Jequitibá
Pref itabuna
Ieprol
Ubaitaba Inst novo
Buerarema
URUÇUCA
Navegação na tag

Paulo Guedes

VETO PEDIDO POR GUEDES CRIA NOVO IMPASSE COM ESTADOS

Um novo embate surgiu entre governadores e o Ministério da Economia na discussão sobre o plano de socorro a estados e municípios por causa da crise causada pelo novo coronavírus.

Segundo a Folha, Governadores resistem em perder repasse do Fundo de Participação dos Estados. Trecho aprovado no projeto permite que gestores não tenham prejuízo caso suspendam o pagamento de dívidas com organismos multilaterais — que, honradas pelo governo, geram atualmente retenção de uma parte do fundo.

Ainda de acordo com a publicação, Guedes quer vetar isso. Nesta quinta-feira, 22, Jair Bolsonaro se reuniu virtualmente com os governadores para tentar acordo também sobre outros vetos ao projeto que cria o pacote de R$125 bilhões. O presidente pediu apoio para congelar salários de servidores das três esferas de governo.

Leia mais...

EM APOIO A MANDETTA, MORO E GUEDES SE OPÕEM A BOLSONARO

Os ministros da Justiça, Sergio Moro e da Economia, Paulo Guedes, uniram-se nos bastidores no apoio ao colega da Saúde, Luiz Henrique Mandetta e na defesa da manutenção das medidas de distanciamento social e isolamento da população no combate à pandemia do coronavírus.

De acordo com a Folha de São Paulo, o trio formou uma espécie de bloco antagônico, com o apoio de setores militares, criando um movimento oposto ao comportamento do presidente Jair Bolsonaro, contrário ao confinamento das pessoas, incluindo o fechamento do comércio.

Com isso, afirma a publicação, o isolamento político do chefe da República aumenta diante do apoio que Mandetta já tem da cúpula do Legislativo e do Judiciário — nesta segunda-feira (30), o presidente do STF (Supremo Tribunal Federal), Dias Toffoli, destacou a necessidade do isolamento social.

Leia mais...

GOVERNO VAI PERMITIR CORTE DE SALÁRIO E JORNADA PELA METADE

O Governo Federal vai permitir que empresas cortem jornada e salários de trabalhadores pela metade em meio ao avanço do coronavírus. A iniciativa deve ser encaminhada por medida provisória, segundo a Folha. Para o governo, isso preservará empregos.

De acordo com a publicação, férias também serão simplificadas. A redução poderá durar enquanto estiver em vigor o estado de calamidade, aprovado pela Câmara nesta quarta-feira, 18. Outra medida anunciada pelo Ministro da Economia, Paulo Guedes, é dar vouchers de R$ 200 a trabalhadores informais por quatro meses. Para não cair na pobreza, essa população precisaria de no mínimo R$ 250. Como distribuir esse dinheiro é outro desafio.

Leia mais...

GOVERNO PREVÊ INJETAR R$ 147 BI NA ECONOMIA PARA MITIGAR OS EFEITOS DA CRISE

O Ministro da Economia, Paulo Guedes, anunciou nesta segunda-feira, 16, um pacote para tentar mitigar os efeitos da crise do coronavírus. Em conjunto com ações divulgadas na semana passada, as propostas devem ter um impacto de R$ 147,3 bilhões, segundo a Folha.

De acordo com a publicação, valores não sacados de PIS/Pasep serão transferidos para o FGTS para permitir novos saques, num total de R$ 21,5 bilhões. Também será antecipado o abono salarial. Os desembolsos deverão ocorrer em junho e chegar a R$ 12,8 bilhões.

Minimizada pelo presidente Jair Bolsonaro, a pandemia já levou o governo a revisar a projeção de crescimento do Produto Interno Bruto neste ano de 2,4% para 2,1%. As previsões do mercado captadas pelo BC estão em 1,68%.

Leia mais...