Ieprol – Matrículas Abertas – Desktop Mobile
Navegação na tag

Manoel Novaes

ITABUNA: AUGUSTO CASTRO COBRA MEDIDAS CONTRA PEDIATRA DO MANOEL NOVAES POR MÁ CONDUTA

O Prefeito Augusto Castro tomou conhecimento da denúncia de uma mãe que, por meio das redes sociais, relatou que foi mau atendida por uma médica pediatra no Hospital Manoel Novaes, no último final de semana. Consternado, lamentou ouvir tais condutas e como pai e gestor municipal, se solidariza com a família em questão e ainda, com os outros diversos relatos que informam a recorrência da situação de má conduta na atuação dessa profissional e diante disso, coloca-se à disposição para auxiliar na resolutividade do problema, cobrando, inclusive, uma resposta da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna.

O prefeito destaca ainda que o desrespeito e o mau atendimento por parte de profissionais de saúde é inaceitável e não deve ser tolerado. “Cada vez mais precisamos garantir que estes profissionais ofereçam atendimento de qualidade e respeito com os pacientes”, declarou. A gestão do prefeito Augusto Castro tem a saúde municipal como prioridade, conforme prometido em campanha, com investimentos nunca vistos antes e direcionando esforços para a reestruturação de todos os equipamentos, com foco na humanização e melhoria do atendimento.

Uma das ações tomadas pelo gestor, que reforça o compromisso com a população foi a reabertura do Hospital CEMEPI que estava há 4 anos fechado, e diante da importância da unidade ele fez uma completa requalificação e ampliação e hoje o Hospital já registra um número superior a 25.611 consultas gratuitas, bem como 121.841 procedimentos. Além disso, o CEMEPI oferta serviços de imagem, a exemplo de radiologia e ultrassom, fisioterapia e um espaço anexo para a realização de exames laboratoriais pelo SUS.

O prefeito espera que a Santa Casa apure a situação com celeridade e rigor. “Entrei em contato com a Santa Casa de Misericórdia de Itabuna e espero que a situação seja devidamente investigada e que medidas sejam tomadas para garantir que essas famílias e outras não sejam submetidas a tratamentos semelhantes no futuro. A saúde é um direito fundamental e todos merecem ser tratados com dignidade e respeito”, finalizou o prefeito.

Leia mais...

PROGRAMA SOBRE OS CUIDADOS PALIATIVOS É DESENVOLVIDO NO HOSPITAL MANOEL NOVAES

Enfrentar o momento em que a criança ou adolescente está no leito de uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) de um hospital lutando pela vida não é nada fácil para a família. No caso de perda, então, o mundo desaba. Para auxiliar nesses momentos mais complicados é que existe a Comissão de Cuidados Paliativos. No Hospital Manoel Novaes, em Itabuna, o programa é desenvolvido com a supervisão da Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab).

A diretora técnica do HMN, a médica Fabiane Chávez, explica que os cuidados paliativos visam o alívio do sofrimento do familiar e de pacientes em estado de saúde grave. “É voltado para paciente gravemente doente ou que tenha uma doença crônica que necessitará de uma forte atenção dos pais para o resto da vida. Inclui ainda aquele paciente que se enquadra no perfil de muito alto risco, com taxa elevada da morbidade”.

Conforme estabelecido na Comissão de Cuidados Paliativos, os profissionais começam a intervir no momento da chamada de fase modeladora da doença, quando ainda existe a conduta terapêutica curativa. As ações também abrangem a construção de luto das mães. No caso do Hospital Manoel Novaes, os cuidados paliativos não envolvem somente a criança ou adolescente, mas também os pais.

Os cuidados paliativos alcançam ainda aquelas mães que têm perdas fetais e que estão vivendo um momento muito crítico. “Para isso, estamos implantando o Projeto Mãe de Anjo, que visa o apoio emocional para mulheres que perderam os seus filhos, com abortamento”, explica a diretora técnica do HMN.

FAMÍLIAS ATENDIDAS

A Comissão de Cuidados Paliativos nas UTIs Pediátrica e Neonatal do Hospital Manoel Novaes é formada por médicos, enfermeiros, fisioterapeutas, psicólogo, assistente social, nutricionista, farmacêuticos, que trabalham com famílias de pacientes gravemente doentes. “Mais de 20 famílias já foram atendidas, infelizmente, alguns com desfecho para óbito. Mas há também registro de casos com alta médica para casa”, explica.

Os profissionais que atuam nos cuidados paliativos trabalham com as famílias dos pacientes em todos os aspectos: a espiritualidade, o psicológico, o médico e o social. “Ajudamos essas famílias a enfrentar a doença que o familiar tem. Depois, se o desfecho for negativo, ajudamos no processo de luto”, reforça a médica.

Em 8 de outubro é celebrado o Dia Internacional dos Cuidados Paliativos, que tem como símbolos borboletas e chapéus. “Quando tiramos o chapéu, significa que o fazemos em sinal de respeito aos pacientes em paliação. Com relação às borboletas, elas vivem pouco, mas intensamente. As borboletas nos proporcionam alegria, polinizam as flores e nos deixam felizes. Elas enfeitam a natureza. No caso dos nossos bebês e fetos são vidas extremamente importantes para as famílias, mas com a convivência curta”.

Leia mais...

ITABUNA: HOSPITAL MANOEL NOVAES REGISTRA AUMENTO DE 45% DE PACIENTES COM SINTOMAS DE GRIPE

O surto de gripe que atinge diversas regiões da Bahia está gerando uma corrida pelo atendimento no Hospital Manoel Novaes (HMN). A unidade tem recebido pacientes, inclusive de Ilhéus, que recentemente inaugurou o Hospital Materno-infantil Joaquim Sampaio. O número de atendimentos no Novaes, em Itabuna, teve um aumento significativo no mês de dezembro, em relação a novembro.

Neste mês, a média tem sido de 140 atendimentos médicos diários no único hospital materno-infantil em funcionamento da cidade. Em novembro, uma média de 70 pacientes buscaram os serviços médicos. “Mas quase 40% dos pacientes que passaram por aqui em dezembro deveriam buscar atendimento no serviço básico de saúde. Por isso, houve uma sobrecarga na nossa urgência e emergência”, explica a diretora técnica do HMN, a médica Fabiane Chávez.

No último dia 17, por exemplo, foram registrados 140 atendimentos no Pronto Socorro do HMN, mas somente seis crianças precisaram ficar internadas. Mais de 90% dos atendimentos classificados como verde e azul, não deveriam ser levados para unidade hospitalar. Nos últimos dois meses, a média de 84% dos atendimentos em pediatria pelo SUS estão na classificação verde e azul. (mais…)

Leia mais...

ITABUNA: HOSPITAL MANOEL NOVAES IMPLANTA PROJETO CONDUTORES DA ALEGRIA

Um projeto pioneiro no Hospital Manoel Novaes (HMN), em Itabuna, no sul da Bahia, busca aliviar a tensão dos pais e das crianças internadas na unidade. A partir de agora, os pacientes que quiserem, serão transportados dos leitos para o centro cirúrgico em um carrinho elétrico de brinquedo, numa “viagem” divertida e descontraída. Filha de dona Josilane Gonçalves de Sousa, a pequena Laura Gonçalves dos Santos, paciente do Sistema Único de Saúde (SUS), foi a primeira paciente usar o veículo, nesta terça-feira (20).

A diretora técnica do Hospital Manoel Novaes (HMN), a médica pediatra Fabiane Chávez, explica que o Projeto Condutores da Alegria integra o programa de humanização implantado na unidade, que oferece assistência por meio de ações que minimizem situações traumáticas e estressantes para as crianças, por ser um lugar fora da rotina delas. “Às vezes, o ambiente hospitalar é desconfortável. O passeio de carrinho pelos corredores faz com que as crianças sintam-se mais seguras”.

(mais…) Leia mais...

MANOEL NOVAES ENVOLVE MÃES EM PROJETO PARA A RECUPERAÇÃO MAIS RÁPIDA DE BEBÊS

Um projeto de humanização tem sido um bom aliado na recuperação de bebês prematuros internados nos leitos das unidades de Terapia Intensiva (UTI) Neonatal e Canguru do Hospital Manoel Novaes (HMN), em Itabuna. Implantado há pouco mais de cinco meses, o “Mãe Acompanhante” possibilita que as mamães fiquem maior tempo mais próximas de seus filhos, amamentando, dando carinho e acompanhando a assistência da equipe multidisciplinar da unidade.

Entre as mães que participam do projeto está a fisioterapeuta Lorenna Alves dos Santos, moradora do bairro da Conquista, em Ilhéus. A mãe de Liz, de 2.380 kg, aprovou a iniciativa do hospital pediátrico. “Não sei como estariam as nossas vidas se eu tivesse que passar o dia inteiro longe dela. Certamente eu ficaria aflita e ansiosa para saber, o tempo todo, informações sobre a minha filha”. A pequena Liz nasceu no dia 30 de abril.

(mais…) Leia mais...

MANOEL NOVAES VOLTA A SER “PORTAS ABERTAS” PARA MORADORES DE ITABUNA A PARTIR DO DIA 29

Referência regional em atenção à saúde da mulher e da criança, o Hospital Manoel Novaes atenderá, de “portas abertas”, os moradores de Itabuna e outros sete municípios do sul da Bahia pactuados e que não contam com hospital. O novo fluxo começa no dia 29 deste mês, quando a reestruturação da unidade hospitalar será concluída. Inicialmente, o novo contrato tem validade de 90 dias.

Além de Itabuna, serão beneficiados com o fluxo “portas abertas”, os moradores de Almadina, Buerarema, Itapé, Maraú, Floresta Azul, Firmino Alves, São José da Vitória e Santa Cruz da Vitória. Para os demais municípios pactuados com Itabuna, o fluxo de envio de pacientes para média e alta complexidade segue via regulação da Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab).

O provedor da Santa Casa de Itabuna, Francisco Valdece, alerta que, quando o novo fluxo for implantado, só devem procurar o Hospital Manoel Novaes aqueles pacientes que realmente precisarem do atendimento de média e alta complexidade. “As demais pessoas deverão procurar a rede básica de saúde do município onde moram”, explica. Em Itabuna podem procurar também a Unidade de Pronto Atendimento (UPA).

Durante a coletiva de imprensa na manhã de hoje, no Manoel Novaes, o prefeito de Itabuna, Augusto Castro, destacou a qualidade do serviço prestado pelo hospital e adiantou que está negociando a implantação de novos serviços para os pacientes pediátricos e que o hospital de campanha para atendimento exclusivo a pacientes com o novo coronavírus deve ser aberto até o final deste mês.

A diretora do Núcleo Regional de Saúde Sul, Domilene Borges, lembrou que o fluxo “portas abertas” representará maior agilidade no atendimento aos pacientes dos municípios pactuados. Já a secretária de Saúde de Itabuna, Lívia Mendes, pediu que a população siga o fluxo correto para que tenha o atendimento adequado no menor tempo possível.

Leia mais...

ITABUNA: BANCO DE LEITE DO HOSPITAL MANOEL NOVAES PRECISA URGENTE DE DOAÇÕES

Nos últimos meses, o Banco de Leite Humano da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna vem enfrentando enorme dificuldade para assegurar leite para os bebês prematuros internados na Unidade de Terapia Intensiva Neonatal (UTI-Neo) do Hospital Manoel Novaes. A escassez de leite materno vem ocorrendo porque as doadoras externas praticamente desapareceram neste início de ano.

De acordo com a coordenadora do Banco de Leite, a enfermeira Bianca Baleeiro, a queda no número de doadoras chega a 70%. A unidade precisa de um estoque com pelo menos 70 litros. “Mas há muito tempo não conseguimos essa média. Por isso, estamos apelando para que as mães que estejam amamentando entrem em contato conosco e confirmem sua doação”, afirma Baleeiro.

A enfermeira Bianca Baleeiro destaca que o processo para torna-se uma doadora do Banco de Leite é muito simples. A doadora só precisa dirigir-se a unidade com carteira de identidade e exames pré-natal (sorologia). Mas quem prefere a comodidade pode cadastra-se sem sair de casa, via telefone. “É muito rápido, sem burocracia. Se não tiver condições de deslocar-se, o Corpo de Bombeiros de Itabuna, que é o nosso parceiro, vai até a casa da doadora fazer a coleta nos dias agendados”, relata Baleeiro.

Mais de 120 municípios

O Banco de Leite da Santa Casa de Itabuna, que atende a mais de 120 municípios, é responsável pela coleta, processamento e distribuição do leite destinado aos bebês prematuros internados ou com patologias que não podem receber o produto diretamente das mães. A unidade tem a missão de assegurar o alimento para uma média diário de 45 bebês internados na UTI-Neo.

O leite humano é um alimento essencial nos primeiros meses de vida dos bebês. A Organização Mundial de Saúde (OMS) recomenda ser ideal que até os seis meses de idade as crianças sejam alimentadas com leite materno. O Banco de Leite funciona no anexo do Hospital Manoel Novaes e o telefone é (73) 3214-4346.

Leia mais...

ITABUNA: UTI PEDIÁTRICA DO MANOEL NOVAES ATINGE 780 INTERNAÇÕES EM TRÊS ANOS

Criado para assegurar a assistência às emergências e cirurgias pediátricas neuropediátricas do sul da Bahia, a Unidade de Tratamento Intensivo Pediátrica (UTI-Pediátrica) do Hospital Manoel Novaes (HMN) está completando três anos de inauguração neste mês de outubro. A unidade foi implantada visando a integralidade do serviço de oncologia pediátrica, sobretudo a oncohematologia da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna.

Referência no interior da Bahia, a UTI do HMN disponibiliza serviços de ortopedia e oncopediatria. A unidade registrou, nos últimos três anos, 787 internamentos, sendo 325 neste ano. No primeiro ano de funcionamento, em 2018, foram 82 atendimentos. Já no ano seguinte, 2019, foram 380 internamentos.

Atualmente a unidade conta com 13 leitos, sendo que três deles habilitados no início de 2020 para atendimento exclusivo a pacientes com suspeita ou positivados para o novo coronavírus. Do total de 325 internamentos deste ano, 80 foram nos três leitos pediátricos exclusivos Covid-19.

70% dos Leitos para o SUS

A diretora técnica do HMN, a médica Fabiane Chávez, destaca que 70% dos leitos da UTI são regulados para atendimento pelo Sistema Único de Saúde (SUS). “Essa unidade foi implantada para que o paciente tivesse o serviço de alta complexidade mais perto de sua família. Antes, muitos pacientes eram enviados para centros como Feira de Santana e Salvador. Acabamos com esses transtornos”, explica.

A médica Fabiane Chávez destaca que a implantação da UTI no HMN ajudou a compreender melhor uma dinâmica até então desconhecida, que era incluir a participação mais efetiva do acompanhante no processo de recuperação do paciente. “Inicialmente, imaginávamos que a presença de um familiar na UTI tumultuaria o local, mas percebemos que, geralmente, ajuda mais que atrapalha”, relata.

A médica conta esse processo de deixar o familiar mais próximo dos pacientes tem ajudado acelerar a recuperação deles. “Houve melhora ainda no processo para doação de órgãos daquele paciente que não temos como salvar. Muitas das famílias já entendem a importância desse ato de amor e deixam claro que querem doar os órgãos para ajudar outras pessoas”.

A UTI pediátrica do HMN atende crianças menores de 14 anos. A unidade conta com 47 profissionais, sendo 10 médicos pediatras, cinco fisioterapeutas, seis enfermeiros, 16 técnicos de enfermagem, além de assistente social, psicólogos, nutricionista, farmacêutico e residentes. Essa equipe é fundamental para o atendimento de qualidade aos pacientes da Oncologia, Neurocirurgia e Cirurgia Pediátrica.

Leia mais...

NÓS ESTAMOS PRONTOS PARA OS PRÓXIMOS CEM ANOS

Por Dr. Eric Júnior*

Há quase dois anos à frente da Provedoria da Santa Casa de Itabuna, posso dizer, hoje, que os corredores dos hospitais Calixto Midlej Filho, Manoel Novaes e São Lucas deixaram de ser apenas o meu local de trabalho, e se tornaram umas das maiores escolas que já tive na vida. A cada dia, um aprendizado, tanto com pacientes e acompanhantes como com colaboradores. A cada avanço, a cada conquista, a certeza de estarmos no caminho correto. Todos nós, juntos, tentando acertar diariamente.

Em outubro fomos contemplados como a melhor Santa Casa do Interior do Estado na premiação conhecida como o Oscar da Saúde na Bahia, o Benchmarking Saúde. Em uma noite de premiação na capital, representei os 1.800 funcionários e agradeci imensamente pelo reconhecimento à nossa instituição centenária, tão importante para a região pela referência em atendimento e serviços, e por ser a segunda maior empregadora de Itabuna.

Para minha surpresa, este reconhecimento não parou por aí. A Câmara De Vereadores Municipal, na semana seguinte, nos concedeu, pela primeira vez na história de uma instituição com cem anos, Moção de Aplausos (aprovada por unanimidade), numa iniciativa do vereador Júnior Brandão.

Recentemente, assistindo a uma palestra da gerente regional do Sebrae, Claudiana Figueiredo, uma frase me chamou atenção: “Somos as pessoas que esperamos”. Faço destas as minhas palavras, afirmando que não é preciso aguardar quem mude a nossa realidade, mas sim fazer acontecer. E é com este pensamento que encerro o meu agradecimento, inicialmente aos representantes dos demais hospitais da Bahia, que nos concedeu o Troféu Ouro; à Câmara Municipal de Itabuna, pela inesquecível Moção de Aplausos; e aos colaboradores da Santa Casa de Itabuna, pela caminhada. Que venham os próximos cem anos!

*Dr. Eric Júnior é Provedor da Santa Casa de Itabuna.

Leia mais...

INICIADAS AS ATIVIDADES DA UTI PEDIÁTRICA DO HOSPITAL MANOEL NOVAES

Foi dado início à operação da Unidade de Terapia Intensiva (UTI) Pediátrica do Hospital Manoel Novaes, unidade referencia para crianças de até 14 anos necessitando de cuidados intensivos. Com 10 leitos, sendo 7 SUS e três convênio, a UTI Pediátrica é um antigo sonho da comunidade, hoje coordenada pela médica Maristela Souza. Um café da manhã para funcionários na manhã deste domingo (1º) marcou a abertura do funcionamento do serviço que já está com 4 pacientes internados, que contou também com a presença do vice-governador do Estado da Bahia, João Leão.

O fluxo de atendimento da UTI Pediátrica ocorrerá via emergência Pediátrica ou regulação de paciente a partir de outros serviços, o que será definido sempre a partir da autorização de vaga. Referência para atendimento geral e cirúrgica, a UTI Pediátrica do HMN atenderá aos casos de cardiopediatria e neuropediatria somente para fins de estabilização de paciente e aguardo de vaga em outras unidade referência. “Para a Santa Casa de Itabuna abertura de um novo serviço de alta complexidade e extremante estratégico como a UTI Pediátrica simboliza bem esta instituição centenária que desafia o tempo se modernizando e crescendo apesar de toda dificuldade que envolve os hospitais filantrópicos no interior”, declarou o provedor Eric Ettinger.

A abertura do serviço somente foi possível a partir de uma série de parcerias, partindo da Santa Casa e toda equipe de médicos, funcionários e gestores, ao GACC Sul Bahia e Instituto Ronald McDonalds na aquisição dos equipamentos, o Governo do Estado e a Secretaria Municipal de Saúde com a habilitação dos leitos SUS.

Leia mais...