Shopping
CVR
diabetes
Buerarema
Plansul
COLÉGIO JORGE AMADO
Pref ilheus junho
Ieprol
Navegação na tag

Oficina

ALMADINA: PREFEITURA REALIZA OFICINA DE AUTOMAQUIAGEM PARA PELE NEGRA

A Prefeitura de Almadina, através da Secretaria de Educação, Esporte, Cultura e Turismo, deu início nesta terça-feira (18), à oficina de automaquiagem para pele negra.

O curso ministrado por Jéssica Borges, está acontecendo na sede da Secretaria de Educação, e tem como objetivo, fortalecer a identidade afrodescendente, através da valorização da beleza da mulher negra.

Ao longo do curso, será trabalhado a autoestima das mulheres negras, além de trabalhar a convivência e o fortalecimento da identidade étnica dos vínculos.

Leia mais...

SEMINÁRIO OFERECE PROGRAMAÇÃO GRATUITA PARA MULHERES DIA 26 DE MARÇO NA UESC

Cerca de 700 participantes devem ser reunir no I Seminário da Mulher, no dia 26 de março, das 08h às 18h, na Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc). O evento é promovido pelo Movimento Empresarial Sul da Bahia (Mesb) e visa estimular o público feminino a ocupar posições de destaque nos mais diversos segmentos sociais, inclusive participação efetiva na política. Os participantes recebem um certificado com carga horária de 8 horas.

Nessa primeira edição, o seminário tem como tema “Poder e Cidadania” e terá como uma das palestrante, Hannah Maruci Aflalo, coordenadora de projetos da Secretária Municipal de Direitos Humanos e Cidadania de São Paulo.

Hannah Maruci é mestra e doutoranda em ciência política pela Universidade de São Paulo (USP), pesquisadora do Grupo de Estudo de Gênero e Politica (Gepô) e da Fundação Getúlio Vargas (FGV). Ela irá apresentar dados de pesquisas sobre a participação da mulher na política, que irá evidenciar a quantidade de mulheres eleitas no pais e ações que possam ser implantadas para melhoria do ecossistema.

Inscrições

As inscrições estão sendo feitas no site: www.suldabahiaemacao.org.br Mais informações pelo telefone: (73) 99845-8183, através do e-mail: [email protected] ou no instagram: @suldabahiaemacao.

Leia mais...

ILHÉUS: TPI OFERECE OFICINA DE TEATRO E CANTO PARA CRIANÇAS E ADOLESCENTES

O Curso de Teatro e Canto do Teatro Popular de Ilhéus, ministrado por Tânia Barbosa (diretora teatral) e Antônio Melo (regente musical), tem o objetivo de ensinar a criança a se expressar e se desenvolver através da arte de forma divertida e construtiva. A partir de várias atividades, entre elas as práticas dramáticas, jogos teatrais, exercícios vocais e práticas musicais em grupo, vamos desenvolver e estimular as capacidades de expressão, socialização, espontaneidade, imaginação, observação e percepção.

A prática do teatro na infância é ideal para ajudar a criança a desenvolver a expressão verbal e corporal. Ela e também contribui para o desenvolvimento mental e emocional, estimula a memória, a atenção e a concentração, melhora a dicção e a coordenação motora, melhora a autoestima e combate a timidez, ensina a criança a relacionar-se melhor e a trabalhar em grupo, reforça o interesse pela leitura e literatura, ajuda a criança a controlar suas emoções e estimula a capacidade criativa.

A iniciação musical feita desde criança também traz diversos benefícios de ordens física, mental e emocional. Além da aquisição de uma nova habilidade lúdica, os benefícios da prática do canto incluem melhoria da respiração e da dicção, estimula habilidades mentais como memória e raciocínio lógico, colabora na socialização e desenvolvimento de disciplina e concentração e ajuda na diminuição da ansiedade e do stress.

As aulas do Curso de Teatro e Canto do TPI acontecerão durante um período de cinco meses a partir do dia 11 de março, às segundas e terças-feiras, sempre das 16:00 às 17:30 horas, no Teatro Popular de Ilhéus. O público-alvo são crianças e adolescentes de 8 a 14 anos que tenham interesse na prática do teatro e do canto. Serão apenas 20 vagas, e o investimento no curso é de R$ 120,00 mensais, que podem ainda ser pagas em uma única parcela com 10% de desconto. Haverá ainda matrícula social de 20% das vagas com bolsa integral destinadas a crianças matriculadas na rede pública de ensino e cujo responsável seja portador de CadÚnico atualizado. As inscrições estão abertas até o dia 08 de março, diretamente no Teatro Popular de Ilhéus, de segunda a sexta, das 14 às 18 horas. É necessário xerox do RG da criança e do RG do responsável.

Leia mais...

OFICINA “CORPO E TAMBOR” / PROJETO “ENTRE CALÇAS”

Na próxima quinta (17), às 19h30, será realizada na Pousada Ilha Verde em Itacaré (BA), a oficina “Corpo e Tambor” ministrada pelo performer Danilo Bracchi, com a percussão de Laís Marques. A ideia da oficina é unir movimento e percussão como ponto de partida para improvisação e criação coreográfica, incentivando não apenas o movimento, mas principalmente maneiras de se pensar a dança. Além disso, a oficina busca contribuir para a construção de uma dramaturgia corporal a partir de diversos estímulos (textos teatrais, poesia, música, objetos, entre outros).

Para participar é necessário que se faça inscrição prévia por meio de formulário virtual (https://goo.gl/forms/nRoNkk5a2iHlwmcq1). A oficina é gratuita e as vagas são limitadas!

No dia seguinte, sexta-feira (18), será apresentada às 21h no Estúdios Armondes, também em Itacaré, o Projeto “Entre Calças”: um show com linguagem híbrida que reúne performance, dança, música e audiovisual. O projeto é um desdobramento da performance “Uma Coreografia para minha calça” já apresentada nas cidades de Belém (PA) e Brasília (DF), pelo artista Danilo Bracchi.

Na Bahia, a releitura desta performance faz nascer o “Entre Calças”, que conta com a cantora e compositora Laís Marques, o DJ Múcio Caló e o bailarino Danilo Bracchi, com suas respectivas linguagens artísticas somadas ao espetáculo. Na ocasião, será cobrado o couver artístico no valor de R$ 5,00.

Na semana seguinte, este mesmo projeto “Entre Calças” será realizado na Casa Malvina (Ilhéus), às 21h do sábado (26). Para esta apresentação, será cobrado o ingresso antecipado no valor de R$ 10,00, que você pode comprar entrando em contato com Danilo Bracchi (73) 98255-0770 de Ilhéus, ou Vanessa Setsuko (73) 99935-2129 de Itacaré.

Todas estas ações estão sendo produzidas pelo Coletivo MiMiMi, que realizou recentemente a terceira edição do Projeto Na Sala, um show da cantora Laís Marques composto por canções da banda Scambo. Fiquem todos atentos às datas, horários e locais de cada atividade e participem! Para mais informações, acompanhe a página do Coletivo no Facebook ou a página do evento.

Obs.: A oficina “Corpo e Tambor” é indicada para maiores de 12 anos, e o Projeto “Entre Calças” para maiores de 18.

Leia mais...

ITABUNA: OFICINA DE DANÇA INTEGRA COMUNIDADE E ESCOLA E DÁ INÍCIO AO PROJETO ESCOLAS CULTURAIS

A realização de uma oficina de dança marca o início das atividades do projeto Escolas Culturais no Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães, em Itabuna, no Sul da Bahia. O projeto integra o programa Educar para Transformar e tem como objetivo promover o protagonismo estudantil, além de reconhecer e requalificar a escola como um espaço de circulação e produção da diversidade cultural do Território de Identidade onde está inserida. O Colégio Modelo de Itabuna foi a primeira unidade da rede estadual a ter o projeto implantado.

A oficina, que reúne cerca de 200 pessoas entre estudantes e membros da comunidade, é dirigida por Francine Costa, da Secretaria de Educação do Estado e coordenadora de dança do projeto. “Trabalhar a arte-educação é trabalhar a relação professor-aluno, as relações de afeto, o fortalecimento do protagonismo juvenil, fazer com que o estudante acredite que é possível ser um agente transformador da sociedade”, afirma Francine. Para ela, “educar para transformar é entender e estimular o aluno para que ele promova a própria transformação”.

No Colégio Modelo de Itabuna, além da dança, já estão programadas as oficinas de literatura, audiovisual e música, além de rodas de conversa sobre cultura e apresentações de filmes para a comunidade, em sessões semanais do Cine Modelo. De acordo com a diretora do colégio, Ednailza Miranda, o projeto contribui para a formação multidisciplinar dos estudantes através da arte. “Eles irão mergulhar na cultura em suas várias expressões, contribuindo para transformar a comunidade em que estão inseridos. Estamos formando não apenas alunos, mas principalmente cidadãos”.

Novos horizontes – Entre os estudantes, o entusiasmo é muito grande para a realização de projetos culturais. Gleidson Lucas, do 3º ano do Ensino Médio, afirma que o colégio está inovando, trazendo mais cultura e motivando ainda mais a comunidade. “A dança é uma expressão que abre novos horizontes, inclusive na profissão que escolhi, que é Relações Internacionais, porque estimula o multiculturalismo”. A estudante Liane Araújo, também do 3º ano do Ensino Médio, está igualmente empolgada com a oficina. “A dança já faz parte da minha vida e o projeto faz com que os próprios alunos e a comunidade passem a ver a escola com outros olhos”, afirma.

A oficina de dança será encerrada no sábado (19), com uma gincana cultural envolvendo grupos de dança da comunidade e os estudantes do Colégio Modelo. O projeto Escolas Culturais é executado em parceria entre a Secretaria da Educação do Estado com as Secretarias de Cultura (Secult) e da Justiça, Cidadania, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (SJDHDS). As atividades envolvem as áreas de dança, música, audiovisual e literatura e, além de Itabuna, que é a cidade pioneira, outras 85 unidades escolares de 66 municípios baianos serão atendidas, com ações de requalificação e aquisição de novos equipamentos para projeção de audiovisual, apresentações artísticas e internet banda larga para o desenvolvimento de programas de rádio e ações de estímulo ao empreendedorismo.

Leia mais...