúde, Enderson Guinho, informou que medidas legais serão tomadas. “Mesmo pessoas privadas, física ou jurídica, quem recebam verba pública estão submetidas à fiscalização legislativa”, salientou.

Guinho encerrou a reunião defendendo a abertura de uma Comissão Especial de Inquérito (CEI) para investigar as denúncias envolvendo contratos com prestadores de serviços. “Essa Casa não pode se omitir de apurar. Estão claros os atos ilegais. Mesmo dinheiro devolvido não apaga o crime. Infelizmente, apenas seis vereadores assinaram até agora”, lamentou.

Leia mais...

ITABUNA: CÂMARA ABRE MOVIMENTO DE UNIÃO POR REGIÃO METROPOLITANA DO SUL DA BAHIA

O clima de mãos dadas e palavras de consenso predominou na reunião em defesa da Região Metropolitana do Sul da Bahia, promovida ontem (19), no Plenário da Câmara de Vereadores de Itabuna. Como anfitrião e entusiasta da causa, o presidente do Legislativo, Ricardo Xavier (Cidadania), sublinhou a importância de uma luta sem divisões de cunho político-partidário.

Foto Gabriel de Oliveira

“Como Ilhéus e Itabuna, as duas maiores cidades, não conseguem desenvolver ações em conjunto? Na região, cidades com potencial no turismo, na agricultura, no comércio. Então, esse movimento não pode ser do partido A, partido B, cidade A ou cidade B. Tem que ser todos os prefeitos, vereadores, entidades, todos unidos. Essa apresentação aqui é para a gente ganhar soldados por um exército. Que dessa forma a gente convença o governador Rui Costa, que tem sido uma presença constante em nossa região”, disse, sobre a primeira instância antes do pleito chegar à Assembleia Legislativa.

(mais…)

Leia mais...

ITABUNA: SUSTENTABILIDADE E CONSUMO CONSCIENTE SÃO TEMAS DO PROJETO “QUEREMOS SABER!”

Foi comemorado, no último dia 15 de outubro, o Dia do Consumo Consciente; data instituída em 2009 pelo Ministério do Meio Ambiente, com o objetivo de alertar a população brasileira sobre os impactos do processo de produção e consumo no ecossistema.

A Câmara de Itabuna, motivada pela discussão e debate de temas relevantes e de interesse coletivo, lança a oitava edição do projeto “Queremos Saber!” com a temática em torno da sustentabilidade, agroecologia e medidas que podem ser tomadas pela população em geral visando a preservação do meio ambiente. O projeto, uma iniciativa do Legislativo Itabunense, ocorrerá às quinze horas da tarde do próximo dia 29, no Plenário Raymundo Lima.

O convite para proferir a palestra principal foi formulado ao representante do Movimento Mecenas da Vida, Sidilon Maurício Ferreira Mendes, que realiza um trabalho de conservação ambiental em parcerias com famílias de agricultores tradicionais com a finalidade de preservar e conservar as florestas e toda a sua biodiversidade. Para ampliar o debate, foi convidada a representante da Rede de Agroecologia Povos da Mata, Tatiana Botelho; Claudio Lyrio, representando o Centro de Agroecologia e Educação da Mata Atlântica e Estação Orgânica Grapíúna; e a vice-diretora do Centro Territorial de Educação Profissional do Litoral Sul II, Denise Menezes. O evento é gratuito, aberto ao público e o objetivo é aproximar a população do Legislativo, buscando soluções e alternativas para as questões do nosso município e do nosso país.

Segundo o presidente Ricardo Xavier, a proposta da Câmara de Itabuna é “despertar na comunidade a importância do pensamento e comportamento sustentáveis, com responsabilidade ambiental, escolhendo produtos e posturas que utilizem menos recursos naturais em sua produção e que sejam facilmente reutilizáveis e reciclados”, salientou.

O convite para participação de mais uma edição do projeto “Queremos Saber!” é extensivo aos professores, estudantes, mobilizadores sociais, universitários, empresários, produtores e especialistas no tema que contribuam para o debate.

Leia mais...

ITABUNA: AUDIÊNCIA PÚBLICA DEBATE O CONTIGENCIAMENTO DE RECURSOS FEDERAIS ÀS INSTITUIÇÕES DE ENSINO

A Associação dos Municípios da Região Cacaueira – Amurc e a Câmara Municipal de Vereadores estarão reunindo representantes das instituições de Ensino Federal da região e a sociedade civil na próxima terça-feira, 24, das 9 às 12 horas, no Plenário Raymundo Lima, em Itabuna, para debater sobre os impactos provocados pelo contingenciamento de verbas nas instituições e a sua importância para o desenvolvimento regional.

O evento contará ainda com a presença de docentes, discentes e colaboradores das instituições, visando ampliar os debates em defesa das instituições de Ensino Federal no Sul da Bahia. Segundo o presidente da Amurc, Aurelino Cunha, os representantes das instituições vão poder ressaltar o papel das unidades para o desenvolvimento territorial e os impactos provocados pelo contingenciamento das verbas.

Segundo a reitora da Universidade Federal do Sul da Bahia – UFSB, Joana Angélica Guimarães, a sociedade precisa entender que a universidade é um patrimônio público da região, e todo o impacto vai reverberar na sociedade. Ela falou ainda da necessidade de “ampliar a frente de defesa das instituições federais, com a participação política [de prefeitos, vereadores, deputados estaduais e federais], visando potencializar o poder de força e abrangência do debate em outras regiões do Estado da Bahia”.

Impactos

Ainda na sua fala, a reitora destacou que está no projeto de ampliação da UFSB, a criação de outros colégios universitários no Sul da Bahia, que poderão ser comprometidos com a medida do Governo Federal. Nos casos de Porto Seguro e Teixeira de Freitas, onde possuem campus da universidade, a situação é mais grave, tendo em vista que apenas cerca de 30% da obra de ampliação está pronta. “Isso implica no atraso. E, se não conseguirmos recursos para manter essa obra, a gente ficaria com cerca de 70% da obra comprometida”, afirmou a reitora.

O impacto atingiu o Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Baiano – IFBaiano, que dá continuidade ao legado deixado pela Escola Média Agropecuária Regional – Emarc, em Uruçuca. Segundo o diretor geral, Daniel Carlos Pereira, a unidade abriga cerca de 240 alunos de várias cidades da região, que vão em busca de formação técnica, superior e de especialização. No entanto, a instituição teve o corte de 51% do orçamento de custeio, e teve que demitir terceirizados e diminuir as viagens técnicas para pesquisa e extensão.

Nessa mesma perspectiva, o Instituto Federal da Bahia – Ifba (Campus de Ilhéus), que oferece ensino básico e superior, além de pesquisa e extensão, vem sofrendo com cortes de verbas desde 2016. Na contramão disso, o diretor administrativo do campus, Jorge Fabrício Lima, explica que “as despesas vêm aumentando. Além disso, o instituto não teve recursos para investimentos em 2018 e 2019”. Em razão disso, medidas já estão sendo tomadas e o impacto na qualidade de ensino já foi gerado na instituição.

Leia mais...

TEIXEIRA DE FREITAS: TCM PUNE PRESIDENTE DA CÂMARA RONALDO CORDEIRO POR IRREGULARIDES NA CONTRATAÇÃO DE EMPRESA DE CONSULTORIA

O Tribunal de Contas dos Municípios, nesta quinta-feira (12/09), julgou parcialmente procedente denúncia formulada pelo cidadão Vanderlei Eurico Alves Filho contra o presidente da Câmara de Teixeira de Freitas, Ronaldo Alves Cordeiro, em razão de irregularidades na contratação direta de empresa para prestação de serviços de “consultoria em gestão de acompanhamento dos processos licitatórios junto a Comissão Permanente de Licitação e no setor de Patrimônio da Câmara”. A contratação foi realizada no exercício de 2019.

O conselheiro substituto Antônio Emanuel de Souza, relator do processo, determinou o ressarcimento aos cofres municipais da quantia de R$10.800,00, com recursos pessoais, pela não comprovação dos serviços remunerados. Os conselheiros do TCM também aprovaram a aplicação de multa de R$3 mil ao gestor.

Para a relatoria, o serviço não poderia ter sido contratado com inexigibilidade de licitação, vez que o objeto não possui a natureza singular exigida na Lei de Licitações. Além disso, o contrato não apresenta particularidades que possam diferenciar o serviço contratado dos trabalhos administrativos que caracterizam o dia a dia de uma Câmara de Vereadores.

O processo de inexigibilidade também não foi instruído com a justificativa do preço, o que poderia ter sido feito com a remessa de pesquisa de mercado, sem a qual se põe em xeque a economicidade do contrato celebrado no valor total de R$64.800,00. Também não foi indicado um representante da administração para fiscalização do contrato.

Por fim, em relação a dois processos de pagamento, no valor total de R$10.800,00, não se encontrou na documentação que os instrui os comprovantes da efetiva da prestação dos serviços remunerados.

O Ministério Público de Contas, em parecer da procuradora Camila Vasquez, opinou pelo conhecimento e procedência da denúncia e pela aplicação de multa ao presidente, sugerindo, inclusive, a representação ao Ministério Público de Estado da Bahia “diante dos indícios da prática de infração penal e de ato de improbidade administrativa”.

Leia mais...

COMISSÕES DO LEGISLATIVO DEBATERÃO A SAÚDE ITABUNENSE NESTA QUINTA-FEIRA

Duas Comissões Técnicas do Legislativo itabunense (Saúde e Direitos Humanos) uniram-se para discutir, em Audiência Pública, a realidade da Saúde Pública em Itabuna. O evento será realizado na Sala Filemon de Souza Brandão, às 10h. A audiência deve contar com a participação de membros do Conselho Municipal de Saúde.

Os presidentes Enderson Guinho, da Comissão de Saúde, e Jairo Araújo, de Direitos Humanos, frisaram que a proposta é oportunizar ao Conselho o espaço para apresentação do diagnóstico traçado sobre a saúde itabunense. “A partir desse estudo teremos condições de sugerir alternativas para superar o quadro crítico que afeta nosso município”, frisaram.

Leia mais...

ITABUNA: PROJETO EDUCÂMARA LEVA ESTUDANTES DO CIEI PARA CONHECER O LEGISLATIVO MUNICIPAL

Projeto do vereador Enderson Guinho (PDT), o Educâmara tem como objetivo apresentar aos estudantes do ensino médio o funcionamento da Casa Legislativa e a formação política.

Nesta terça-feira, 10, estudantes do CIEI (Amélia Amado) foram os primeiros a serem contemplados com o projeto. Os jovens tiveram a oportunidade de conhecer todo o funcionamento da Câmara e aprofundar em questões políticas municipais.

Para o vereador Enderson Guinho, autor do projeto, os alunos são bastantes engajados e comprometidos com a sociedade. “Foi uma manhã de bastante aprendizado, alunos engajados e comprometidos com a nossa sociedade”, disse Guinho.

Leia mais...

“QUEREMOS SABER!” COLOCOU EM DISCUSSÃO ELEMENTOS QUE FORMAM MEMÓRIA DE ITABUNA

A edição de agosto do programa “Queremos Saber!”, na Câmara de Itabuna, reuniu ontem, dia 27, a sociedade para discutir sobre o patrimônio histórico da cidade. Uma explanação feita pela Professora Dra. Janete Ruiz de Macedo levou à reflexão e questionamentos, como: qual a identidade social de Itabuna? O que está sendo feito da memória, da cultura e do patrimônio histórico da cidade?

Proposta e presidida pelo vereador Júnior Brandão, o projeto também reuniu a presidente do Conselho de Turismo, Eva Lima; o presidente do Conselho de Políticas Culturais, Lula Dantas; representando o presidente da FICC – Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania – Daniel Leão, sentou-se à mesa o cantor Jan Costa.

Na plateia, professores, estudantes, jornalistas e produtores culturais ouviram a professora Janete chamar a atenção sobre o fechamento de equipamentos como o Museu Casa Verde, no centro da cidade, e a Casa de Jorge Amado, em Ferradas.

Ela também frisou a importância de ações para o desenvolvimento de hábitos culturais e o papel da escola como “grande reprodutora de memórias de uma sociedade”. Também reforçando o valor do tripé educação, cultura e cidadania, Lula Dantas constatou: “Há uma lacuna de políticas públicas para a cultura de Itabuna; ainda lutamos por essa instância”.

A professora Janete Macedo adiantou, ainda, que a Rede Uesc de Museus realizará uma exposição sobre personagens amadianos, na Casa de Jorge Amado, em Ferradas, a partir do dia 23 de setembro.

O vereador Júnior Brandão reuniu sugestões apresentadas no projeto e adiantou, entre as primeiras medidas, um documento pedindo a reabertura do Museu Casa Verde e da Casa de Jorge Amado, além da proposta para a Secretaria Municipal de Educação viabilizar a ida de alunos aos museus da cidade. Outra possibilidade é a oferta de um livro para os alunos do 3º ano do ensino fundamental cuja tônica será o patrimônio histórico da cidade.

O edil adiantou, ainda, que recursos para a cultura devem ser textualmente introduzidos na LDO (Lei de Diretrizes Orçamentárias) de 2020.

Leia mais...

ITABUNA: APÓS DENÚNCIAS, VEREADORES VISITAM MATERNIDADE ESTÉR GOMES

Quatro vereadores de Itabuna estiveram na Maternidade Ester Gomes, conhecida maternidade da mãe pobre nesta segunda-feira, 19. Eles foram conferir as diversas denuncias de gestantes e pais dos pacientes pediátricos da unidade hospitalar.

Charliane Sousa (PTB), Chicão (PTB), Enderson Guinho (PDT) e Jairo Araújo (PCdoB), foram ver de perto a situação.

De acordo com Guinho, o Gestor da Maternidade fez duras críticas a Central de Regulação e ao Hospital Manoel Novaes. O vereador, que preside a comissão de saúde, afirmou que vai convocar o Secretário interino de saúde, Ministério Público, a Direção do Hospital Manoel Novaes e da Central de Regulação para solução do problema.

A vereadora Charliane Sousa constatou que as informações de que os serviços estavam regulados, não procediam pois apurou pessoalmente um caso de uma gestante com gravidez de risco que aguardava desde sexta-feira para realizar o parto e só no momento que buscou informações junto ao Novais que se constatou que não havia o registro da paciente na regulação. “Ainda assim o Novais recebeu a paciente e voltei a Maternidade para solicitar o relatório da paciente regulada e apurei que o registro havia sido feito no momento em que eu estava solicitando.”, disse.

Leia mais...

ITABUNA: CÂMARA LANÇA NOVO SISTEMA DE OUVIDORIA

O Legislativo Itabunense inaugura na próxima sexta-feira, dia 16, o novo sistema de Ouvidoria com interface fácil, moderno, online e que permite a qualquer cidadão acompanhar os processos da Casa e sugerir melhorias.

Cumprindo um dos objetivos da Mesa Diretora, o novo sistema é mais uma ferramenta de aproximação com a sociedade, possibilitando que a relação do Poder Legislativo com a população itabunense seja cada vez mais pautada na transparência e na cidadania.

Por meio da ferramenta, será possível fazer sugestões, apontar melhoramentos, esclarecer dúvidas acerca dos processos parlamentares e acompanhar, online, todo o trâmite interno de encaminhamento, resolução e resposta acerca da demanda que levou o munícipe ao contato com a Ouvidoria da Câmara de Itabuna.

“A intenção do sistema é ser intuitivo, onde a população entra com sua demanda e pode acompanhar de onde ela estiver, desde a entrada até a conclusão. É um sistema fácil, que possibilita acesso pelo celular e o grande diferencial é a opção de anexar fotos e documentos ao processo, ajudando o Poder Legislativo a averiguar e tomar as providências que forem cabíveis”, apontou o Ouvidor da Câmara de Itabuna, Thales Rodrigues da Silva.

A ferramenta estará disponível no site da Câmara – www.cmvitabuna.ba.gov.br

Leia mais...

ITABUNA: QUADRILHA QUE ATUAVA NA CÂMARA DE VEREADORES É CONDENADA PELA JUSTIÇA

A pedido do Ministério Público estadual, a Justiça condenou ontem (30) os integrantes de um esquema criminoso que praticava fraudes em processos licitatórios e desviava verbas públicas da Câmara de Vereadores de Itabuna no ano de 2012. Foram condenados em regime inicial fechado, pelos crimes de peculato, por terem se apropriado enquanto funcionários públicos de dinheiro público ou particular de que tinham a posse em razão do cargo, o ex-vereador Clóvis Loiola de Freitas a 19 anos, cinco meses e dez dias de prisão; Kleber Ferreira, ex-presidente da comissão de licitação, a 15 anos, seis meses e 20 dias de prisão; Eduardo Freire de Menezes a dez anos e dez meses de prisão; e José Rodrigues Júnior a 5 anos de prisão.

Também foi condenado a dois anos e oito meses de prisão, por ter fraudado o caráter competitivo de procedimento licitatório, Alisson Rodrigues, em regime inicial aberto. A pena foi substituída por medidas restritivas de direitos de prestação de serviços à comunidade e prestação equivalente a três salários mínimos, em benefício de instituição beneficente. A Justiça absolveu Normélia Barbosa Silva, Roberto Tadeu Pontes de Souza e José Ricardo Mattos Bacelar, que também foram denunciados pelo MP.

(mais…)

Leia mais...

ITABUNA: O PROJETO “QUEREMOS SABER” DEBATE SOBRE FAKE NEWS

A Câmara de Vereadores de Itabuna promoveu nesta terça-feira (18) uma palestra sobre fake news, como parte do projeto Queremos Saber. A delegada e professora Katiana Amorim foi a palestrante do evento, que contou com a presença de Tayná Borges, assessora de marketing da prefeitura, Alessandro Dantas, especialista em marketing digital, Jose Nasal, vice-prefeito de Ilhéus, os vereadores Enderson Guinho (PDT), Pastor Francisco (PRB) e Júnior Brandão (PT), o qual presidiu a sessão.

O tema fake news tomou uma proporção maior nos últimos tempos, apesar de já existir notícias falsas desde sempre. As eleições presidenciais norte americanas e a última eleição no Brasil, foram os momentos de crescimento do termo fake news. A professora e delegada, Katiana Amorim, citou vários casos aqui em nossa região voltado ao tema.

O mais relevante e recente, foi o suposto ataque na Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), onde mensagens vazadas por uma rede social informava um suposto ataque contra os estudantes e professores da instituição. “Assim que soubemos do fato, o pessoal de Ilhéus tomou as providências, investigou e em menos de 72 horas já estavam na casa do indivíduo que emitiu as mensagens de ameaça, isso mostra a eficiência da polícia civil para assuntos delicados, como esse”, disse Katiana.

Tayná Borges relatou sobre falsas notícias que são espalhadas pelas redes sociais, voltada à ações da prefeitura. Uma grave notícia espalhada nas redes sociais, foi um suposto roubo de crachás e materiais dos agentes de endemias, levando um certo pânico para a população.

O evento reuniu várias entidades da imprensa de Itabuna e região.

Leia mais...