Buerarema
Colégio Jorge amado
Plansul
uruçuca novo
Ieprol

PROGRAMA DIAS EM FOCO DA RÁDIO CACAU FM ENTREVISTA PREFEITO VINÍCIUS IBRANN, DE BUERAREMA

A rádio Cacau FM (Ibicaraí), através do programa Dias em Foco, do radialista Josevan Dias, recebeu na tarde de hoje, quinta-feira, 04 de março, o prefeito reeleito de Buerarema Vinícius Ibrann, para uma entrevista. Na oportunidade o prefeito estava acompanhado do secretário municipal de Governo e ex-vereador Geraldo Aragão, e do radialista Val Cabral.

Vinícius Ibrann é um jovem advogado de 34 anos, pai de dois filhos e filho do ex-prefeito Orlando Filho, é advogado e foi reeleito para administrar Buerarema com 74% dos votos válidos.

Por mais de uma hora Josevan Dias e Otaviano Neto comandaram a bancada do programa, que fez uma sabatina com prefeito. Na oportunidade o Vinícius falou de como encontrou a cidade de Buerarema em 2017, com muitas dificuldades, tendo que enxugar a máquina administrativa, colocando os funcionários para trabalhar nos dois períodos e tendo o cuidado de respeitar a Lei de Responsabilidade Fiscal e manter a prefeitura enxuta, pagando em dia.

O prefeito fez questão de dizer que não caminha com o Governo do Estado por falta de apoio, pois nos últimos quatro anos a cidade não recebeu nenhuma obra, mas continuou andando com muitas ações feitas com recursos próprios. “Sempre pagamos o salário em dia. No primeiro mandato foram feitos em torno de 25 km de esgotos; 50 quilômetros de calçamento por toda a cidade; conseguimos o SAMU, além de duas escolas em tempo integral e uma escola com a metodologia do Colégio Militar”, disse Vinícius.

Para Vinícius o crescimento das pequenas cidades brasileiras passa pela revisão do Pacto Federativo, onde o bolo é muito mal dividido, com 60% para União, 25% para os Estados e apenas 15% para os 5570 municípios brasileiros. Essa divisão precisa ser revista, pois quem mais contribui é quem menos ganha.

O prefeito falou ainda da responsabilidade em fazer parte da nova diretoria da AMURC e lembrou que essa região já teve 60% do PIB baiano. “Precisamos devolver a dignidade do nosso povo, com a chegada de indústria que possa gerar emprego para essa região”, enfatizou Vinícius.

Na oportunidade, o radialista Val Cabral pediu a palavra e reclamou da falta de apoio do Governo do Estado com a região sul da Bahia. Segundo Val, historicamente a região cacaueira nunca foi verdadeiramente beneficiada. “Somos vistos como “patinhos feios”, não somos Baianos, somos Sul Baianos. Se não nos rebelarmos nós continuaremos com o pires na mão”, disse Val.

O diretor da rádio Otaviano Neto pautou alguns assuntos relevantes e fez questão de perguntar qual o segredo do sucesso. Como fazer para gerir tão bem um município, como Vinícius faz em Buerarema?

Segundo Vinícius é necessário ter muito amor, proximidade com o povo, muita responsabilidade com tudo que é feito e ouvir a população. “Para mim a grande receita do sucesso é a proximidade com o povo. Eu visito diariamente as obras que estão em andamento na minha cidade. Cobro todas as secretarias. Cobro do pedreiro ao professor. Costumo ouvir muito a comunidade. A opinião do povo é muito importante. Faço pelo menos duas pesquisas por ano para saber o que a população precisa. Quero por último agradecer a todos, a Cacau FM, ao meu amigo Josevan Dias, que me fez esse convite, e a Otaviano Neto e equipe. Ibicaraí mora no meu coração”, finalizou Vinícius.

Leia mais...

BUERAREMA: MUNICÍPIO RECEBE MAIS 290 DOSES DE VACINA CONTRA A COVID-19; IDOSOS DE 83 ANOS COMEÇARAM A SER IMUNIZADOS NA QUARTA(03)

O município de Buerarema recebeu nesta semana mais 290 doses de vacina contra a Covid-19. Sendo 120 – CoronaVac destinada à aplicação das 2ª doses em idosos acima de 90 anos e 170 do imunizante desenvolvida pela Oxford que contemplará idosos de 83 anos.

A vacinação está sendo realizada em domicílio seguindo um roteiro, contemplando os usuários conforme unidade de saúde referência:

– Quarta -feira – USF Flora e Guiomar
– Quinta-feira – USF Ernandi Lins e Manoel e Messias (Km 03)
– Sexta-feira – USF Eurico Suzart e Beatriz Lima (Vila Operária)
– Sexta-feira – PSF Buerarema e Heraldo Rocha

Buerarema recebeu até o momento o total 912 doses de imunizantes contra o Coronavírus. E já foi iniciada a vacinação nos seguintes grupos que fazem parte da primeira fase da vacinação: Profissionais de Saúde, idosos que vivem abrigo de longa duração, idosos acima 83 anos.

Em alguns desses grupos já foram ou estão sendo administradas a segunda dose da vacina e outros estão recebendo a primeira dose. A indicação do grupo ou faixa etária que deve ser contemplada é determinada pelo Ministério da Saúde e informada mediante envio de novas lotes.

Leia mais...

ILHÉUS: ATIVIDADES NÃO ESSENCIAIS CONTINUAM SUSPENSAS POR MAIS 48 HORAS

Ilhéus continuará seguindo todas as medidas restritivas publicadas no decreto estadual nº 20.259, na noite deste domingo (28). As atividades e os serviços não essenciais continuam suspensos por mais 48 horas. O toque de recolher das 20h às 5h, com exceção de deslocamentos para serviços de saúde ou em que fique comprovada a urgência, foi prorrogado até a próxima segunda-feira (8). As medidas visam diminuir a taxa de transmissão da Covid-19 na Bahia.

Ficam autorizadas apenas as atividades relacionadas à saúde pública, alimentação e segurança. A venda de bebidas alcoólicas continua proibida, inclusive na modalidade delivery.

O que está proibido

– Circulação noturna de pessoas das 20h às 5h;

– Funcionamento de centros e galerias comerciais; comércio de rua; bares, restaurantes, pizzarias e similares;

– Eventos científicos, desportivos coletivos ou amadores, aulas de ginástica, assim como circos, cerimônias de casamento e afins, independentemente do horário e número de participantes;

O que pode funcionar

– Feiras livres, desde que em local aberto e respeitando o distanciamento entre as barracas;

– Mercados e padarias, até às 19h30;

– Atos religiosos litúrgicos, respeitados os protocolos sanitários, com capacidade máxima de lotação de 30%;

– Serviços de alimentação por delivery, até meia-noite;

– Serviços de limpeza pública e manutenção urbana;

– Delivery de farmácia;

– Atividades profissionais de transporte privado de passageiros; além dos terminais rodoviário e aéreo; bem como o deslocamento dos profissionais que atuam nestas atividades fins.

A Guarda Civil Municipal (GCM), os órgãos de fiscalização e a Polícia Militar farão o monitoramento na cidade. Quem descumprir o decreto será autuado por crime contra a saúde e ordem pública. A pessoa será conduzida à delegacia, onde será registrado o procedimento e encaminhado ao Ministério Público para abertura de processo criminal. Estabelecimentos que descumprirem as normas terão o alvará de funcionamento cassado.

Clique aqui e confira o decreto estadual Nº 20.259

Leia mais...

ITAJUÍPE: PREFEITURA PRORROGA MEDIDAS RESTRITIVAS POR MAIS 48 HORAS

A prefeitura de Itajuípe prorroga, por mais 48 horas, a suspensão das atividades não essenciais, atendendo à determinação do Governo do Estado através do Decreto nº 20.259/2021, de 28 de fevereiro. A medida visa conter a contaminação pelo coronavírus no estado, que já se encontra com a rede pública de saúde operando a mais de 90% de sua capacidade.

Mesmo após o fechamento das atividades essenciais do dia 26/02 (sexta-feira) até esta segunda-feira (01/03), o estado apresentou o maior número de leitos de UTI’s ocupados em diversas regiões de saúde do estado, preocupando as autoridades sanitárias de que um colapso iminente ocorra. Entre as medidas restritivas de suspensão das atividades essenciais, ainda permanece o toque de recolher, das 20 horas às 05h, até o dia 08 de março.

Para o Prefeito Marcone Amaral, “Solicitamos o entendimento de todos neste momento difícil, em que nosso sistema de saúde não está comportando o número de pessoas contaminadas pela Covid-19”, declarou.

Leia mais...

BUERAREMA: LIVE SHOW LEMBRA O DIA INTERNACIONAL CONTRA A DISCRIMINAÇÃO RACIAL

21 de Março, um domingo nada qualquer neste ano de 2021 em Buerarema. Dia Internacional Contra a Discriminação Racial, instituído em 1966 pela Organização das Nações Unidas, em memória ao “Massacre de Shaperville”, quando 69 manifestantes negros foram mortos e centenas foram feridos, na África do Sul, quando uma lei obrigava negros e negras a andarem com identificações que limitavam seu trânsito na cidade de Joanesburgo, é também o dia escolhido para a realização da Live Show Negritudes

Além de lembrar o triste episódio, a Live Show “busca fortalecer e ampliar essa rede de resistência e luta pelos direitos de homens e mulheres de ascendência africana buscando também estimular o reconhecimento e sentimento de pertença da comunidade enquanto população negra”, diz a historiadora Rita Maria de Souza, consultora de assuntos étnico-raciais do projeto.

Serão apresentados 3 shows musicais em sequência, a serem realizados em Buerarema, cidade do Território Litoral Sul da Bahia, e transmitidos com acesso gratuito, pelo Youtube da Casa de Cultura Jonas & Pilar. Todos os artistas têm forte ligação com a cidade e com a temática proposta. Nascidos ou vivendo há décadas na cidade, todos percebem que, apesar da veia artística expressiva e aparente aura de felicidade, Buerarema tem se tornado um ambiente bastante conservador e hostil ao diferente, às comunidades tradicionais e aos cultos religiosos de origem Africana. Com expressivo número de habitantes negros, a comunidade não se reconhece como tal. A cultura da negação e do embraquecimento imperam. Unidos a este propósito, apresentar-se-ão:

Moses Ferreira:

Gênero fluído, nascide no Litoral Sul da Bahia, Moses geralmente compõe utilizando o eu-lírico feminino. Apaixonade pela arte da música, da dança e da poesia, são essas as ferramentas que utiliza na luta por seus direitos, abordando temas como preconceito racial, machismo, intolerância e casos de amor. Seu repertório mescla músicas autorais e covers de grandes artistas da cena LGBTQI+, na atualidade.

Pablo Guilherme:

Gênero fluído, de São José da Vitória, cantor, abiã da Casa de Logunedé em Buerarema. Revelação do projeto “Maio da Música” (2019), coprodução do Instituto Macuco Jequitibá e Coletivo Casa Flor, traz em seu repertório canções dos gêneros Samba e Samba de Roda, com temática religiosa de matriz africana e afro-brasileira.

 (In)Versões:

três cantoras de ascendência negra, com fenótipos bastante distintos, Ligia Callaz, Claudia Ferreira e Tainá Meoli, fazem a releitura deste projeto que foi idealizado e realizado pelas três em 2016, na Casa Flor.

Nele apresentam canções populares mundialmente conhecidas em inglês/espanhol e suas versões para o português e vice-versa. Neste show, trarão um repertório essencialmente produzido por artistas afrodescendentes.

O projeto tem apoio financeiro do Estado da Bahia através da Secretaria de Cultura e da Fundação Cultural do Estado da Bahia (Programa Aldir Blanc Bahia) via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial da Cultural do Ministério do Turismo, Governo Federal.

 

Live Show Negritudes

Data: 21 de março de 2021

Horário: 17h

Quanto: Gratuito

Onde: Youtube Casa de Cultura Jonas & Pilar

Para maiores informações sobre o projeto:
E-mail: mardeengenhos@gmail.com

Redes Sociais:

Facebook: https://www.facebook.com/casadeculturajonasepilar1

Instagram: https://www.instagram.com/casadeculturajonasepilar/

Youtube: Casa de Cultura Jonas & Pilar

Leia mais...

BUERAREMA: VEREADORES PARTICIPAM DE CAPACITAÇÃO SOBRE O PROCESSO LEGISLATIVO

A Câmara de Vereadores de Buerarema realizou na última quinta-feira (25), uma Capacitação Jurídica destinada aos vereadores eleitos para o mandato de 2021-2024, em especial aos que exercem pela primeira vez o cargo. O objetivo foi de orientar e auxiliar os edis para que possam exercer efetivamente seus mandatos, tendo melhor entendimento de suas atribuições.

Na capacitação, ministrada pelo assessor jurídico, o advogado Luiz Fernando Guarnieri, foi feito um panorama geral das atribuições do vereador, no que consiste o processo legislativo. “É importante que os edis tenham ciência e obedeçam aos limites constitucionais e a Lei Orgânica Municipal, tendo como norte a atuação interna do Regime da Casa”, afirmou Guarnieri.

Na oportunidade, Guarnieri parabenizou ao presidente da Câmara, o vereador Roque Borges pela iniciativa, destacando, a relevância da ação. “Cientes de suas atribuições e entendendo como funciona todo o trâmite legislativo, é possível realizar um trabalho mais dinâmico e eficaz”, finalizou.

De acordo com Roque Borges, a motivação para promoção do curso foi o grande número de novos vereadores eleitos, porém a ação tem uma enorme relevância para todos, inclusive, os reeleitos, pois tem a finalidade de levar conhecimento e esclarecer dúvidas, para evitar que velhos erros continuem sendo cometidos.

 

 

Leia mais...

PODCAST: TRÂNSITO NA AVENIDA CINQUENTENÁRIO É IRRITANTE

O iPolítica Bahia lançou mais um podcast nesta sexta-feira (25). O Dedo na Ferida,  comentado pelo jornalista Ricky Mascarenhas. Nesta primeira edição, o Jornalista e Comentarista Político fala sobre a rotina do trânsito na Avenida do Cinquentenário em Itabuna e os transtornos causados por motoristas, motociclistas e ciclistas  mal educados e a necessidade de uma maior fiscalização por parte dos órgãos competentes.

Confira acima.

Leia mais...

IPOLÍTICA ESTREIA SEU PRIMEIRO PODCAST

Confira o primeiro podcast produzido pelo iPolitica Bahia. O Podcafé será o resumo semanal do Café Ipolítica, programa que vai ao ar todos os sábados a partir das 10h no Canal iPolitica Bahia no YouTube.

No último programa, dia 20 de Fevereiro, Andreyver Lima e Rosivaldo Pinheiro receberam a Coordenadora da defesa civil de Itabuna, Anne Reis, o agrônomo Lanns Almeida, o vereador Danilo da nova Itabuna e a secretária de Segurança e ordem pública, Mariana Alcântara.

Confira acima o podcafé.

Leia mais...

SECRETÁRIO FÁBIO VILAS-BOAS FOI TRANSFERIDO PARA UTI

O secretário da Saúde do Estado da Bahia, Fábio Vilas Boas, segue internado no Hospital Aliança, em Salvador, desde a última sexta-feira (19) em virtude da Covid-19. Nesta segunda-feira, 23, à noite, teve uma piora do quadro clínico, sendo necessária a transferência para uma Unidade de Terapia Intensiva – UTI.

Atualizada às 9h16

De acordo com Boletim da Sesab, ele evoluiu bem durante a noite e retornará ao leito clínico ainda nesta terça-feira. Ele é assistido pelo pneumologista Sérgio Jezler e pelo infectologista Roberto Badaró. Permanece em uso de medicamentos e segue dependente de oxigênio por cateter nasal. Ainda não há previsão de alta.

Leia mais...

BUERAREMA: ENFERMEIROS DA REDE MUNICIPAL DE SAÚDE PARTICIPAM DE CAPACITAÇÃO COM TREINAMENTO PRÁTICO NA PCR

A Secretaria de Saúde de Buerarema, através do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência e Emergência- SAMU realizou na última sexta-feira (19), uma Capacitação com Treinamento Prático na PCR , voltada para os enfermeiros lotados na rede municipal saúde. A ação ocorreu na Câmara de Vereadores e foi ministrada pelo Instrutor em APH Markus Farias e pela enfermeira e coordenadora da Base Descentralizada do SAMU de Buerarema, Tatiane Lavinscky.

No treinamento, inicialmente ofertados aos enfermeiros, que será estendido para os técnicos de enfermagem e motoristas, foram abordados os seguintes temas: conhecer material e dispositivos, reconhecer parada cardiorrespiratória – PCR, iniciar protocolo de reanimação, uso do desfibrilador externo automático – DEA, realização o ciclo RCP e tratamento em equipe.

Tatiane explica que é de extrema importância atualização dos novos “PROTOCOLOS” PCR / RCP no atendimento primário e que requer uma equipe altamente qualificada e preparada para uma perfeita atuação na resposta aos pacientes nas condições de Parada Cardiorrespiratória, no tempo mínimo estabelecido pelas portarias de Urgência e Emergência.

“A Educação Continuada em Urgência e Emergência tem a finalidade de preparar os profissionais da rede de Saúde da Atenção Básica para atender aos pacientes de uma forma técnica e eficaz, reestabelecendo todos os recursos pertinentes para a assistência de alta complexidade”, afirmou Tatiane.

 

 

Leia mais...

GOVERNO DO ESTADO PRORROGA DECRETO QUE PROÍBE SHOWS E AULAS NA BAHIA

Os shows e as aulas nas unidades de ensino das redes pública e privada continuam suspensos em toda a Bahia. O Governo do Estado decidiu prorrogar até 28 de fevereiro o decreto nº 19.586, que venceria neste domingo (21). A prorrogação será publicada no Diário Oficial do Estado (DOE) deste sábado (20).

O decreto ainda proíbe a realização de atividades com público superior a 200 pessoas, como passeatas, feiras, circos, eventos científicos, desportivos e religiosos. Shows e festas, públicas ou privadas, seguem proibidos independentemente do número de participantes.

Cerimônias de casamento e solenidades de formatura podem ser realizadas desde que limitadas a até 200 pessoas. A parte festiva desses eventos não está permitida.

Toque de recolher

Nesta sexta-feira (19) entrou em vigor o decreto nº 20.233, que determina a restrição na circulação de pessoas nas ruas e no funcionamento de serviços não essenciais, em 343 cidades baianas. A medida, que visa reduzir a taxa de crescimento da Covid-19 no estado, compreende o período das 22h às 5h e vale até o dia 25 de fevereiro.

Os estabelecimentos de serviços não essenciais devem encerrar as atividades até as 21h30. Em Salvador, os transportes públicos funcionam até as 22h30.

Leia mais...

ITABUNA: BALANÇO APONTA QUE OPERAÇÃO MORFEU RECEBEU MAIS DE 500 DENÚNCIAS

Um total de 500 denúncias relacionadas à poluição sonora. Este foi o balanço da Operação Morfeu, realizada no período de 12 a 16 de fevereiro, no que seria o feriado de Carnaval, adiado em razão da pandemia do novo coronavírus no país.

Esta ação foi coordenada pela Secretaria Municipal de Segurança e Ordem Pública, com a participação das Polícias Civil e Militar, Ministério Público, Guarda Civil Municipal, além das secretarias de Saúde; Indústria, Comércio, Emprego e Renda; fiscais da Vigilância Sanitária e da Secretaria de Transportes e Trânsito.

A finalidade da operação foi combater abusos relativos à poluição sonora e aglomerações. Foram percorridos vários bairros e o centro da cidade, com o registro de muitas ocorrências de acordo com a secretária de Segurança e Ordem Pública, Mariana Alcântara. Ela explica que esta foi a resposta mais imediata dada à população, de modo a assegurar o sossego e a tranquilidade.

“Recebemos 500 denúncias. Este foi um número absurdo. A Prefeitura não tem estrutura para atender tamanha demanda, daí a união de esforços com outras instituições da segurança pública. O volume de queixas demonstra a necessidade de a população se conscientizar e evitar festas, aglomerações e ações que propagem o novo coronovírus”, avalia a secretária.

Durante a Operação Morfeu ocorreram apreensões de veículos com som abusivo, bares foram fechados, além de drogas apreendidas. As pessoas envolvidas foram conduzidas para a delegacia.
“Convido a população a fazer parte deste movimento e que denuncie qualquer aglomeração ou de som abusivo. Ligue para 153”, finalizou a secretária Mariana Alcântara.

Leia mais...

BUERAREMA: TOQUE DE RECOLHER COMEÇA A VALER A PARTIR DESTA SEXTA-FEIRA

 

Como forma de tentar frear o avanço do Coronavírus  na Bahia, a partir desta sexta-feira (19), inicia o toque de recolher em Buerarema e outros 342 municípios baianos. A medida foi estabelecida pelo Governo do Estado e, valerá até a próxima quinta-feira (25), das 22h às 5h.

 

O decreto determina que estabelecimentos comerciais e de serviços deverão encerrar as atividades até as 21h30.  Também ficam vedados, entre as 22h e às 5h o funcionamento de lojas de conveniência, restaurantes, bares e outros estabelecimentos que comercializem bebidas alcoólicas, até mesmo na modalidade delivery.

 

 

 

Leia mais...

DÚVIDAS SOBRE A RETOMADA DO AUXÍLIO EMERGENCIAL ASSOMBRAM OS BRASILEIROS

A insistência de Paulo Guedes, ministro da Economia, em reduzir o auxílio emergencial e mantê-lo apenas para metade dos beneficiários da primeira fase do programa, somada à volatilidade da pauta do Congresso, está prejudicando o lado mais fraco dessa batalha: quem realmente precisa do benefício para sobreviver.

Como se não bastassem essas incertezas, ainda há o caso da prisão do deputado federal Daniel Silveira (PSL), que pode atrasar ainda mais a tramitação de projetos da pauta econômica na Câmara dos Deputados, já que precisa ser discutido e sua prisão confirmada em votação no plenário.

Enquanto o governo não apresenta uma proposta para ser discutida, beneficiários como Alexandre, 27 anos, de São Paulo, amargam a falta que esse dinheiro faz. Trabalhador informal, ele recebeu três parcelas e agora está desempregado. Já Beatriz, 38 anos, de São Paulo, mãe-solo com dois filhos, ainda não conseguiu receber os valores a que tinha direito. Sem emprego, sem renda e sem esperança, não tem com quem deixar os filhos para procurar os bicos que fazia antes da pandemia.

Fernanda e o marido, que faz tratamento para coluna e tem pedra nos rins, enfrentam a dura realidade imposta pela falta do auxílio emergencial. Os dois vivem em São Paulo, estão desempregados e enfrentam o preconceito da idade, pois ela tem 50 anos e tem 60, o que dificulta ainda mais a conquista de um novo emprego.

Os casos da gaúcha Tatiana e da baiana Letícia não são menos impactantes. Tatiana trabalhava como autônoma na área de vendas antes da pandemia. Como sua filha não conseguiu receber o auxílio, ela usou o seu benefício para se sustentar e prover a filha e o neto. Letícia, mãe de dois filhos, está desempregada desde março do ano passado, pois teve o contrato de trabalho cancelado quando a pandemia chegou. Ela não tem perspectiva de ser contratada.

É por essas pessoas e milhões de outros brasileiros que estão à beira da pobreza extrema que 270 organizações, movimentos e instituições da sociedade civil se reuniram na campanha “auxilioemergencialateofimdapandemia“. Repetindo o que ocorreu no ano passado, quando essas organizações se uniram para pedir a implementação do auxílio, agora elas reivindicam sua volta no formato original: R$ 600 por mês e R$ 1200 para mães-solo até o fim da pandemia.

Os números falam por si só: 53% dos que receberam o auxílio usaram para compra de alimentos; 25% para pagamento de contas de água e luz; 16% para pagamento de despesas de casa e 1% para compra de medicamentos. “Não é possível que o governo continue com essa indefinição enquanto as pessoas estão sem comida e sem vacina. Com relação à pandemia, enfrentamos uma onda talvez até pior do que a primeira e não vemos medidas efetivas serem tomadas para socorrer a população”, desabafa Paola Carvalho, diretora de relações institucionais da Rede Brasileira de Renda Básica e uma das porta-vozes da campanha ‘auxilioateofimdapandemia‘.

A campanha mantém uma petição on-line para a volta imediata do auxílio emergencial (https://www.auxilioateofimdapandemia.org/) e fornece informações pelo whatsapp: (21) 99075-0896. A petição já conta com mais de 67 mil adesões.

Leia mais...