COLÉGIO JORGE AMADO
Buerarema
Pref ilheus junho
Plansul
Ieprol
Navegação na tag

Sesab

HOSPITAL REGIONAL COSTA DO CACAU CRIA COMITÊ MULTIPROFISSIONAL DE PREVENÇÃO DA VARÍOLA DO MACACO EM AMBIENTE HOSPITALAR

A Organização Mundial da Saúde (OMS) emitiu alerta sobre a doença causada pelo Monkeypox vírus, conhecida como “varíola do macaco” ou “varíola símia”, com casos já confirmados em países não endêmicos da Europa e América Norte. No Brasil, secretarias estaduais de saúde investigam casos suspeitos da enfermidade.

Diante dessas informações e do crescente risco de aparecimento de casos da varíola do macaco em nosso país, o Hospital Regional Costa do Cacau (HRCC), em Ilhéus, sob orientação da Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab), criou na semana passada, um comitê multiprofissional para elaboração do plano de contingência para definir ações na prevenção do Monkeypox vírus, com o objetivo de evitar a possível propagação da doença no ambiente hospitalar.

Essa estratégia está fundamentada pela Nota Técnica ANVISA Nº03/2022 divulgada em 31/05/2022, assegura a enfermeira Ana Paula Lavigne. “Nosso comitê é composto pela Comissão de Controle de Infecção Hospitalar (CCIH), Núcleo Hospitalar Epidemiologia (NHE), Serviço Especializado em Engenharia de Segurança e em Medicina do Trabalho (SESMT) e diretorias Técnica e Operacional, com a finalidade de instituir, orientar, monitorar e garantir o funcionamento das ações de prevenção a propagação do Monkeypox contidas no plano de contingência”, afirmou. (mais…)

Leia mais...

ITABUNA RECEBE A FEIRA CIDADÃ COM EXPECTATIVA DE 10 MIL ATENDIMENTOS

Após atender cerca de 11 mil pessoas em Ilhéus, a Feira Cidadã chega a Itabuna nesta segunda-feira (6). Promovida pela Secretaria da Saúde do Governo do Estado, a ação acontecerá até a quarta-feira, na Avenida Princesa Izabel, ao lado da prefeitura.

Serão 10 mil atendimentos distribuídos entre consultas oftalmológicas, cirurgias de catarata e procedimentos de odontologia. Também serão ofertados ultrassonografia e raio x, entre outros exames pré-operatórios, como eletrocardiograma. No primeiro dia de atendimentos, a Secretária da Saúde do Estado, Adélia Pinheiro, irá conferir a Feira Cidadã a partir das 9h.

Além disso, serviços de cidadania como inscrição de CPF, certidão negativa de antecedentes criminais e emissão de primeira e segunda vias da RG serão ofertados de forma totalmente gratuita no SAC-Serviço de Atendimento ao Cidadão. Só terão acesso à feira pessoas que apresentarem cartão de vacinação com esquema completo. Os exames serão realizados mediante requisição médica.

Leia mais...

ITABUNA: FEIRA CIDADÃ ACONTECERÁ ENTRE SEGUNDA E QUARTA-FEIRA DA PRÓXIMA SEMANA

A Feira Cidadã é um mutirão itinerante promovido pela Secretaria de Saúde da Bahia (SESAB) quando são realizados diversos atendimentos de saúde e cidadania percorrendo todo o estado. Em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde vai acontecer entre a próxima segunda e quarta-feira, dia 8, das 8 às 17 horas, na Avenida Princesa Isabel (ao lado da Prefeitura).

No projeto, também serão parceiras as secretarias municipais de Infraestrutura e Urbanismo (SIURB), Esporte e Lazer (SEMEL) e Promoção Social e a Combate à Pobreza (SEMPS) que vão dar suporte à Feira Cidadã.

O objetivo do evento é resgatar a maior quantidade de pacientes em demanda reprimida e possibilitar também a realização de atendimentos cidadãos por meio do SAC Móvel. Serão diversos caminhões que trarão para Itabuna serviços médicos e exames de ultrassonografia de mama, abdômen total, tireoide, vias urinárias, rins, transvaginal, partes moles eletrocardiograma e Raios-X.

Além disso, haverá atendimentos odontológicos como extração, restauração, canal, limpeza, orientação de escovação dentária com distribuição de kits. E também, atendimento oftalmológico para adulto, criança, idosos e indicação de agendamento para cirurgia de catarata para quem tiver indicação cirúrgica.

No SAC Móvel serão oferecidos serviços como emissão de RG, CPF e antecedentes criminais, além de segundas vias desses documentos gratuitamente. A documentação necessária para os serviços de saúde e cidadania são: cartão de vacina da COVID-19, comprovante de residência, cartão do SUS e requisição médica para ultrassonografias.

A secretária municipal de Saúde, Lívia Mendes, afirma a importância de eventos como esse no município aberto a toda população. “Nunca se investiu tanto na saúde em Itabuna como na gestão do prefeito Augusto Castro”, assegurou.

“Eventos como este, contribuem e muito na prestação de serviços e atendimentos em que há demanda reprimida no município. Agradecemos ao Governo do Estado, por meio da Secretaria de Saúde da Bahia, por mais esta parceria e reafirmamos o comprometimento com a causa,” finalizou.

Leia mais...

ILHÉUS RECEBE A FEIRA CIDADÃ NOS DIAS 1, 2 E 3 DE JUNHO

No mês em que completa 488 anos de fundação, Ilhéus recebe de presente os serviços de saúde e cidadania da Feira Cidadã, que será promovida pela Secretaria da Saúde do Governo do Estado nos dias 1, 2 e 3 de junho, no Centro de Convenções da cidade.

Serão 10 mil atendimentos distribuídos entre consultas oftalmológicas, cirurgias de catarata e procedimentos de odontologia. Também serão ofertados ultrassonografia e raio x, entre outros exames pré-operatórios, como eletrocardiograma.

Além disso, serviços de cidadania como inscrição de CPF, certidão negativa de antecedentes criminais e emissão de primeira e segunda via da RG serão ofertados de forma totalmente gratuita no SAC-Serviço de Atendimento ao Cidadão. Só terão acesso à feira pessoas que apresentarem cartão de vacinação com esquema completo. Os exames serão realizados mediante requisição médica.

Leia mais...

SESAB REALIZA REUNIÃO DE MONITORAMENTO COM OS MUNICÍPIOS BAIANOS EM ALTÍSSIMO RISCO PARA DENGUE

A secretária da Saúde da Bahia, Adélia Pinheiro, esteve a frente hoje, 4, de mais uma reunião de monitoramento das arboviroses urbanas (dengue, zica e chikungunya) com os representates de 5 núcleos regionais de saúde e dos 17 municípios que hoje são considerados de alto e altíssimo risco para epidemia de dengue. A reunião foi acompanhada também pela presidente do Cosems –  Conselho de Secretários Municipais de Saúde – BA, Stella Souza.

Os 17 municípios com coeficiente de incidência para dengue maior que 100 casos para cada 1000 habitantes ficam localizados nos núcleos de saúde Sudoeste, Sul, Oeste, Centro-Norte e Norte. São eles:  Urandi, Floresta Azul, Coaraci, Potiraguá, Apuarema, Santa Cruz da Vitória, Mirangaba, Caatiba, Oliveira dos Brejinhos, Chorrochó, Remanso, Abaré, Caculé, Itajuípe, Caldeirão Grande, Érico Cardoso e Ipupiara.  Outros 8 municípios estão em alerta do mesmo nível para chikungunya e 1 para zica.  Ao todo, cerca de 80 representantes de municípios  participaram do evento de forma virtual.

A epidemiologista chefe da Coordenação de Doenças por Transmissão Vetorial, Sandra Oliveira, explicou que, entre as ações dos planos de contingência, os municípios precisam dar atenção especial para as devidas notificações no SINAN – Sistema de Informação de Agravos de Notificação. É a partir destes dados que a Sesab norteia as ações de mapeamento para apoiar os municípios no combate às endemias. (mais…)

Leia mais...

BAHIA REGISTRA MAIS DE 24,5 MIL CASOS DE DENGUE, ZIKA E CHIKUNGUNYA EM 2022

A Diretoria de Vigilância Epidemiológica da Bahia (Divep/Sesab) está em alerta para situação epidêmica de dengue e chinkungunya nas macrorregiões de saúde Sudoeste e Norte. De acordo com levantamento realizado até a 16ª Semana Epidemiológica de 2022, (até 23 de abril), foram notificados 24.500 casos das três arboviroses urbanas em todo o estado: dengue, chinkungunya e zika. Somente de dengue, foram 14.732 casos, registrados em 271 municípios, com 16 óbitos.

Levantamento das últimas quatro semanas epidemiológicas revela dez municípios em epidemia para dengue: Urandi, Coaraci, Floresta Azul, Potiraguá, Apuarema, Mirangaba, Caatiba, Santa Cruz da Vitória, Remanso e Oliveira dos Brejinhos.

Em relação à chikungunya, no mesmo período, foram notificados 9.290 casos, um incremento de 19,6% em relação às notificações do mesmo período do ano passado. No total, 193 municípios notificaram casos, 49 deles com uma incidência de 100 casos para cada 100 mil habitantes. Os municípios das regiões de Itapetinga, Guanambi, Brumado, Itabuna, Caetité e Santa Maria da Vitória são os que registraram os maiores índices para esta arbovirose. Não houve registro de óbito.

Já os casos de zika também tiveram um incremento de 35,9%, com 557 notificações em 2022, contra 410 registradas no mesmo período de 2021. 69 municípios realizaram notificação para esse agravo, 5 deles apresentaram incidência igual ou maior que 100 casos/100 mil habitantes. Até o momento, não foi confirmado óbito para zika. (mais…)

Leia mais...

BAHIA REGISTRA 566 CASOS ATIVOS DE COVID-19 E MAIS DOIS ÓBITOS

O boletim epidemiológico deste sábado (16) registra 566 casos ativos de Covid-19 na Bahia. Nas últimas 24 horas, foram registrados 30 casos de Covid-19 (taxa de crescimento de +0,00%), 139 recuperados (+0,01%) e mais 2 óbitos.

Dos 1.539.017 casos confirmados desde o início da pandemia, 1.508.649 já são considerados recuperados e 29.802 tiveram óbito confirmado.

Os dados ainda podem sofrer alterações devido à instabilidade do sistema do Ministério da Saúde. A base ministerial tem, eventualmente, disponibilizado informações inconsistentes ou incompletas.

O boletim epidemiológico contabiliza ainda 1834660 casos descartados e 330833 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica em Saúde da Bahia (Divep-BA), em conjunto com as vigilâncias municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas deste sábado.

Na Bahia, 63.115 profissionais da saúde foram confirmados para Covid-19. Para acessar o boletim completo, clique aqui ou acesse o Business Intelligence.

Vacinação

Até o momento temos 11.463.790 pessoas vacinadas com a primeira dose, 10.557.957 com a segunda dose ou dose única e 5.200.985 com a dose de reforço. Do público de 5 a 11 anos, 856.055 crianças já foram imunizadas com a primeira dose e 255.078 já tomaram também a segunda dose.

Leia mais...

ILHÉUS: HOSPITAL MATERNO-INFANTIL COMEMORA 100 DIAS DE FUNCIONAMENTO COM MUITOS AVANÇOS

Nesta quinta-feira (17), o Hospital Materno-Infantil Dr. Joaquim Sampaio, em Ilhéus, completa os 100 primeiros dias de funcionamento. Para a diretora-geral da instituição, Aline Costa, trata-se de um projeto de saúde pública que, por sua magnitude e complexidade, se constrói todos os dias, a cada família acolhida e atendimento feito. E esse é, sem dúvida, o grande desafio até aqui: promover um serviço público alicerçado no cuidado, nos direitos da mulher e da criança e na consolidação do Sistema Único de Saúde, que tem como proposta ofertar às mulheres o estímulo ao parto normal e humanizado.

Nestes 100 dias, o setor de Obstetrícia do hospital realizou aproximadamente 700 partos. Deste total, 120 foram assistidos no Centro de Parto Normal e acompanhados por uma enfermeira obstétrica, um dos pilares da humanização do SUS. A cada 100 partos realizados, em média, 28 foram de alto risco.

No âmbito da emergência, o HMIJS realizou 2.130 atendimentos a gestantes sob demanda espontânea e 987 crianças. Setenta e oito bebês foram internados na UTI Neonatal, tendo como principais causas, a prematuridade e o baixo peso. Para apoio diagnóstico, foram realizados 6.273 exames laboratoriais e de imagem, incluindo ultrassonografia, raio X e tomografia. Garantindo a imunidade contra doenças prevalentes, 815 bebês e 289 funcionários foram vacinados. (mais…)

Leia mais...

SECRETÁRIA DE SAÚDE ADÉLIA PINHEIRO RECEBE MEMBROS DO CURSO DE INSTRUMENTAÇÃO CIRÚRGICA

A secretária de Saúde da Bahia, Adélia Pinheiro, recebeu em Salvador na manhã desta quarta-feira (16) o presidente do Instituto Darwin Leonardo Pires e o presidente da comissão de formandos do curso de instrumentação cirúrgica Washington Alves. Na pauta estava a formação de 80 novos instrumentadores cirurgicos que irão atuar no eixo Itabuna-Ilhéus.

Durante o encontro, foi apresentado à Adélia todas a estrutura dos cursos, que tem atuação em oito polos tendo como Salvador a matriz. Em Itabuna, o curso tem ganhado notoriedade, pois vai formar a primeira turma do instituto.

A secretária dialogou sobre os diversos protocolos e fortaleceu futuras parcerias entre as cidades de Itabuna e Ilhéus para acolher os novos profissionais. Já Leonardo ressaltou a visão do Instituto, que é de gerar inclusão social e oferta no mercado de trabalho.

O presidente da comissão de formatura, Washington Alves, disse que há um cenário de várias oportunidades para o setor da saúde, a formação continuada e, consequentemente, o fortalecimento da economia local.

Leia mais...

GOVERNO DA BAHIA REALIZARÁ 79 MIL CIRURGIAS ELETIVAS EM ATÉ TRÊS MESES, DIZ SESAB

Com o objetivo de zerar a fila de cirurgias eletivas que tiveram a demanda represada durante a pandemia da Covid-19, o Governo do Estado investirá mais de R$ 103 milhões na realização de 79 mil procedimentos cirúrgicos, exames pré-operatórios e anatomopatológicos. Esse montante contempla os projetos do Mutirão de Cirurgias Eletivas e as Feiras de Saúde.

O edital para o credenciamento de prestadores foi publicado no Diário Oficial do Estado do último sábado (12) contemplando os 417 municípios e com início imediato. Ao todo, serão oferecidos 36 tipos de procedimentos, como cirurgia de catarata e remoção de mioma, útero, vesícula, hérnias, dentre outros. “Nós estimamos 79 mil cirurgias no período de 90 dias. Com a queda do número de internados e dos novos casos da Covid-19, a gente pode retomar, em regime de mutirão, essas cirurgias eletivas que estavam represadas”, afirma o governador Rui Costa.

A secretária a Saúde do Estado, Adélia Pinheiro, explica que “terão acesso aos procedimentos as pessoas que já possuem o diagnóstico e indicação de cirurgia, bem como estão cadastradas pelo município no Sistema Lista Única. Se o paciente não sabe se está cadastrado, ele deve procurar a Secretaria Municipal de Saúde para realizar o cadastramento. Também é possível ser encaminhado através das Feiras de Saúde que serão realizadas em diversas localidades”, esclarece.

Ainda de acordo com a titular da pasta estadual da Saúde, “esse é um projeto que vai salvar muitas vidas e dar dignidade as pessoas que esperam por uma cirurgia há meses ou anos”, aponta Adélia Pinheiro. Ela ainda destaca que os atendimentos serão prioritários para mulheres, mas também beneficiarão homens que necessitem de algum procedimento ofertado.

Mutirão de exames

As 21 Policlínicas Regionais de Saúde funcionarão em regime especial para dar celeridade aos exames pré-operatórios, tais como ultrassonografia abdominal, transvaginal, mama, eletrocardiograma e radiografia de tórax. “Já conversamos com os prefeitos que são presidentes dos consórcios de saúde e administram as policlínicas regional. A expectativa é fazer uma grande mobilização para atingir as metas propostas”, completou o governador.

Confira a lista completa de procedimentos e o edital de credenciamento: (mais…)

Leia mais...

PRORROGADAS AS INSCRIÇÕES DO PROCESSO SELETIVO DE DISCENTES PARA O CURSO DE MONITORAMENTO

O Curso de Monitoramento da Pesquisa em Saúde no âmbito do SUS teve as inscrições prorrogadas até o próximo dia 27. O novo cronograma está disponível na página da Escola de Saúde Pública da Bahia Professor Jorge Novis (ESPBA):  http://www.saude.ba.gov.br/educacao/processos-seletivos/

No período de 28.01 a 27.02.2022, os trabalhadores de saúde interessados em se qualificar para atuar no processo de investigação, sistematização, análise, desenvolvimento e produção de conhecimentos no SUS-BA, poderão se inscrever no Curso de Monitoramento da Pesquisa em Saúde no âmbito do SUS. Para isso, é necessário acessar o endereço eletrônico acima e obter as informações atinentes aos critérios de seleção.

O curso terá por público-alvo os trabalhadores das Comissões Locais de Pesquisa das Unidades de Saúde e Administrativas da Rede SESAB, com oferta de 80 (oitenta) vagas. (mais…)

Leia mais...

SESAB SUSPENDE VISITAS EM HOSPITAIS E UNIDADES DE SAÚDE DO ESTADO

O Centro de Operações de Emergência em Saúde (COES) atualizou as Notas Técnicas que trazem orientações sobre o funcionamento dos serviços de saúde públicos e privados na vigência da pandemia pela Covid-19. Os documentos apontam recomendações sobre visitas nas unidades estaduais, acompanhantes, cirurgias eletivas e campanha vacinal contra a Covid-19.

De acordo com a Nota Técnica Nº 66, fica determinada a suspensão das visitas em todas as unidades de internação, sejam enfermarias ou em unidades fechadas como UTIs e Centro Cirúrgico por conta do aumento do número de casos de Covid-19 em toda Bahia. “As unidades de saúde devem incentivar as visitas virtuais, através de vídeo chamadas ou ligações, através da equipe multiprofissional, conforme o Manual de Orientações para reunião virtual com a equipe de assistência, disponível no site da Sesab”, explica o documento. É autorizada a permanência de um acompanhante para pacientes acima de 60 anos, portadores de necessidades especiais, menores de 18 anos ou em cuidados paliativos.

A normativa técnica estabelece ainda que as unidades de saúde devem exigir comprovação de esquema vacinal completo, por meio de cartão de vacinação ou meio eletrônico, através do aplicativo ConecteSUS do Ministério da Saúde – ou aplicativo próprio do município de residência, caso exista. O esquema vacinal completo deve estar de acordo com o Plano Nacional de Imunização, que recomenda a primeira, segunda e terceira doses, com intervalos entre a segunda e terceira dose de 150 dias.

Cirurgias eletivas

Não há orientação para a suspensão de cirurgias eletivas em virtude da Covid-19. A recomendação permanece a mesma desde maio de 2021, cuja recomendação é que sejam realizados procedimentos de modo seguro. Cada unidade deve estabelecer estratégias de priorização da agenda cirúrgica, observando sempre as características inerentes a cada especialidade cirúrgica e as condições clínicas do paciente, cuja espera possa piorar o prognóstico da doença.

Os procedimentos devem ser cancelados, salvo casos de urgência e emergência, caso o paciente apresente febre ou qualquer outro sintoma respiratório nos últimos 10 dias, assim como tenha tido contato próximo com pessoa diagnosticada com Covid-19 nos 14 dias que antecederem a cirurgia.

Gestantes e Puérperas

No caso dos acompanhantes de gestantes e puérperas, buscando reduzir o fluxo de pessoas circulando nas unidades de saúde, cada paciente passa a ter direito a um acompanhante durante toda a evolução do trabalho de parto, desde que seja respeitado o distanciamento mínimo de 2 metros entre as pessoas presentes na sala, contando com a equipe de saúde e as outras parturientes.

O acompanhante deve utilizar máscara cirúrgica durante todo o período que estiver na unidade de saúde e ser orientado quanto aos cuidados gerais de contato e higienização. Para as pacientes menores de 18 anos, o acompanhante deverá ser o pai, a mãe ou o responsável legal pelo mesmo.

Leia mais...

BAHIA DETECTA 11 CASOS DE FLURONA EM CINCO MUNICÍPIOS

A infecção simultânea do vírus da Influenza e SARS-CoV-2 (Covid-19), denominada de Flurona, já foi detectada em 11 pacientes de cinco municípios baianos, sem a ocorrência de óbitos. Os números foram divulgados no balanço desta sexta-feira (7) pela Diretoria de Vigilância Epidemiológica da Bahia, após o término das investigações epidemiológicas e análises do Laboratório Central de Saúde Pública da Bahia (Lacen-BA).

Os pacientes são residentes dos municípios de Salvador (6), Feira de Santana (2), Lauro de Freitas (1), Camaçari (1) e Juazeiro (1). São seis pacientes do sexo masculino e cinco do sexo feminino, com idades entre 13 e 91 anos.

H3N2

De 1º de novembro de 2021 até 7 de janeiro deste ano, a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) registrou 1661 casos de Influenza A, do tipo H3N2, distribuídos em 128 municípios. Do total de casos, 348 evoluíram para Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e necessitaram de internação. (mais…)

Leia mais...

IPIAÚ: DOIS CASOS DA H3N2 SÃO CONFIRMADOS PELA SESAB

A Secretaria Estadual de Saúde do Estado da Bahia (Sesab) confirmou na noite dessa terça-feira (04), a existência de dois casos da gripe H3N2, em Ipiaú. A informação foi confirmada ao GIRO pela secretária de Saúde Laryssa Dias. Os dois pacientes diagnosticados são jovens, do sexo masculino, e profissionais de saúde. A secretária informou que ambos estão em bom estado de saúde.

A nova variante da Influenza A que está circulando em todo o país tem feito um grande número de vítimas que estão lotando as unidades hospitalares. Em visita ao município de Ipiaú nesta terça-feira (04), a secretária de Saúde do Estado, Tereza Paim, anunciou a instalação de um gripário no Hospital Geral de Ipiaú.

Larissa Dias informou que as unidades básicas de saúde do município estão recebendo pacientes com Síndrome Gripal e que o Posto Elvídeo dos Santos continua sendo a referência central para reforçar os atendimentos. Pelo fato de o influenza ser um vírus respiratório, assim como o que causa a Covid-19, a prevenção contra ele ocorre da mesma forma, ou seja, com distanciamento físico entre as pessoas, uso de máscara e higiene das mãos. (mais…)

Leia mais...

BAHIA REGISTRA 1.447 CASOS DE H3N2 E 35 ÓBITOS NOS ÚLTIMOS DOIS MESES

De 1º de novembro de 2021 até 4 de janeiro deste ano, a Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) registrou 1.447 casos de Influenza A, do tipo H3N2, distribuídos em 114 municípios. Deste total, 881 (60,1%) são residentes em Salvador.

De acordo com a Diretoria de Vigilância Epidemiológica da Bahia, dos 1447 casos, 259 evoluíram para Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e necessitaram de internação, com 35 pacientes vindo a falecer. Os óbitos foram registrados em residentes de Salvador (30), Camaçari (1), Laje (1), Teixeira de Freitas (1), Urandi (1) e Valença (1).

Do total de óbitos, 19 (54,3%) ocorreram no sexo feminino e 16 (45,7%) no sexo masculino. A maioria ocorreu na faixa etária acima de 80 anos (17 óbitos; 48,6%). Os outros ocorreram nas faixas de 70 a 79 anos (5 óbitos), 60 a 69 anos (5), 50 a 59 anos (3), 40 a 49 anos (2), 30 a 39 anos (1) e 10 a 14 anos (2 óbitos). Verificou-se presença de comorbidades e/ou condições de risco para o agravamento da doença em 27 (77,2%) óbitos. (mais…)

Leia mais...