Ieprol – Matrículas Abertas – Desktop Mobile
Navegação na tag

Vacina

BAHIA RECEBE VACINAS CONTRA VARÍOLA DO MACACO

A Bahia recebeu, nesta terça-feira (14), um primeiro lote de vacinas contra Monkeypox. As 452 doses do imunizante estão armazenadas na Central Estadual de Armazenamento e Distribuição de Imunobiológicos (CEADI). Nesse primeiro momento, a imunização ocorrerá em duas estratégias: pré-exposição e pós-exposição.

A pré-exposição será destinada a dois públicos: pessoas vivendo com HIV/Aids, sendo homens cisgenero, travestis e mulheres transexuais, com idade superior ou igual a 18 anos e com status imunológico identificado pela contagem de linfócitos T CD4 inferior a 200 células nos últimos seis meses; e profissionais de laboratório que trabalham diretamente com Orthopoxvírus. Para a pós-exposição, serão vacinadas pessoas que tiveram contato direto com fluidos e secreções corporais de pessoas suspeitas, prováveis ou confirmadas para Mpox, cuja exposição seja classificada como de alto ou médio risco.

A estratégia de vacinação pré-exposição será articulada com os serviços de atendimento especializado hiv/aids (SAE) e com as regionais e municípios, que estão realizando o levantamento do público que será atendido neste momento. Após a consolidação dessas informações, as doses serão enviadas para os locais de aplicação. A expectativa é que a vacinação seja iniciada na próxima semana.

Atualmente, a Bahia possui 155 casos confirmados. Destes, 67% estão concentrados em Salvador (104) e os 33% restantes estão distribuídos em outras cidades do interior do estado (51).

Leia mais...

COM 2 MILHÕES DE DOSES JÁ APLICADAS, MOVIMENTO PELA VACINAÇÃO ENTRA EM NOVA FASE

Com aproximadamente 2 milhões de doses da vacina bivalente contra Covid-19 já aplicadas em dez dias, o Movimento Nacional pela Vacinação ganhou um novo reforço de mobilização. Na sequência da campanha que tem como embaixadores Xuxa Meneghel, Margareth Dalcolmo (médica e cientista) e Ivan Baron (influenciador e ativista PcD), mais 17 celebridades vão aderir à causa para elevar os índices de vacinação do país.

São músicos, atores, apresentadores e esportistas. O esforço conta com nomes como Beth Goulart, Emicida, Camila Pitanga, Camila Morgado, Mônica Martelli, Natália Lage, Nivea Maria, Paulo Betti, Caio Blat, Sheron Menezzes, Leandra Leal, Daiane dos Santos, Caio Braz, Douglas Silva, Hebert Conceição, Raíssa Machado e Vinícius Rodrigues.

(mais…) Leia mais...

BOLSONARISTAS PRESOS EM BRASÍLIA SÃO VACINADOS CONTRA COVID-19

Cerca de 700 bolsonaristas detidos em Brasília após os atos terroristas foram transferidos para as celas no presídio da Papuda (homens) e Colmeia (mulheres).

De acordo com o Estadão, ao chegarem no local, além de kits de higiene e colchões, receberam também a vacina contra covid19, já que muitos não estavam vacinados.

Os radicais, presos em flagrante, terão sua prisão analisada pelo Supremo Tribunal Federal – STF em audiências individuais nos próximos dias.

Leia mais...

VACINA CONTRA A DENGUE DO BUTANTAN ATINGE EFICÁCIA DE 79,6%

A vacina contra a dengue desenvolvida pelo Instituto Butantan obteve 79,6% de eficácia nos ensaios clínicos. De acordo com a instituição, o acompanhamento com um grupo de 16 mil participantes por dois anos não registrou ainda nenhum caso grave da doença entre os que receberam o imunizante.

A fase de estudos clínicos da vacina contra a dengue começou em 2016, com a administração do imunizante a 10 mil voluntários com idade entre 2 e 59 anos. Mais 6 mil pessoas receberam um placebo. A incidência de dengue sintomáticos entre os participantes foi avaliada a partir dos 28 dias da imunização e seguiu por dois anos. O estudo prosseguirá o acompanhamento por cinco anos e será encerrado em 2024.

A eficácia da vacina foi ainda maior entre as pessoas que haviam contraído a doença antes do estudo, chegando a 89,2%. Entre as pessoas que nunca tiveram contato com o vírus, a eficácia ficou em 73,5%.

A vacina protege contra os quatro sorotipos do vírus da dengue. No entanto, no período da pesquisa, apenas os tipos 1 e 2 estavam em circulação no Brasil. A eficácia para evitar a infecção por essas variedades ficou em 89,5% e 69,6%, respectivamente.

Efeitos adversos

Entre os mais de 10 mil imunizados, apenas três pessoas apresentaram eventos adversos considerados graves até 21 dias após aplicação da vacina, sendo que todas se recuperaram totalmente.

Anos de pesquisa

A vacina do Butantan contra a dengue usa tecnologia do Instituto Nacional de Saúde norte-americano, licenciada em 2009. A primeira fase dos ensaios clínicos foi realizada nos Estados Unidos, entre 2010 e 2012, e a segunda parte da pesquisa, no Brasil, entre 2013 e 2015.

Os testes mostraram que a vacina é segura e protege contra os quatro sorotipos do vírus, o que era uma das maiores dificuldades para o desenvolvimento de um imunizante contra a doença.

Leia mais...

ITABUNA APLICA 5º DOSE DA VACINA CONTRA COVID-19 EM PESSOAS COM COMORBIDADE

Seguindo os critérios de elegibilidade estabelecidos pelo Ministério da Saúde, Itabuna começou a vacinar indivíduos imunocomprometidos ou imunossupressos maiores de 18 anos com a 5ª dose contra o Covid-19. A vacinação não está determinada pelo critério de faixa etária, mas exclusivamente para pessoas que se enquadram nos parâmetros de acordo com a Coordenação da Rede de Frio da Secretaria Municipal de Saúde.

Neste contexto estão pacientes com imunodeficiência primária grave, aqueles que fazem tratamento com quimioterapia contra o câncer, transplantados, os que convivem com HIV/AIDS e quem usa corticoides em altas dosagens. Também se enquadram pacientes que fazem uso de drogas modificadas da resposta imune, aqueles com doenças autoinflamatórias e intestinais inflamatórias, bem como pacientes em hemodiálise e com doenças imunomediadas inflamatórias crônicas. Segundo explicou a coordenadora da Rede de Frio, enfermeira Camila Brito, a estimativa de público para a 5ª dose contra a Covid-19 gira em torno de 10 mil pessoas. Sã considerados os mesmos critérios para a imunização de reforço com a 4ª dose.

Para além do início da vacinação com a 5ª dose, ela chama a atenção para o fato de um elevado número de pessoas que não ter completado o esquema vacinal no município. Além disso, há evolução de casos ativos que até esta quarta-feira, dia 23, alcançou 100 pessoas. “De acordo com os últimos números apurados, entre as pessoas maiores de 12 anos, que é público-alvo para a 3ª dose da vacina, apenas 43,3% foram imunizadas. Já em relação à 4ª dose de reforço, somente 17,3% da população a ser imunizada procurou as unidades de saúde em busca da vacina. Isso é muito preocupante, porque estamos registrando números elevados de casos da doença, inclusive com novas variantes circulando”, afirmou Camila Brito.

Ontem a procura por vacina de pais ou tutores de crianças menores de três anos de idade foi baixa, o que evidencia maior atenção das pessoas adultas para a necessidade de vacinação de seus filhos ou parentes, com idade a partir de 6 meses a menores de 3 anos (2 anos, 11 meses e 29 dias). A vacina Pfizer Baby é aplicada inicialmente nas crianças com comorbidades.

Leia mais...

BAHIA RECEBE PRIMEIRO LOTE DA PFIZER PARA CRIANÇAS A PARTIR DE SEIS MESES

A Bahia recebeu, nesta quinta-feira (10), a primeira remessa de vacinas contra a Covid-19, da Pfizer BioNTech, para crianças de seis meses a menores de três anos. O avião trazendo a carga com as 70 mil doses pousou no aeroporto de Salvador por volta das 12h30. Este é o primeiro envio deste tipo de imunizante destinado ao estado. Até o momento, o Ministério da Saúde indicava a vacinação somente para crianças acima de três anos.

Secretária da Saúde do Estado, Adélia Pinheiro destaca que as doses serão distribuídas nos próximos dias, conforme definição da Comissão Intergestores Bipartite (CIB), instância deliberativa que reúne gestores de saúde dos 417 municípios e do Estado.

“Essas vacinas serão destinadas, prioritariamente, para crianças com comorbidades, mas não exclusivamente. Elas serão distribuídas a partir da próxima quarta-feira (16), após o início das atividades de capacitação das equipes de saúde responsáveis pela aplicação das doses. Trago essa boa notícia destacando que é dessa forma que o Governo do Estado da Bahia cuida mais e melhor da nossa população”, explica.

De acordo com a coordenadora de Imunização do Estado, Vânia Rebouças, a logística de distribuição tem sido muito importante para dar celeridade ao processo de vacinação na Bahia. “Conseguimos fazer com que o imunizante seja entregue em todas regiões em tempo hábil. Essas doses da Pfizer serão destinadas aos 417 municípios do estado”, explicou.

Leia mais...

MP FAZ RECOMENDAÇÃO A ITAPETINGA APÓS BAIXA COBERTURA VACINAL INFANTIL

O Ministério Público estadual fez recomendações ao Prefeito de Itapetinga, na última segunda-feira, 24, a fim de combater a baixa cobertura vacinal infantil registrada no Município. Em 2021, a cidade vacinou apenas 19% das crianças e adolescentes com a BCG e 55,4% contra a poliomielite.

A meta estabelecida pelo Programa Nacional de Imunizações (PNI) é de 90%. Conforme a recomendação, o prefeito deverá, nos próximos 60, determinar que agentes de saúde realizem uma busca ativa de crianças e adolescentes no município, especialmente na zona rural, para conferir se a caderneta de vacinação desse público está em dia. Em caso de falta de algum imunizante, que seja comunicado aos pais, às autoridades sanitárias e ao Conselho Tutelar para a devida regularização.

Foi recomendado, também, que a Secretaria de Educação determine às escolas da rede municipal, creches, berçários e centros de educação, que, no momento da matrícula ou de sua renovação, verifiquem a situação da caderneta de vacinação do estudante e informem os responsáveis, as autoridades sanitárias e ao Conselho Tutelar em caso de ausências. No último ano, a cidade também apresentou taxas “muito inferiores ao parâmetro do PNI” das vacinas contra o rotavírus humano (56,4%), febre amarela (47,4%) e Hepatite A (47,9%).

Ao Secretário de Saúde, o documento sugere a implantação de grupos de divulgação e conscientização da importância da vacinação, com realização de palestras, cursos, seminários e divulgação domiciliar, por meio dos agentes comunitários de saúde, para atingir o público-alvo das vacinas preconizadas pelo Ministério da Saúde.

Segundo o promotor de Justiça Millen Castro, um procedimento administrativo foi instaurado para acompanhar as ações da Prefeitura voltadas a cumprir o PNI. A recomendação levou em consideração o art. 14, parágrafo 1º, do Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA), que considera obrigatória a vacinação das crianças nos casos recomendados pelas autoridades sanitária.

Também foi considerada a “queda histórica na cobertura vacinal” da Bahia, a qual, segundo dados do DataSus, chegou a 50,47% no ano passado, em média total, tendo por base os imunizantes indicados no referido sistema.

Leia mais...

ITABUNA: SECRETARIA DE SAÚDE DIVULGA CALENDÁRIO VACINAL NESTA SEMANA

A Secretaria Municipal de Saúde, por meio da Rede de Frio do Departamento de Vigilância em Saúde, divulga calendário de vacinação nesta semana em Itabuna. A vacinação será de terça a sexta-feira, dia 21.

Para a vacinação contra o Covid-19 de adultos e idosos, no período matutino e vespertino, nas Unidades Básicas de Saúde, a vacinação da primeira, segunda, terceira ou quarta dose será aplicada para pessoas maiores de 18 anos, conforme disponibilidade na unidade.

Vale destacar que as unidades funcionam até às 16h, mas as ampolas são abertas até às 15 horas, a fim de evitar desperdício de doses. A documentação necessária é o RG, CPF ou cartão do SUS e cartão de vacina com registro das doses anteriores.

De terça à sexta, crianças e adolescentes poderão ser vacinados contra a Covid-19 em todas Unidades Básicas de Saúde das 8 às 11 e das 13 às 16h. Vale lembrar que as unidades aplicam as vacinas até às 15h para evitar desperdício de doses.

Crianças de 3 a 11 anos recebem a primeira ou segunda dose da Coronavac ou Pfizer Pediátrica. Já os adolescentes de 12 a 17 anos poderão ser imunizados com a primeira, segunda ou terceira dose da Coronavac ou Pfizer conforme seu esquema vacinal.

A documentação necessária é o RG, CPF ou cartão do SUS e cartão de vacina com registro das doses anteriores. As crianças devem estar acompanhadas dos seus responsáveis.

De terça à sexta-feira também são aplicadas as vacinas de rotina para todos os públicos (crianças, adolescentes, adultos e idosos). A documentação necessária é o RG, CPF ou cartão do SUS e cartão de vacina com registro de outras vacinas.

Na quinta-feira, dia 20, haverá ação especial da Rede de Frio para imunização contra a meningite. A ação ocorrerá na UniFtc das 10 às 14h e ofertará 400 doses para crianças, adultos e profissionais de saúde.

O público alvo são crianças de 3 meses a 10 anos que nunca se vacinaram contra a meningite C, adolescentes de 11 a 18 anos, adultos maiores de 18 anos com comorbidades e profissionais de saúde.

A documentação necessária é o RG, CPF e cartão de vacina. Para os profissionais de saúde também é necessário apresentar crachá, holerite ou carteira do conselho municipal de saúde.

Leia mais...

ITABUNA: SECRETARIA DE SAÚDE DIVULGA CALENDÁRIO DE VACINAÇÃO DESTA SEMANA

A Secretaria de Saúde de Itabuna divulgou o calendário para vacinação nesta semana, exceto no feriado nacional do 7 de Setembro. As doses contra Covid-19 de adultos e idosos no período nas Unidades Básicas e de Saúde da Família, será aplicada para pessoas maiores de 18 anos.

Nesta semana a vacinação de adultos acontece na terça e quinta-feira, dia 8, das 8h as 11h e das 13h às 16 horas. Vale destacar que as ampolas são abertas até às 15h a fim de evitar desperdício de doses.

Até o dia 9 acontece em todo o Brasil a Campanha Nacional de Multivacinação Infantil em paralelo a campanha do Covid-19, Influenza e vacinação contra a Poliomielite. As imunizações acontecem nesta segunda e na sexta-feira nas UBS e USF das 8h as 11h e das 13h às 16h. Excepcionalmente não haverá vacinação na quarta-feira em virtude do feriado de 7 de Setembro.

A campanha de Multivacinação, que visa imunizar crianças e adolescentes com todas as vacinas do calendário de imunização nacional, para crianças a partir do nascimento a adolescentes menores de 15 anos (14 anos, 11 meses e 29 dias). Serão ofertadas todas as vacinas para este público. As vacinas que faltam para completar o esquema vacinal da caderneta de vacina após avaliação do enfermeiro(a) da unidade.

Também na segunda e sexta-feira, concomitante à Multivacinação, acontece a vacinação da Poliomielite. O público alvo são crianças de maiores de 1 ano e menores de 5 anos de idade (4 anos, 11 meses e 29 dias).

Também prossegue a vacinação para meningite C esta semana na segunda-feira e sexta-feira. O público são crianças de 1 ano de idade a 19 anos, 11 meses e 29 dias não vacinadas com meningo C.

A documentação necessária para vacinação da criança e adolescente é o RG ou certidão de nascimento, CPF ou Cartão do SUS e cartão de vacina da criança/adolescente que deve estar acompanhado do seu responsável.

Leia mais...

VITÓRIA DA CONQUISTA: EM DIA D, SECRETARIA DE SAÚDE IMUNIZA MAIS DE 3 MIL CRIANÇAS E ADOLESCENTES CONTRA POLIOMIELITE

O Dia D da Campanha de Vacinação contra Poliomielite e Multivacinação para crianças e adolescentes, realizado neste sábado, 20, alcançou na sede do município um público de 3.019 crianças. Os dados da zona rural ainda estão sendo contabilizados. A vacinação aconteceu das 8h às 13h, em todos os postos de saúde de Vitória da Conquista.

A meta é imunizar até o dia 9 de setembro, no município, 19.154 crianças com a gotinha, e alcançar cobertura vacinal igual ou maior que 95% para a vacina poliomielite na faixa etária de 1 ano a menores de 5 anos de idade, além de atualizar a carteira de vacinação dos menores de 15 anos. O objetivo é proteger a população contra as doenças imunopreveníveis. A campanha teve início no dia 8 de agosto, em todo o Brasil.

Segundo a coordenadora de imunização da Secretaria Municipal de Saúde, Patrícia Fernandes, a vacinação transcorreu de forma tranquila em todos os postos do município. “Foi um dia de mobilização para atrair os pais e alcançar a meta estabelecida pelo Ministério da Saúde que é de 95%. Foi tranquilo, a gente conseguiu suprir todos os postos. Onde faltou vacina, nós fizemos a reposição, e a imunização continuou até o horário estabelecido”, disse a coordenadora.

As crianças que não foram vacinadas neste sábado têm até 9 de setembro para procurar as unidades de saúde da sede ou da zona rural, onde estão sendo ofertadas as seguintes vacinas: Hepatite A e B, Penta (DTP/Hib/Hep B), Pneumocócica 10 valente, VIP (Vacina Inativada Poliomielite), VRH (Vacina Rotavírus Humano), Meningocócica C (conjugada), VOP (Vacina Oral Poliomielite), Febre Amarela, Tríplice Viral (Sarampo, Rubéola, Caxumba), Tetraviral (Sarampo, Rubéola, Caxumba, Varicela), DTP (tríplice bacteriana), Varicela e HPV quadrivalente (Papilomavírus Humano).

Mãe de Emily Sophia Alves Costa, de um ano e nove meses, e de Igor Vinicius Alves Costa, 13 anos, Geisa Carla, moradora da Urbis V, disse que Emily recebeu a gotinha e que o outro filho foi ao posto com ela, mas já estava com a caderneta atualizada. “As vacinas são fundamentais para prevenir doenças, pois estimulam a produção de anticorpos contra vírus e bactérias causadoras de doenças graves, por isso eu faço questão de que eles estejam com as vacinas em dia”, explicou Geisa.

Atitudes como a de Geisa são aplaudidas por Patrícia Fernandes. “É muito importante que os pais fiquem atentos às datas das vacinas e à atualização da caderneta de vacinação, porque é uma ferramenta importante para o acompanhamento integral da saúde infantil, é um documento para a vida toda”, acrescentou a coordenadora de imunização.

Leia mais...

ILHÉUS: DIA D DA CAMPANHA CONTRA POLIOMIELITE E MULTIVACINAÇÃO ACONTECE NESTE SÁBADO

A Prefeitura de Ilhéus realiza neste sábado (20), o Dia D da Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite e Multivacinação para atualização da caderneta de vacinação de crianças e adolescentes. O serviço estará disponível das 8h às 16h, nas unidades de saúde Sarah Kubitschek, Euler Ázaro, Hernani Sá e no CAE III, antigo Sesp.

A Secretaria de Saúde (Sesau) explica que para atualização da situação vacinal, as crianças e os adolescentes deverão comparecer aos postos de saúde mencionados, com os pais ou responsáveis, e apresentar cartão de vacinação, cartão do SUS e RG ou certidão de nascimento.

A vacinação contra a poliomielite (também chamada de pólio ou paralisia infantil) tem como objetivo imunizar com uma dose de reforço todas as crianças de 1 a 4 anos, independentemente do esquema vacinal anterior contra a doença.

A multivacinação é voltada para adolescentes de até 14 anos, que poderão completar as doses da caderneta de vacinação, caso estejam em atraso. Já o imunizante contra a Covid-19 será aplicado em crianças e adolescentes de 3 a 15 anos.

Leia mais...

ITABUNA: SECRETARIA DE SAÚDE DIVULGA CALENDÁRIO DE VACINAÇÃO REFERENTE À PRINEIRA SEMANA DE AGOSTO

A Secretaria de Saúde, por meio da Rede de Frio do Departamento de Vigilância em Saúde, divulgou o calendário de vacinação da primeira semana de agosto. Nesta semana, excepcionalmente na quarta-feira, dia 3, as Unidades Básicas e de Saúde da Família não realizarão vacinação contra a Covid-19 e de rotina em virtude de reunião dos vacinadores e enfermeiros para alinhar estratégias de nova campanha de vacinação.

Para a vacinação contra a Covid-19, nas Unidades Básicas de Saúde, a vacinação da primeira, segunda e terceira dose será aplicada desta segunda a quinta-feira, dia 4, das 8h as 11h e das 13h às 16 horas. Vale destacar que as ampolas são abertas até às 15h a fim de evitar desperdício de doses.

Para a primeira dose, o público pessoas maiores de 12 anos. A documentação é o RG, CPF ou cartão do SUS e comprovante de residência. Para a segunda dose, as pessoas que estão com data de retorno até o dia 05/08 para uso das vacinas Coronavac, Oxford e Pfizer.

(mais…) Leia mais...

ITABUNA: CRIANÇAS DE 3 A 5 ANOS COMEÇAM A SER VACINADAS CONTRA COVID-19 A PARTIR DESTA SEXTA-FEIRA

A Secretaria de Saúde, por meio da Rede de Frio do Departamento de Vigilância em Saúde, comunica que a partir desta sexta-feira, dia 22, crianças com idade a partir de 3 anos com ou sem comorbidade começarão a ser acolhidas nas Unidades Básicas e de Saúde Família para vacinação contra a Covid-19. Em Itabuna, a vacinação será entre 8h às 11h e de 13h às 16 horas.

A medida segue orientação da Nota Técnica Nº 213/2022 emitida pelo Ministério da Saúde, na qual, estabelece aprovação pela Anvisa da Vacina CoronaVac para crianças de 3 a 5 anos de idade, com intervalo de 28 dias para segunda dose, e orientações do Programa Nacional de Imunizações para vacinação deste público infantil.

“Tendo em vista a aprovação pela Anvisa da vacina CoronaVac para o público infantil de 3 a 5 anos de idade […] fica orientado o início da vacinação de forma gradual para todas as crianças imunocomprometidas de 3 e 4 anos de idade, seguida pelas faixas etárias de 4 e depois 3 anos de idade. Neste momento, as crianças a partir de 5 anos de idade, deverão ser vacinadas com a vacina Pfizer, nos esquemas já recomendados”, estabelece a Nota.

A documentação necessária é o RG, CPF ou Cartão do SUS, comprovante de residência e cartão de vacina da criança. Vale destacar que, em virtude do estoque adequado de vacinas Coronavac para este público-alvo no nosso município, a Rede de Frio informa que serão acolhidas todas as crianças com idade a partir de 3 anos, sejam elas imunossuprimidas ou não.

Leia mais...

ITABUNA: PREFEITURA DIVULGA CALENDÁRIO DE VACINAÇÃO CONTRA COVID-19 NESTA SEMANA

A Secretaria de Saúde, por meio da Rede de Frio do Departamento de Vigilância em Saúde, divulgou o calendário de vacinação nesta semana em Itabuna contra a Covid-19. Nas Unidades Básicas e de Saúde da Família, a vacinação da primeira, segunda e terceira dose será aplicada desta segunda a quinta-feira,  dia 14, das 8h às 11h e das 13h às 16 horas. As unidades funcionam até às 16h, mas as ampolas são abertas até às 15h a fim de evitar desperdício de doses.

Para a primeira dose, o público são pessoas maiores de 12 anos. Já a segunda dose, pessoas que estão com data de retorno até o dia 15/07 para uso das vacinas Coronavac, Oxford e Pfizer. Vale destacar que está liberado para todos os serviços a antecipação da 2ª dose Pfizer para 60 dias. Na terceira dose, serão imunizadas pessoas maiores de 12 anos com conclusão do esquema vacinal há mais de 4 meses (a partir da data da segunda dose).

Nas UBS e USF, pessoas maiores de 18 anos, que tenham um intervalo entre 2 e 6 meses após a primeira aplicação já podem receber sua dose de reforço da vacina Janssen. A documentação necessária é o RG, CPF ou Cartão do SUS, Comprovante de Residência e cartão de vacina com registro das doses anteriores.

De segunda a quinta-feira, também será aplicada a quarta dose contra a Covid-19 nas Unidades Básicas e de Saúde da Família. O público-alvo, pessoas maiores de 40 anos, que fizeram uso do reforço há mais de 4 meses, pessoas vivendo com HIV ou em tratamento oncológico, pacientes transplantados (medula ou órgãos sólidos)

Além destes, pessoas em tratamento imunossupressor (autoimunes como Lúpus, artrite reumatoide Doença de Crohn, anemia hemolítica, espondiloartrites, artrite psoriásica, esclerose sistêmica (esclerodermia), síndrome de Sjögren, miopatias inflamatórias e as vasculites).

Vacinação infantil

A vacinação infantil ocorrerá na sexta-feira, dia 15, nas UBS e USF das 8h às 11h e das 13h às 16 horas. Serão imunizadas crianças com comorbidade/deficiência permanente de 5 a 11 anos com a Pfizer Pediátrica. Já as crianças sem comorbidade serão vacinadas aquelas de 5 a 11 anos com a vacina da Pfizer Pediátrica e de 6 a 11 anos com a vacina da Coronavac ou Pfizer Pediátrica. (mais…)

Leia mais...

ILHÉUS: QUARTA DOSE DA VACINA CONTRA COVID COMEÇA A SER APLICADA EM PÚBLICO DE 40 ANOS OU MAIS

A partir da próxima segunda-feira (4), a Prefeitura de Ilhéus inicia a aplicação da 4ª dose para pessoas com 40 anos ou mais. O serviço será ofertado nas unidades de saúde previamente informadas, conforme o horário de funcionamento das salas de imunização.

É indispensável a apresentação do CPF, cartão do SUS, comprovante de residência e cartão de vacinação constando as três aplicações. As pessoas devem ir aos postos com máscara de proteção, locais onde o uso continua sendo obrigatório.

O esquema vacinal completo reduz o risco de contaminação e agravamento de casos da doença. A imunização contra a Covid-19 segue da seguinte forma: Aplicação da 1ª dose para pessoas a partir de cinco anos; Aplicação da 2ª dose, de acordo com a data marcada no cartão; Aplicação da 3ª dose para pessoas que receberam a 2ª dose há pelo menos quatro meses; Aplicação da 4ª dose para imunossuprimidos; pessoas com idade igual ou acima de 40 anos e profissionais da saúde que tomaram a 3ª dose há pelo menos quatro meses.

Confira os locais, dias e horários de cada unidade:

Módulo Sul

– ESF do Ilhéus II – segunda a sexta, das 8h às 11h30;

– UBS do Hernani Sá – segunda, terça e quinta-feira, das 8h às 11h30. Turno noturno: terça e quinta-feira, das 18h às 20h;

– ESF Nelson Costa – segunda a quinta-feira, das 13h às 15h30;

– UBS Olivença – sexta-feira, das 8h às 11h;

– UBS Herval Soledade– terça e quinta-feira, das 13h30 às 15h30;

Módulo Norte

– UBS Sarah Kubitscheck – segunda-feira, das 13h às 16h; terça e quinta-feira, das 13h às 20h;

– UBS Avenida Esperança – terça e quinta-feira, das 8h às 11h30;

Módulo Centro

 – UBS Conquista – segunda a sexta-feira, das 8h 11h30;

– UBS Santa Dulce dos Pobres (Avenida Princesa Isabel) – segunda a sexta-feira, das 8h às 11h30;

– ESF do Basílio – segunda a sexta-feira, das 8h às 11h30;

– CAE III (antigo Sesp) – segunda, terça, quinta e sexta-feira, das 13h às 16h;

Módulo Oeste

– UBS Euler Ázaro – segunda, terça e quinta-feira, das 8h às 11h30;

– UBS Banco da Vitória – segunda-feira das 8h às 11h;

– ESF do Salobrinho – segunda a sexta-feira, das 8h às 11h30

Leia mais...