faculdade de ilheus
Plansul
Cerveja Je assunção
Buerarema
Ieprol
Navegação na tag

Capoeira

“CAPOEIRA, IDENTIDADE E GÊNERO” É PAUTA DO FÓRUM VIRTUAL QUE ACONTECE DIA 24 DE ABRIL

A comunidade da capoeira se reúne no 1º Fórum sobre Capoeira Identidade e Gênero. A proposta tem o intuito de preservar a memória da capoeira e criar um espaço de discussão acerca do processo de reconhecimento e valorização das mulheres que  contribuíram com essa história.

As atividades do Fórum serão totalmente online e transmitidas ao vivo pelo auditório virtual da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB) no youtube, no dia 24 de abril a partir das 09 horas.

O Fórum Capoeira Identidade e Gênero pretende ser um espaço permanente de articulação do setor, agregando mestras, mestres, contramestres, professoras, praticantes e pesquisadores oriundos de diferentes grupos, vertentes e linhagens, em uma organização autônoma, democrática e plural.

Iniciativa de um coletivo de capoeiristas da cidade baiana Itabuna e com o apoio institucional da Proex em Cultura da Universidade Federal do Sul da Bahia (UFSB), do Programa da Pós Graduação em Ensino e Relações Étnico Raciais – PPGER/UFSB; e do Programa Ser Mulher da Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC). O projeto tem o apoio financeiro da Prefeitura Municipal de Itabuna através da Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (Programa Aldir Blanc Itabuna) via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultural do Ministério do Turismo, Governo Federal.

Acompanhe nosso Instagram @forumcapoeiragenero e conheça mais sobre os palestrantes.

Veja a Programação:

(mais…)

Leia mais...

ILHÉUS TERÁ OFICINA PARA ELABORAR PROJETOS DE CAPOEIRA

A Secretaria da Cultura (Secult) de Ilhéus realiza na próxima terça-feira (18) um curso para elaborar projetos de capoeira. O objetivo é atender a proposta do edital Manoel Barreto, iniciativa que instruirá mestres, contramestres e grupos. As aulas serão ministradas na sede da Secult, a partir das 18 horas, situada à Rua Jorge Amado, 21, um dos corredores do Centro Histórico de Ilhéus. A inscrição está aberta e pode ser feita até o dia 15 de outubro, exclusivamente na sede da secretaria.

Serão habilitadas propostas que estimulem o desenvolvimento da capoeira nos diversos bairros e distritos de Ilhéus. O cronograma de ação deverá ser executado de 7 de janeiro a 15 de fevereiro de 2019. Informações adicionais podem ser obtidas através do telefone (73) 3231-7531. Para acompanhar o edital basta acessar o link http://cultura.ilheus.ba.gov.br/detalhe-da-materia/info/edital-manoel-barreto/91428.

O edital Manoel Barreto é exclusivo para grupos e proponentes de Ilhéus. As propostas inscritas podem contemplar batizados, troca de cordões, aquisição de materiais, realização de ações de formação (seminários, oficinas, cursos, dentre outros) na área da capoeira e distintas formas de criação e apresentação que propiciem o acesso à capoeira. O valor da premiação é de R$ 2.500,00 e serão selecionadas 10 propostas, sendo três pertencentes aos distritos.

Leia mais...

BAHIA: GOVERNO LANÇA EDITAL QUE DESTINA R$ 500 MIL PARA FORTALECIMENTO DA CAPOEIRA

A capoeira na Bahia ganhou um incentivo nesta terça-feira (12) com o lançamento de edital do Governo do Estado, por meio da Secretaria do Trabalho, Emprego Renda e Esporte (Setre). Serão destinados R$ 500 mil para projetos que contemplem eventos esportivos. O edital foi apresentado a representantes de instituições ligadas à capoeira em evento realizado no Largo Tereza Batista, no Pelourinho.

Cada iniciativa pode receber até R$ 30 mil, quando a execução for realizada por uma entidade, e R$ 60 mil quando o projeto for executado por duas ou mais organizações. As propostas devem ser entregues na sede da Superintendência dos Desportos do Estado (Sudesb), em Lauro de Freitas, entre os dias 25 e 27 de junho, das 8h às 12h e das 13h30 às 16h30.

Após o recebimento das propostas, será realizada uma análise técnica e jurídica de cada uma delas. A previsão é que no dia 1º de agosto seja divulgada a relação das entidades classificadas. Qualquer entidade habilitada e com os registros necessários pode apresentar projetos de execução de eventos ou outra atividade ligada ao esporte. Além disso, uma entidade que não esteja habilitada para o projeto pode fazer parceria com outra que tenha assinado esse convênio.

Leia mais...

ILHÉUS: SECRETARIA DE CULTURA CADASTRA GRUPOS DE CAPOEIRA

A Secretaria da Cultura de Ilhéus está realizando o cadastramento de todos os grupos que promovem a capoeira no município depois de ouvir os mestres e contramestres que participaram do encontro ‘Roda de Conversa da Capoeira’. Um dos objetivos é saber quantos grupos existem; quantos estão institucionalizados; e quantos são os fazedores de capoeira. A catalogação dos grupos de capoeira já começou, segue até o dia 6 de maio e será realizado nos locais de atividades dos grupos. O cadastramento será disponibilizado no site www.ilheus.ba.mapas.cultura.gov.br.

Na opinião do secretário da Cultura, Pawlo Cidade, é preciso conhecer as estratégias de sustentabilidade, a diversidade de grupos e estilos, quantidade de membros, sede, projetos, ações culturais e as comunidades onde atuam estes grupos. “Desta maneira podemos criar uma política pública que fortaleça a capoeira local”. Ainda segundo Pawlo Cidade está sendo elaborado o edital Mestre Barreto de estímulo à capoeira que irá homenagear Manoel Barreto de Oliveira, o pioneiro da capoeira na região.

Por sua vez, Abelardo da Silva Santos, chefe do setor de Economia Criativa e Redes Colaborativas, da Secretaria da Cultura, disse que irá visitar cada um dos espaços de treinamento e ensaio dos grupos de capoeira para fazer a catalogação dos grupos. “Vamos conhecer a metodologia de trabalho, os aspectos sociais e econômicos e a forma como eles se relacionam”.

Leia mais...

GRUPO DE CAPOEIRA VAI DESFILAR NO CARNAVAL DE ILHÉUS

Carnaval é época de alegria, de confraternização entre amigos, de ritmos e encantos, assim como na capoeira, que é também uma cultura popular. A capoeira é livre e é do povo. Por essa e outras razões, mestre Ramiro, do Grupo Camarada Camaradinha de Ilhéus, criou, em 1991, uma ala específica da capoeira com o intuito de fortalecer a arte da capoeiragem e os grupos culturais.

Surgia o BLOCO AFRO LEVADA DA CAPOEIRA que desfilou pela primeira vez, no Carnaval de Ilhéus, com o apoio do município, naquele mesmo ano. De lá pra cá, a Levada da Capoeira sempre participou da festa carnavalesca de Ilhéus divulgando não só a capoeira, mas também as manifestações folclóricas dos diferentes grupos da cultura afro brasileira da cidade.

Este ano, o BLOCO AFRO LEVADA DA CAPOEIRA vai desfilar no dia 10/02 às 17 horas com concentração na Avenida Soares Lopes.

Com berimbaus, atabaques, pandeiros e reco-recos e vestidos de abadá branco de seus respectivos grupos, os integrantes vão mostrar a riqueza da cultura da capoeira. Para mestre Ramiro, carnaval é o melhor momento de unir o coletivo que sempre vem lutando pela preservação do patrimônio cultural em suas cidades.
Ele convida todos os capoeiristas e também admiradores dessa arte para juntos desfilarem na Avenida.

A participação no Bloco Afro Levada da Capoeira, no carnaval de Ilhéus, é gratuita. Basta levar seu axé, um sorriso no rosto e estar com o espírito de paz.

Leia mais...

BUERAREMA SEDIOU XII ENCONTRO CULTURAL DE CAPOEIRA

A MA Produções realizou nos últimos dias 09 e 10, o XII Encontro Cultural de Capoeira Raízes de Macuco. O evento ocorreu no município de Buerarema, e contou com participação de grandes mestres de capoeira e grupos de vários municípios baianos, e também dos estados do Rio de Janeiro e São Paulo.

A ação objetiva a promoção do intercâmbio esportivo e cultural, possibilitando a troca de experiências e conhecimentos entre os participantes. As rodas de capoeira aconteceram na Praça Domingos Cabral e na Casa de Cultura Jonas & Pilar.

Patrocinado pela Bahiatursa, com apoio do Instituto Macuco Jequitibá e Prefeitura de Buerarema, o encontro foi considerado pelos organizadores um grande sucesso, que além dos praticantes de capoeira locais e visitantes, contou com presença e receptividade da comunidade em geral.

Leia mais...

ITABUNA: SEM APOIO, GRUPO DE CAPOEIRA FAZ PEDÁGIO EM SEMÁFOROS PARA EVENTO

Reconhecida pela Unesco como patrimônio cultural imaterial da humanidade, a Capoeira, difundida em mais de 160 países, e no Brasil, teve origem na Bahia. Proibida no país de 1890 a 1937, no final dos anos 30, foi reconhecida pelo presidente Getúlio Vargas como esporte nacional.

Mas, em Itabuna, ao que parece, a capoeira perdeu a valorização e apoio que conquistou nos últimos anos. O grupo Internacional Topázio, por exemplo, é um dos  mais tradicionais do município, apesar dos 25 anos dedicados a capoeira, não conseguiu apoio do poder público para realização do 22 batizado do grupo. “Estivemos na FICC com três meses de antecedência, mas nada.”, disse indignado o professor Zeca, um dos líderes do grupo.

Para realização do evento, que será dia 2 de dezembro no Grapiúna Tênis Clube, membros do grupo estão fazendo “pedágios” em semáforos de Itabuna, para angariar recursos. Além do professor Zeca, o batizado terá a presença dos mestres Dinho, Thito e Rhudson. Cerca de 80 pessoas, entre crianças e adolescentes estão envolvidos no projeto.

Leia mais...