Jequitibá
Pref itabuna
Ieprol
Ubaitaba Inst novo
Buerarema
URUÇUCA
Navegação na tag

Rejeição

ITABUNA: NOVA PESQUISA APONTA CENÁRIO INDEFINIDO E REJEIÇÃO ALTA DE FERNANDO GOMES

Pesquisa realizada em Itabuna na segunda quinzena de Dezembro, em que o iPolitica teve acesso, aponta um cenário ainda indefinido para as eleições deste ano. De acordo com os dados analisados, não houve grandes alterações nos três primeiros colocados. Os dois primeiros estão empatados com uma pequena vantagem para o terceiro.

As variações estão dentro da margem de erro. O que mais chamou a atenção na pesquisa, foi a pontuação, mesmo que tímida de cinco vereadores da atual legislatura.

A rejeição ao atual Prefeito Fernando Gomes continua elevada, e a pífia pontuação dos ex-prefeitos Geraldo Simões (PT) e Claudevane Leite (PRB) permaneceram no mesmo patamar.

Leia mais...

ITABUNA: REJEIÇÃO A FERNANDO GOMES ULTRAPASSA 70%, APONTA SÓCIO ESTATÍSTICA

A pesquisa Sócio Estatística mostrou que a Administração Fernando Gomes “possui uma avaliação tendendo ao negativo”. 54,48% dos entrevistados afirmaram que o Governo Municipal é péssimo e 16,79 dizem que é ruim. 21,14% consideram regular. 4,98% consideram boa e 1,24% ótima. Não responderam, 1,37%.

“Trata-se de uma situação marcada pelo desgaste da imagem. Aqui, ainda que seja válida a afirmação de que enquanto houver tempo, haverá possibilidades, mantendo-se situação, as perspectivas da atual administração não parecem promissoras, eleitoralmente falando. A favor, ainda há tempo e a recente troca de nomes no comando da administração, não captado por esta pesquisa, até por falta de tempo. Quanto a este ponto, cabe esperar e monitorar”, ressaltou Agenor Gasparetto.

O levantamento buscou saber também quais os principais problemas enfrentados pela população de Itabuna. Dentre os apontados, os dois mais graves são a questão da violência/falta de segurança e a questão da saúde/atendimento médico. Em terceiro lugar emerge a questão do desemprego. Na sequência, educação/qualidade do ensino, falta de saneamento básico, pavimentação/calçamento de ruas e transporte público.

Leia mais...

BOLSONARO E HADDAD TRAVAM BATALHA DE REJEIÇÕES

O novo Datafolha indica que a polarização entre Jair Bolsonaro (PSL) e Fernando Haddad (PT) tende a desencadear uma batalha de rejeições cada vez mais acirrada. Os dois ostentam índices altos nos três maiores colégios eleitorais. De acordo com a Coluna Painel da Folha, em São Paulo, o deputado é rejeitado por 43%; o petista por 44%. No Rio de Janeiro, Bolsonaro marca 36%; Haddad 34%. Minas Gerais: 43% a 32%, respectivamente. Há, porém, uma má notícia a mais para o PT: os números de Bolsonaro estabilizaram nesses estados. Os de Haddad estão subindo.

Em comparação com a pesquisa anterior, a rejeição a Fernando Haddad Lula subiu de 38% para 44% entre os paulistas; de 31% para os atuais 34% entre os cariocas; e de 28% para 32% em solo mineiro. O Sudeste inteiro soma cerca de 63,5 milhões de eleitores. A âncora de Bolsonaro é mesmo a região Nordeste. Nela, a rejeição do deputado subiu de 56% para 61%. A de Haddad está entre as menores: 21%.

Leia mais...