Plansul
COLÉGIO JORGE AMADO
Buerarema
Pref ilheus junho
Ieprol
Navegação na tag

Paulo Afonso

OITO PESSOAS SÃO PRESAS NA TERCEIRA FASE DA OPERAÇÃO INVENTÁRIO

O Ministério Público estadual, por meio do Grupo de Apoio Especial de Combate às Organizações Criminosas (Gaeco), deflagrou na manhã desta terça-feira, dia 7, a terceira etapa da ‘Operação Inventário’, batizada de “Turandot”, para cumprimento de oito mandados de prisão preventiva decretados pela 1ª Vara Criminal de Paulo Afonso.

A “Turandot” investiga fraudes milionárias em processos judiciais em trâmite na comarca de Paulo Afonso, supostamente praticados por organização criminosa formada por juiz aposentado, advogados, serventuários e particulares. Oito pessoas foram presas em Salvador (03), Paulo Afonso (04) e Aracaju (01).

Segundo as denúncias oferecidas pelo Gaeco e já recebidas pela Justiça, um dos principais responsáveis na Orcrim por forjar alvarás de inventário fraudulentos, preso nesta terça-feira, movimentou mais de R$ 50 milhões em renda descoberta, ou seja, em recursos não declarados.

Parte do montante, apontam as investigações, foi repassada por meio do uso de “laranjas” e, inclusive, destinada para compra de imóveis de luxo na Flórida, nos Estados Unidos, avaliados em mais de R$ 5 milhões. Durante as investigações, foram identificados diversos saques em espécie em valor acima de R$ 100 mil.

A terceira fase da ‘Operação Inventário’ é fruto de esforço conjunto do Ministério Público da Bahia, por meio do Gaeco; da Polícia Civil, por meio da 18ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin – Paulo Afonso); e da Polícia Militar, por meio do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e do Grupamento Aéreo (Graer).

Também contou com o apoio da Força-Tarefa de combate a crimes praticados por policiais civis e militares, das Corregedorias da Secretaria de Segurança Pública da Bahia e da Polícia Militar, do Gaeco do Ministério Público de Sergipe e da Ordem dos Advogados do Brasil.

Leia mais...

CASAL É PRESO COM 70 KG DE DROGAS AVALIADOS EM R$ 6,7 MILHÕES

Equipes do 20º Batalhão da Polícia Militar, em ação integrada com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), prenderam um casal com 70 kg de drogas avaliados em 6,7 milhões de reais. O flagrante ocorreu na madrugada de segunda-feira (23), na BR-110, no município de Paulo Afonso.

Os militares foram acionados por meio do Centro Integrado de Comunicações (Cicom) e alertados sobre um veículo modelo Jeep, suspeito de clonagem, trafegando na região. A equipe abordou o condutor que confessou o transporte de entorpecentes.

No automóvel foram encontrados 47,8 kg de pasta base de cocaína, 20 kg de maconha e 938 papelotes de cocaína prontos para comercialização.

“As ações integradas reforçam a parceria em prol da sociedade. As instituições agem com o propósito de bem servir a comunidade”, destacou o comandante do 20° BPM, tenente-coronel Gabriel Neto.

Leia mais...

CORPO DE BOMBEIROS RESGATA CACHORRO QUE FICOU COM CABEÇA PRESA EM PORTÃO EM PAULO AFONSO

Uma guarnição do 15° Grupamento de Bombeiros Militar (15° GBM/Paulo Afonso) resgatou um cachorro que estava com a cabeça presa numa grade. A ocorrência aconteceu nesta segunda-feira (23) no bairro Centenário em Paulo Afonso.

De acordo com informações da solicitante, ela estava chegando em casa quando o cachorrinho a seguiu, ao entrar no portão da residência o animal tentou adentrar pela brecha do portão e ficou preso. Os militares foram acionados através da Centro Integrado de Comunicações (Cicom).

Para a retirada os bombeiros utilizaram técnicas de desencarceramento. Todo o processo foi realizado com cuidado para que o animal não sofresse mais traumas nem ficasse mais estressado. Após o resgate o animal foi deixado aos cuidados da solicitante, que foi orientada sobre os cuidados básicos.

Leia mais...

POLÍCIA CUMPRE MANDADOS CONTRA SUSPEITOS DE LATROCÍNIO E ROUBO

Equipes da Polícia Civil da Bahia cumpriram cinco mandados de prisão, nas cidades de Paulo Afonso, Salvador e Abaré, na manhã desta sexta-feira (5), durante uma operação interagências com as polícias de Alagoas e Pernambuco, para prender suspeitos de latrocínio e roubo qualificado.

Policiais dos Departamentos Repressão e Combate ao Crime Organizado (Draco), de Polícia do Interior (Depin), Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP), Inteligência (DIP) e da Coordenação de Operações Especiais (COE), participaram da ação, totalizando 34 servidores.

O responsável pela operação, delegado Odair Carneiro, afirma que o cumprimento das ordens de prisão é resultado de um trabalho integrado. “A comunicação e cooperação, entre as diferentes unidades, contribuiu para o sucesso dessa ação”, destacou o delegado que comanda a Coordenação de Repressão aos Crimes contra Instituições Financeiras e Extorsão Mediante Sequestro.

As investigações, que foram realizadas em conjunto com departamentos dos outros estados, tinham como objetivo desarticular uma quadrilha. “Vamos continuar executando operações para coibir essas ações criminosas”, acrescentou Carneiro.

Leia mais...