COLÉGIO JORGE AMADO
Buerarema
Pref ilheus junho
Plansul
Ieprol
Navegação na tag

Dilma Rousseff

DILMA ROUSSEFF RECEBE ALTA MÉDICA

A ex-presidente Dilma Rousseff (PT) recebeu alta médica na tarde desta terça-feira (25) após ter sentido um mal-estar na noite de ontem. (Relembre aqui)

Dilma estava internada no Hospital Moinhos de Vento em Porto Alegre para realização de exames de rotina que, segundo a sua assessoria, todos deram bons resultados. “Nada foi registrado nos exames feitos nesta tarde sob a supervisão do médico Paulo Caramori”, disse em nota.

Segundo informações do site GZH, a ex-presidente teve em seu atendimento inicial os sinais que sugeriam a possibilidade de um acidente vascular cerebral (AVC), mas foi descartado pela equipe médica.

Leia mais...

EX-PRESIDENTE DILMA ROUSSEFF PASSA MAL E É LEVADA PARA REALIZAR EXAMES CLÍNICOS EM PORTO ALEGRE

Após uma live realizada nesta segunda-feira (24) para marcar a filiação do ex-deputado federal Jean Wyllys no Partido dos Trabalhadores, a ex-presidente da república Dilma Rousseff foi levada para o Hospital Moinho de Vento em Porto Alegre, após sentir um mal-estar, segundo sua assessoria.

Logos após a live, o ex-deputado federal Miguel Rossetto foi até a residência da ex-presidente, mas já estava se sentindo melhor.

Mesmo assim, acharam melhor levar Dilma para o hospital onde foram realizados exames de rotina, onde obteve um resultado positivo. A ex-presidente está sendo acompanhada pelo médico Paulo Caramori.

Leia mais...

DILMA COMEMORA INDICAÇÃO DA “DENÚNCIA DO GOLPE” AO OSCAR “

A Ex-presidente Dilma Rousseff (PT) comemorou a indicação do documentário “Democracia e Vertigem”, da Diretora Petra Costa ao Oscar. “A denúncia do golpe no Oscar. O filme mostra o meu afastamento do poder e como a mídia venal, a elite política e econômica brasileira atentaram contra a democracia no país, resultando na ascensão de um candidato da extrema-direita em 2018”, escreveu a ex-presidente em seu twitter.

De acordo com Coluna Radar da Revista Veja, a indicação do documentário provocou forte repercussão no meio político nesta segunda-feira, 13 e dividiu opiniões. De um lado, políticos de esquerda, como o ex-presidente Lula, Gleisi Hoffmann, Fernando Haddad celebraram a indicação da Academia de Hollywood. De outro, políticos bolsonaristas como Marco Feliciano, Bia Kicis, Carla Zambelli criticaram a notícia dizendo que ela é uma afronta à população brasileira. O PSDB, por sua vez, ironizou a notícia, parabenizando a diretora pela “indicação de melhor ficção e fantasia”.

Leia mais...

TCU MANTÉM INDISPONIBILIDADE DE BENS DE DILMA ROUSSEFF

A ex-presidente Dilma Rousseff recorreu ao Tribunal de Contas da União (TCU) na tentativa de reverter a indisponibilidade de bens que foi imposta a ela, a outros ex-conselheiros de administração e a ex-diretores da Petrobras no processo que apontou prejuízos à Petrobras na compra da refinaria de Pasadena, nos Estados Unidos. Não conseguiu, segundo a coluna expresso da revista época ficando mantido o bloqueio. O relator do caso é o ministro Vital do Rêgo, investigado na Lava Jato.

A Corte de Contas concluiu que os envolvidos devem ressarcir a estatal em R$ 1,9 bilhão. Entre os implicados, estão Dilma, o ex-ministro Antonio Palocci e o ex-presidente da estatal Sérgio Gabrielli.

Leia mais...

PT SONDA O NOME DE DILMA ROUSSEFF PARA O SENADO EM QUATRO ESTADOS

O Partido dos Trabalhadores fez sondagens para testar o nome da ex-presidente Dilma Rousseff (PT), para o senado federal em quatro estados, sendo dois do nordeste, um do sudeste e um do norte do Brasil. As aferições estão sendo feitas no Maranhão, Piauí, Minas Gerais e Tocantins, de acordo com a Coluna Expresso da Revista Época.

Temendo ter que concorrer com a ex-presidente, petistas do Rio de Janeiro e Rio Grande do Sul, onde o PT poderia lançá-la como candidata ao senado, estão respirando aliviados.

Leia mais...

NOVA PROPAGANDA DO GOVERNO VAI FAZER COMPARAÇÕES COM A GESTÃO DILMA ROUSSEFF

Está difícil para o Planalto fazer a população reconhecer as realizações do governo do presidente Michel Temer. De acordo com a coluna Expresso da Revista Época, no final de novembro, serão veiculadas propagandas nas redes sociais com o objetivo de reverter essa percepção.

Com o mote “Pare e compare”, o marqueteiro Elsinho Mouco pretende mostrar os avanços na gestão do peemedebista a partir de comparações com o governo da ex-presidente Dilma Rousseff. Os vídeos terão cerca de 15 segundos. Para funcionar, no entanto, tais vídeos precisarão viralizar.

Leia mais...

“NÃO FIZ COM ELES O QUE ELES FIZERAM COM A DILMA”, DIZ MAIA EM RELAÇÃO AO PMDB

Congresso em Foco

O presidente da Câmara, Rodrigo Maia (DEM-RJ), revelou sua mágoa com o PMDB, o núcleo político do Palácio do Planalto e o presidente Michel Temer. Em entrevista ao Valor Econômico, Maia diz que os peemedebistas desconfiam de que ele esteja conspirando contra Temer porque tiveram esse comportamento em relação à ex-presidente Dilma Rousseff até levá-la ao impeachment. Segundo ele, os rumores de que foi picado pela “mosca azul”, do poder, nasceram nos gabinetes e cafezinhos do núcleo duro do governo e cresceram com a tensão entre DEM e PMDB.

“Não fiz com eles o que eles fizeram com a Dilma. Talvez por isso essas mentiras criadas, para tentar criar um ambiente em que eu era o que não prestava e eles eram os que prestavam”, disse. “Como eles fizeram desse jeito com a Dilma, talvez imaginassem que o padrão fosse esse. O meu padrão não é o mesmo daqueles que, em torno do presidente, comandaram o impeachment da presidente Dilma”, acrescentou.

Na entrevista aos repórteres Robinson Borges e Raphael Di Cunto, Maia não poupa seu sogro postiço, o ministro Moreira Franco, um dos auxiliares e amigos mais próximos de Temer. Também sugere que faltou fidelidade a ele e ao DEM por parte do próprio presidente, que lhe assegurou, em julho, que o PMDB não atravessaria as negociações de aliados de Maia pela filiação dos dissidentes do PSB que apoiam o governo.

Leia mais...

PT QUER DILMA DISPUTANDO O SENADO POR MINAS GERAIS

Dirigentes do Partido dos Trabalhadores trabalham para convencer a ex-presidente Dilma Rousseff (PT) a mudar seu domicílio eleitoral para Minas Gerais para concorrer a uma das vagas ao Senado Federal em 2018. Atualmente, Dilma é domiciliada no Rio Grande do Sul.

Os argumentos são de que na eleição para presidente em 2014, Dilma venceu o senador Aécio Neves em Minas Gerais e em recente pesquisa, de consumo interno, ela está a frente do próprio Aécio, que ainda não se decidiu se vai concorrer a reeleição. Conforme o calendário eleitoral, a decisão de mudança deve ser tomada até 7 de outubro.

A candidatura da ex-presidente pelo Rio Grande do Sul é considerada arriscada pela cúpula petista, já que um dos candidatos é o também petista, Senador Paulo Paim, muito bem avaliado e que vai buscar a reeleição natural. Em tese, a outra vaga deve ser destinada a um partido aliado, buscando a composição no estado.

Leia mais...

GOVERNADORES DE DOIS ESTADOS ABREM CHAPA PARA DILMA DISPUTAR O SENADO

A ex-presidente Dilma Rousseff (PT) ainda decidiu sobre seu futuro político, muito menos se participa do processo eleitoral ano que vem, como candidata, mesmo o PT encomendando pesquisas para avaliar o seu desempenho. Os governadores Flavio Dino, do PCdoB (Maranhão), e Wellington Dias, do PT (Piauí), já convidaram a petista a mudar o domicílio eleitoral para seus estados e disputar uma vaga ao Senado., aponta a Coluna Radar Online. Ambos estão bem avaliados pelo eleitorado. O caso do Maranhão, é mais complicado. Se Lula for candidato a presidente e Dilma aceitar a cantada de Dino, o Lula não poderá sequer sentar para conversar com o clã Sarney, inimigo mortal do atual governador. Leia mais...

DILMA ROUSSEFF EMITE NOTA SOBRE CORTES NO BOLSA FAMÍLIA

Em nota, divulgada nesta sexta-feira, 11, a ex-presidente Dilma Rousseff (PT), fez duras críticas a redução do número de  mais de 540 mil beneficiários do programa Bolsa Família, do Governo Federal, pelo presidente Michel Temer.

Indignada, Dilma disse estar estarrecida com a liberação de bilhões para atender interesses escusos e para deputados em troca de se livrar da denúncia de corrupção.

Veja a nota abaixo: NOTA OFICIAL DE DILMA ROUSSEFF SOBRE CORTES NO BOLSA FAMÍLIA:

É estarrecedor que depois de liberar dinheiro a deputados para arquivar uma denúncia contra si e de gastar R$ 14 bilhões para atender a interesses escusos, além de criar o bolsa-ruralista, o governo golpista de Michel Temer decida reduzir os programas sociais. Justamente o Bolsa Família que protege as famílias brasileiras mais pobres. As “bolsas” concedidas em menos de seis meses pelo governo ilegítimo representam quase metade do Bolsa Família anual.

Quando deixamos o governo, devido ao golpe do impeachment fraudulento, havia 13,9 milhões de famílias recebendo o benefício do Bolsa Família ao custo de R$ 27 bilhões. Hoje, são beneficiados 12,7 milhões de famílias. Uma queda de 1,2 milhão de famílias. E isso ocorre justamente num quadro de recessão e crise econômica profunda, com corte generalizado de gastos públicos. A rede de proteção social do Bolsa Família está sendo furada por esse governo ilegítimo e iníquo.

É muito grave.

Os pobres estão sendo retirados, desde o Golpe de 2016, do Orçamento da União. A desfaçatez dos usurpadores no governo não tem limites. Essas 543 mil famílias retiradas agora do programa custariam menos de R$ 100 milhões por mês. O governo ilegítimo vai colocar a conta do pato nas costas dos mais pobres.

O Palácio do Planalto fez uma opção clara pelos mais ricos.

Dilma Rousseff

Leia mais...