Ieprol – Matrículas Abertas – Desktop Mobile
Plansul – 31 anos – Desktop/Mobile
Itajuípe – Dengue Novo – Desktop/Mobile
Buerarema – Fevereiro Roxo e Laranja – Desktop/Mobile
AACRRI – Reconstrução PIX – Desktop/Mobile

UBAITABA: SECRETARIA DE SAÚDE REDUZ CASOS DE ESQUISTOSSOMOSE

A Secretaria de Saúde de Ubaitaba está comemorando o resultado das ações de prevenção e a redução do índice de casos de esquistossomose na cidade. A ação dos agentes de combate às endemias também conseguir reduzir doenças como a dengue e há 16 meses não há registro de um único caso. A esquistossomose é doença provocada por um tipo de verminose (Schistosoma Mansoni) popularmente conhecida como “schistosoma” ou “barriga d’água”. Para efeito comparativo, o bairro Novo Olímpia que possuía uma infestação de 16,9% da população caiu para 7,9%. Em números, isto significa que caiu de 52, no primeiro trimestre do ano passado, para 29 casos no mesmo período em 2018. A redução representa queda de quase 50%. Já no bairro Maria Olímpia de 78, em 2017, o número de casos caiu para 43, enquanto no Loteamento Rio das Contas no mesmo período do ano passado foram registrados 10 casos e esse ano 9. O trabalho dos agentes de combate às endemias da Secretaria Municipal de Saúde, coordenado por Bruna Guimarães, é visitar todos os moradores dos bairros. Nos domicílios coletam amostras de fezes para exames laboratoriais e, em caso positivo, os pacientes são encaminhados para tratamento adequado na rede de atenção básica. Além disso, em paralelo, os agentes conscientizam os moradores para que evitem o contágio com águas contaminadas, principal vetor de contágio da esquistossomose infecção também conhecida como “doença do caramujo”. A população está satisfeita com o trabalho desenvolvido pelos agentes da Secretaria Municipal de Saúde. No Bairro Novo Olímpia por exemplo, os moradores têm seguido à risca as orientações. “Apesar de termos reduzido o número de casos significativamente, ainda consideramos muito alto esses índices”, afirma o secretario de Saúde de Ubaitaba, José Carlos Lona. O secretário disse ainda que a orientação da prefeita Suka Carneiro é de intensificar ainda mais as ações de campo para reduzir o número de pessoas afetadas pelo parasita encontrado em águas contaminadas. “Vamos ter muito mais atenção, principalmente nos bairros que são mais próximos do rio”, afiança Lona. “A Prefeitura de Ubaitaba vai divulgar material educativo nos próximos dias para orientar a população a se prevenir”, finaliza o secretário de Saúde, José Carlos Lona.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.