FICC
Shopping
CVR
diabetes
Buerarema
Plansul
COLÉGIO JORGE AMADO
Pref ilheus junho
Ieprol

TRÊS PESSOAS SÃO DENUNCIADAS POR TENTATIVA DE HOMICÍDIO DURANTE BRIGA DE TORCIDAS EM SALVADOR

O Ministério Público estadual denunciou e a Justiça acatou, no último dia 10, denúncia contra três homens envolvidos na briga entre torcidas organizadas ocorrida no dia 4 de setembro no bairro de São Caetano, em Salvador, que deixou duas pessoas gravemente feridas.

Filipe Santos Borges, Vinícius Cerqueira Almeida e Walace de Lima Santana foram denunciados por crime de tentativa de homicídio, por motivo fútil e, no caso de Vinícius, também por impossibilitar a defesa das vítimas. A pedido do MP, foi decretada a manutenção da prisão preventiva dos três.

A denúncia foi oferecida pela promotora de Justiça Sumaya Queiroz de Oliveira no último dia 4 de outubro. Segundo o documento, Filipe Borges e Walace Santana, vestidos com o uniforme da torcida ‘Imbatíveis’, agrediram a cabeça, respectivamente com uma pedra e com chutes, de dois integrantes da ‘Bamor’.

As vítimas foram agredidas enquanto estavam caídas no chão, após serem atropeladas pelo carro de Vinícius Cerqueira, que fugiu do local logo em seguida. Conforme a denúncia, os agredidos apresentaram lesões gravíssimas que “não provocaram a morte das vítimas por circunstâncias alheias à vontade dos denunciados, uma vez que foram socorridas por terceiros”.

Na decisão, a juíza Andrea Teixeira Sarmento Netto pontuou haver provas da conduta criminosa e indícios suficientes de autoria. Ela decretou a manutenção da prisão preventiva para “garantia da ordem pública ante a real possibilidade de reiteração delitiva, a fim de se resguardar a sociedade de maiores danos, tendo em vista a periculosidade em concreto dos agentes aliada à gravidade em concreto do crime contra a vida supostamente cometido.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.