Cerveja Je assunção
uruçuca novo
Buerarema
Colégio Jorge amado
Plansul
Ieprol
Navegando pela Categoria

Destaque

MANTIDA PRISÃO DE DESEMBARGADORA DO TJ-BA POR SUPOSTO ENVOLVIMENTO EM ESQUEMA DE VENDA DE DECISÕES JUDICIAIS

Por maioria de votos, a Segunda Turma do Supremo Tribunal Federal (STF) negou pedido de liberdade à desembargadora Maria do Socorro Barreto Santiago, ex-presidente do TJ-BA (Tribunal de Justiça do Estado da Bahia), presa no curso da Operação Faroeste, que apura envolvimento de autoridades da cúpula do Poder Judiciário baiano em esquema de venda de decisões judiciais e grilagem de terras. A decisão se deu no julgamento do Habeas Corpus (HC) 186621, na sessão desta terça-feira (6).

A Operação Faroeste investiga a suposta prática de crimes de corrupção passiva, lavagem de dinheiro e organização criminosa formada, em tese, por magistrados, servidores, advogados e particulares, com atuação no TJ-BA e voltada para negociação de decisões judiciais e administrativas, grilagem de terras e obtenção e lavagem de quantias pagas por produtores rurais em questões envolvendo a posse de terras no oeste do estado. O Superior Tribunal de Justiça (STJ), em maio de 2020, recebeu denúncia oferecida pelo Ministério Público Federal (MPF) contra 15 investigados, dentre eles, a ex-presidente do TJ-BA.

Garantia da ordem pública

O relator do HC, ministro Edson Fachin, assentou a inexistência de constrangimento ilegal na prisão da desembargadora, fundamentada na necessidade de se resguardar a garantia da ordem pública e a preservação da instrução criminal. De acordo com os fatos apurados, a denunciada exercia papel de destaque na organização criminosa, o que evidencia o risco de reiteração delituosa delitiva. Além disso, ela foi flagrada descumprindo ordem judicial do STJ de não manter comunicação com funcionários do TJ-BA, ordenando a servidora de seu gabinete a destruição de provas.

A despeito da complexidade do caso, para Fachin não se justifica também a alegação de excesso de prazo da prisão provisória, pois o processo tramita com “notável celeridade”. O ministro destacou que a operação foi deflagrada em novembro de 2019, a denúncia foi oferecida menos de um mês depois e recebida em maio de 2020.

Também não prospera, na avaliação do ministro, o pedido de concessão de prisão domiciliar em razão da pandemia de Covid-19, uma vez que a desembargadora está recolhida em sala de Estado Maior, com a presença de equipe de saúde no complexo prisional.

A ministra Cármen Lúcia e o ministro Nunes Marques votaram no mesmo sentido.

Medidas cautelares

Ficaram vencidos os ministros Ricardo Lewandowski e Gilmar Mendes, que votaram pela revogação da prisão preventiva. Segundo os ministros, embora os indícios de autoria dos crimes imputados à investigada estejam evidenciados nos autos, as circunstâncias fáticas recomendam a aplicação de medidas cautelares diversas da prisão, em razão da idade da desembargadora e da ausência de elementos concretos que indiquem risco à ordem pública ou à colheita de provas.

Leia mais...

PANDEMIA PODE PERMANECER EM NÍVEIS CRÍTICOS EM ABRIL, ALERTA FIOCRUZ

O mais novo Boletim Extraordinário do Observatório Covid-19 Fiocruz alerta que a pandemia pode permanecer em níveis críticos ao longo do mês de abril, prolongando a crise sanitária e colapso nos serviços e sistemas de saúde nos estados e capitais brasileiras. A análise mostra que o vírus Sars-CoV-2 e suas variantes permanecem em circulação intensa em todo o país. Além disso, a sobrecarga dos hospitais, observada pela ocupação de leitos de UTI, também se mantêm alta. O boletim é produzido pelo Observatório Covid-19: Informação para ação da Fiocruz.

“Ao longo da última Semana Epidemiológica 13, houve uma aceleração da transmissão de Covid-19 no Brasil. Devido ao acúmulo de casos, diversos deles graves, advindos da exposição ao vírus ainda no mês de março, o vírus permanece em circulação intensa em todo o país”, explicam os pesquisadores. Segundo os dados, foi observado ainda um novo aumento da taxa de letalidade, de 3,3 para 4,2%. Este indicador se encontrava em torno de 2,0% no final de 2020. Os pesquisadores do Boletim alertam que esse crescimento pode ser consequência da falta de capacidade de se diagnosticar, correta e oportunamente, os casos graves, somado à sobrecarga dos hospitais.

Com base neste cenário e a partir da premissa de que o “essencial é proteger à saúde e salvar vidas”, os pesquisadores do Observatório Covid-19 Fiocruz, responsáveis pelo estudo, defendem que é fundamental neste momento a adoção ou a continuidade de medidas urgentes, que envolvem a contenção das taxas de transmissão e crescimento de casos através de medidas bloqueio ou lockdown, seguidas das de mitigação, com o objetivo reduzir a velocidade da propagação. Tendo como referência a Carta dos Secretários Estaduais de Saúde à Nação Brasileira, publicada pelo Conselho Nacional de Secretários de Saúde (Conass) em 1 de março de 2021, a análise aponta para a necessidade de maior rigor nas medidas de restrição das atividades não essenciais para todos estados, capitais e regiões de saúde que tenham uma taxa ocupação de leitos acima de 85% e tendência de elevação no número de casos e óbitos.

Para que se alcance os resultados esperados, o estudo destaca que essas medidas de bloqueio precisam ter pelo menos 14 dias de duração e, em algumas situações, mais tempo, dependendo da amplitude do rigor da aplicação. Na visão dos pesquisadores, é fundamental a adoção de medidas combinadas e complexas, assim como a coerência e a convergência dos poderes do Estado (Executivo, Legislativo e Judiciário), bem como dos diferentes níveis de governo (municipais, estaduais e federal), em favor destas medidas de bloqueio.

“Coerência e convergência são fundamentais neste momento de crise para que as medidas de bloqueio sejam efetivamente adotadas de forma a sair do estado de colapso de saúde e progredir para uma etapa de medidas de mitigação da pandemia, diminuindo o número de mortes, casos e taxas de transmissão e efetivamente salvando vidas”, afirmam.

Dentre as medidas de bloqueio propostas, estão a proibição de eventos presenciais, como shows, congressos, atividades religiosas, esportivas e correlatas em todo território nacional; a suspensão das atividades presenciais de todos os níveis da educação do país; o toque de recolher nacional a partir das 20h até as 6h da manhã e durante os finais de semana; o fechamento das praias e bares; a adoção de trabalho remoto sempre que possível, tanto no setor público quanto no privado; a instituição de barreiras sanitárias nacionais e internacionais, considerados o fechamento dos aeroportos e do transporte interestadual; a adoção de medidas para redução da superlotação nos transportes coletivos urbanos; a ampliação da testagem e acompanhamento dos testados, com isolamento dos casos suspeitos e monitoramento dos contatos.

Os resultados da investigação apontam ainda que é fundamental insistir nos esforços para o fortalecimento da rede de serviços de saúde, incluindo os diferentes níveis de atenção e de vigilância, com ampla testagem, compra e ampliação da produção de vacinas, e aceleração da vacinação. “É imprescindível ainda garantir condições para que a população possa se manter em casa protegida, limitando a circulação de pessoas nas cidades apenas para a execução de atividades verdadeiramente essenciais”, orientam os pesquisadores.

Leitos de UTI para Covid-19

Entre os dias 29 de março e 5 de abril de 2021, as taxas de ocupação de leitos de UTI Covid-19 para adultos no Sistema Único de Saúde (SUS) apresentaram reduções em Roraima (de 62% para 49%), Amapá (de 100% para 91%), Maranhão (de 88% para 80%), Paraíba (de 84% para 77%) e Rio Grande do Sul (de 95% para 90%).

Na direção oposta, destaca-se piora em Sergipe, com a taxa subindo de 86% para 95%. Exceto por essas mudanças, os dados obtidos em 5 de abril de 2021 ainda indicam relativa estabilidade do indicador, em níveis muito críticos, na maior parte dos estados e no Distrito Federal.

Leia mais...

ITABUNÃO VAI SER PALCO DO BAIANÃO DA SERIE B, DECLARA ENDERSON GUINHO

O vice-prefeito e secretário de esportes do município de Itabuna, Enderson Guinho (Cidadania), disse que o estádio municipal Luís Viana Filho, o Itabunão, voltará a ser palco da competição da Série B do Baianão ainda neste ano. Com a inscrição do Grapiúna, validada pela Federação Baiana de Futebol (FBF), o clube está credenciado a disputar na competição.

Guinho, que foi entrevistado no programa Oito em Ponto do Ipolítica Bahia, que é apresentado por Gabriel Guedes, falou também sobre as ações que a Secretaria de Esportes tem desenvolvido nesses meses iniciais. Ele fez um balanço das ações e apresentou, de forma resumida, o cronograma das atividades que a pasta pretende desenvolver no município.

O cadastramento das categorias de esporte, incentivo e apoio por parte do poder público também foram pautas do programa. Enderson Guinho falou também sobre uma modalidade esportiva que, para muitos, ainda não é reconhecida e vista como “vandalismo”, segundo ele. O ‘grau de rua’, ou Wheelie, vem sendo pensado e debatido junto a equipe técnica da secretaria, para proporcionar condições e espaços adequados para a pratica esportiva.

Já nesta quarta-feira, 7, o entrevistado será o prefeito de Coaraci, Jadson Albano (PP), que vai falar sobre vacinação, geração de renda e abrir as portas do município no Oito em Ponto. Se você não assistiu a entrevista com o secretário e vice-prefeito Enderson Guinho, veja logo abaixo na íntegra:

Leia mais...

MAIS DE 330 MIL PESSOAS RECEBERAM A SEGUNDA DOSE DA VACINA CONTRA COVID-19 NA BAHIA

Os dados divulgados no painel de acompanhamento vacinal, disponibilizado pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia – Sesab, apontou que 330.924 pessoas já receberam a segunda dose da vacina contra a Covid-19. Ao todo, a Sesab disponibilizou 600.220 doses para serem aplicadas nesta fase.

A capital baiana já reforçou 84.942 pessoas com a segunda dose, atingindo um percentual de aplicação de 91,2%. Os municípios de Feira de Santana, Ilhéus, Vitória da Conquista e Itabuna vem logo atrás no ‘ranking’ da vacinação.

Itabuna, por exemplo, já aplicou 4.657 doses referente a segunda vacinação, atingindo um percentual de 58,4%. O município conta nesta fase com 7.977 doses. Em Ilhéus, 7.121 pessoas já receberam a segunda dose da vacina, onde foram recebidas 8.721 doses pelo governo do estado.

Primeira dose

O painel informa também que 1.735.679 pessoas foram vacinadas com a primeira dose do imunizante, chegando a um percentual de 89,9% das doses já recebidas pelo Governo Federal. Salvador, mais uma vez, lidera o ranking, com 384.261 doses aplicadas nesta fase.

Itabuna já vacinou, segundo o painel da Sesab, 25.396 pessoas com a primeira dose do imunizante. Os dados foram obtidos nesta terça-feira (6) através do link https://bi.saude.ba.gov.br/vacinacao/

Leia mais...

MUNICÍPIO CONSIDERADO EXEMPLO POR BOLSONARO, CHAPECÓ TEM UTIS LOTADAS E MAIS MAIS ÓBITOS DO QUE A MÉDIA NACIONAL

Chapecó, em Santa Catarina, foi apontada pelo presidente Jair Bolsonaro como exemplo no combate à covid-19, no entanto, segundo dados do Ministério da Saúde, o município tem 100% das UTIs lotadas no SUS e rede privada.

O município acumula ainda mais mortes por 100 mil habitantes do que o País e Santa Catarina. A cidade enfrentou colapso de saúde em fevereiro, precisou transferir pacientes, adotar restrições de circulação e ampliar o número de leitos. Chapecó tem 537 mortos pela pandemia, sendo que mais de 410 foram registrados neste ano.

De acordo com o Estadão, Bolsonaro disse nesta segunda-feira, 5, que visitará a cidade que fez um “trabalho excepcional” contra a pandemia e deu “liberdade” a médicos para prescreverem o “tratamento precoce”, ou seja, medicamentos sem eficácia para a covid-19, como a hidroxicloroquina. Mais cedo, o presidente compartilhou vídeo em que o prefeito da cidade, João Rodrigues (PSD), celebra a queda de internações e a desativação de uma unidade de terapia semi-intensiva.

Ainda de acordo com o Estadão, apesar do entusiasmo do presidente, Chapecó apresenta taxa de 243 mortos para cada 100 mil habitantes, superior à média nacional (157,7 vítimas) e de Santa Catarina (158). Há ainda 193 pessoas internadas na cidade, número superior ao de 20 de fevereiro (183 internados), quando a cidade estava em colapso. O prefeito João Rodrigues disse ao Estadão que a doença está controlada na cidade. Ele atribui a queda de casos à testagem e tratamento rápido. “Está 100% controlada. O que tem são as UTIs lotadas”, afirma Rodrigues, que alega que a ocupação de leitos na região segue altíssima por causa de pacientes de fora da cidade.

Leia mais...

ITABUNA: PUBLICADO NOVO DECRETO SOBRE O FUNCIONAMENTO DO COMÉRCIO E TOQUE DE RECOLHER

A Prefeitura de Itabuna publicou nesta tarde um novo decreto – nº 14.358 – estabelecendo que o trânsito em vias, equipamentos, locais e praças públicas, das 21 às 5 horas até o dia 12 , no Município de Itabuna, com base no Decreto Estadual n° 20.358 de 1º de abril de 2021.

Fica vedada, em todo o território do Município, a comercialização de bebida alcoólica em quaisquer estabelecimentos, inclusive por sistema de entrega em domicílio (delivery), das 21 h do dia 9 de abril até às 5h de 12 de abril de 2021 (final de semana). Fica permitido o delivery de alimentos, até meia-noite

Os estabelecimentos comerciais e de serviços deverão encerrar as suas atividades até às 21h, de modo a garantir o deslocamento dos seus funcionários e colaboradores às suas residências. O transporte coletivo municipal funcionará até às 21 horas. O decreto entra em vigor nesta terça-feira,dia 6.

A prática de quaisquer atividades esportivas coletivas amadoras fica proibida, sendo permitidas as práticas individuais, desde que não gerem aglomerações. Também se proibe a realização ou execução de atividades desportivas, aulas de dança e ginástica ou demais atividades físicas que promovam contato.

As academias, centros de treinamento, estúdios e demais estabelecimentos voltados para a realização de atividades físicas, poderão funcionar, respeitando todos os protocolos sanitários estabelecidos, especialmente o distanciamento social adequado, o uso de máscaras, a manutenção da circulação de ar natural dos ambientes, bem como a capacidade máxima de lotação de 50% .

Ficam suspensos eventos e atividades, independentemente do número de participantes, ainda que previamente autorizados, que envolvam aglomeração de pessoas, tais como: cerimônias de casamento, eventos recreativos em logradouros públicos ou privados, circos, parques, cinema, eventos científicos, passeatas e afins.

Excepcionalmente, fica autorizada a realização de atos solenes de formatura, especificamente, cultos ecumênicos e outorga de grau acadêmico, desde que atendidos todos os critérios estipulados no protocolo de prevenção e segurança em anexo a este decreto, em especial: I – distanciamento social adequado; II – utilização obrigatória de máscaras e álcool em gel; III – aferição de temperatura na entrada do local; IV – limitação da ocupação ao máximo de 30% (trinta por cento) da capacidade do local; V – duração máxima de 4(quatro) horas; VI – só poderão ser realizados de segunda à sexta-feira; VII – instalações físicas amplas, que permitam circulação de ar natural em todo o ambiente.

Os responsáveis pelos atos solenes, discriminados no parágrafo anterior, deverão encaminhar ofício para a Secretaria de Indústria, Comércio, Emprego e Renda (SICER), informando a realização do ato solene, com antecedência, no mínimo, de 5 (cinco) dias.

Os atos religiosos litúrgicos poderão ocorrer até às 21h, atendendo os respectivos critérios: respeito aos protocolos sanitários estabelecidos, especialmente o distanciamento social adequado e o uso de máscaras; instalações físicas amplas, que permitam circulação de ar natural em todo o ambiente; limitação da ocupação ao máximo de 50% da capacidade do local.

PRINCIPAIS MEDIDAS

Restrição da circulação de pessoas (Toque de recolher), das 21h às 5h; Fechamento dos estabelecimentos comerciais e de serviços, incluindo bares e restaurantes, às 20h30; Vedada a comercialização de bebidas alcoólicas das 21h do dia 9/4 às 5h do dia 12/4 (final de semana); Permissão para funcionamento de academias e realização de atos religiosos litúrgicos, respeitando a capacidade de 50% de ocupação;

Permissão para a realização de atos solenes de formaturas (culto ecumênico e colação de grau), com 30% da capacidade do local, respeitando todos os termos do protocolo de prevenção; – A Secretaria de Indústria, Comércio, Emprego e Renda, deverá ser informada sobre o ato solene com, no mínimo, 5 dias de antecedência, para a devida fiscalização; Transporte coletivo até às 21h. Demais medidas seguem o decreto anterior.

Leia mais...

GOVERNO DA BAHIA VOLTA A DECLARAR ESTADO DE CALAMIDADE

O Governo do Estado da Bahia publicará na edição do Diário Oficial do Estado desta terça-feira (6) um novo decreto declarando estado de calamidade pública em todo o território em virtude da pandemia da Covid-19.

Este é o terceiro decreto do tipo publicado pelo governo baiano para fins de prevenção e enfrentamento ao novo coronavírus. A medida autoriza a mobilização de todos os órgãos estaduais, no âmbito das suas competências.

A publicação do decreto segue normativa do Ministério do Desenvolvimento Regional e viabiliza a liberação de recursos por parte do Governo Federal para que sejam aplicados nas medidas de prevenção, controle, contenção de riscos, danos e agravos à saúde pública, a fim de evitar a disseminação da doença.

Leia mais...

“A EMOÇÃO É TAMANHO G”, DIZ FÁBIO VILAS-BOAS AO SER VACINADO CONTRA A COVID-19

O secretário de Saúde do estado da Bahia, Fábio Vilas-Boas, recebeu nesta segunda-feira (5) a primeira dose da vacina contra a Covid-19. A informação foi divulgada com bastante alegria pelo secretário, em suas redes sociais.

Ele que também é médico, completou 54 anos no mês passado e recebeu a primeira dose em um posto de drive-thru na capital baiana. Fábio chegou a contrair o vírus e precisou ser até intubado na UTI de um hospital particular de Salvador.

Em suas redes sociais, Fábio comemorou a dose e chamou de ‘dia da esperança’. “Dia da esperança por aqui! Hoje me junto aos mais de 1,7 milhão de baianos que já tomaram a primeira dose da vacina contra a Covid-19. A emoção é tamanho G”, publicou o secretário.

Leia mais...

“GOVERNO DO ESTADO VIROU AS COSTAS PARA URUÇUCA”, DECLARA MOACYR LEITE JÚNIOR NA ESTREIA DO OITO EM PONTO

O prefeito Moacyr Leite Júnior (DEM), do município de Uruçuca, foi o primeiro entrevistado do mais novo programa do Ipolítica Bahia, o Oito em Ponto, apresentado por Gabriel Guedes.

Conhecido por suas falas polêmicas e sinceras, Moacyr abriu o jogo e as portas do município no programa. O prefeito disse ter pego, em 2016, uma gestão onde houve a necessidade de reorganizar tudo, colocar as contas em dias e limpar o nome do município.

Moacyr falou sobre a ausência de ações do Governo do Estado em Uruçuca. O prefeito disse que a gestão estadual não vem atendendo as demandas do município em relação às melhorias. “Uruçuca sente a falta do Governo do Estado. Conseguimos, com muita luta, três ambulâncias, temos as estradas que corta o nosso município e que são geridas por eles, e não há manutenção deixando tudo por conta nossa”, relatou o prefeito.

Ele ainda falou que durante os quatro anos (2016-2020) e três meses da atual gestão. o governo não realizou nenhuma obra no município, e declarou que o governo virou as costas para Uruçuca.

“Governador Rui Costa, o senhor foi votado em Uruçuca, o senhor foi majoritário em nosso município. Tem que ter compromisso com Uruçuca, não só com seus eleitores, mas com toda a população. Olhe para o nosso município, seja Repúblicano como o senhor gosta de falar que é”, enfatizou Moacyr ao deixar um recado para o governador Rui Costa.

Se você não conseguiu acompanhar a estreia ao vivo do programa, poderá assistir ele na íntegra logo abaixo:

Leia mais...

GABRIEL GUEDES COMANDA O OITO EM PONTO, NO CANAL IPOLÍTICA BAHIA NESTA SEGUNDA-FEIRA

Muita informação, opinião e entrevistas polêmicas serão o foco do novo programa do Canal iPolitica Bahia no YouTube. Sob o comando de Gabriel Guedes e cenário inovador, a atração promete dar um toque especial até nos assuntos mais leves.

E na estreia, o Prefeito de Uruçuca, Moacyr Leite Júnior, conhecido por suas opiniões firmes e polêmicas, vai bater um papo com Gabriel e interagir com o público pelo chat.

O Programa começa às 8 horas, e tem direção de imagens e técnica de Danilo Sousa e Avacy Ramos e Produção de Júnior Paim.

Deixe seu like, se inscreva no Canal e ative o sininho para ser notificado.

Leia mais...

EUNÁPOLIS: JOVEM DE 18 ANOS É ENCONTRADA MORTA; COMPANHEIRO É PRINCIPAL SUSPEITO

Uma jovem de 18 anos foi achada morta em uma fazenda na zona rural do Distrito da Colônia, que fica em Eunápolis, extremo sul da Bahia. O crime aconteceu neste sábado (3).

De acordo com a 1ª Delegacia Territorial de Eunápolis, o corpo de Lorena Almeida dos Anjos, de 18 anos, foi encontrado caído no chão do pasto da fazenda, com três lesões [de algum objeto perfuro cortante] na cabeça e uma mordida na bochecha do lado direito. Não há informações sobre o que teria sido usado para causar os ferimentos.

Ainda segundo a polícia, o companheiro da vítima, também de 18 anos, é o principal suspeito do crime. Segundo testemunhas, ele teria saído com Lorena dizendo que iria matá-la. O corpo da vítima foi levado para o Instituto Médico Legal (IML) de Eunápolis.

Não há mais informações sobre o feminicídio e nem as circunstâncias do crime. Até a última atualização desta reportagem, o companheiro da vítima não havia sido localizado pela polícia. Com Informações do G1.

Leia mais...

MORRE AOS 84 ANOS O CANTOR AGNALDO TIMÓTEO

O cantor Agnaldo Timóteo morreu neste sábado (23) vítima da Covid-19. Com 84 anos, o cantor permaneceu 21 dias internado na UTI do Hospital Casa São Bernado, no Rio de Janeiro.

Internado desde o dia 17 de março, Agnaldo já tinha recebido a primeira dose da vacina contra o vírus, onde acabou contraindo entre o intervalo das doses. No último dia 27 ele precisou ser intubado na unidade hospitalar.

O cantor iniciou a carreira na década de 1960 e se consolidou com canções românticas. Na política, teve mandatos como deputado federal e vereador em São Paulo e no Rio de Janeiro.

Com informações do G1.

Leia mais...

FALTA DE OXIGÊNIO PODE ATINGIR 625 MUNICÍPIOS E DO “KIT INTUBAÇÃO” CHEGA A 1.141

O risco de falta de oxigênio e dos medicamentos do “kit intubação” atinge pelo menos 625 e 1.141 Municípios do país, respectivamente. Os dados constam da segunda edição da pesquisa realizada pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) para compreender os desafios enfrentados pelos Entes locais no enfrentamento da pandemia da Covid-19. As perguntas foram aplicadas junto aos prefeitos entre os dias 29 e 31 de março.

 

Ao todo, participaram desta edição da pesquisa 2.553 Municípios, 45,9% do total. A CNM obteve respostas de Municípios de todas as Unidades da Federação. Dessa forma, os resultados apresentados podem se constituir em um bom cenário da situação vivenciada em todas as regiões do país. Para esta edição, foram escolhidos temas que estavam em evidência nesta semana: i. falta de oxigênio nas unidades de saúde; ii. insumos farmacológicos que compõem o “kit intubação”; iii. medidas de restrição que estão sendo adotadas nos Municípios e; iv recebimento de vacinas.

 

Sobre a distribuição de vacinas, quase a totalidade dos Municípios (98%) recebeu nesta semana vacinas contra a Covid-19, demonstrando que o imunizante está chegando aos Municípios. As remessas ocorreram duas vezes para 68,4% dos Municípios e 24,4% receberam uma vez nesta semana.

 

Fechamento de atividades não essenciais chega a 37,1%

 

Os resultados desta semana indicam que 37,1% dos Municípios pesquisados estão realizando lockdown, considerado na pesquisa como o fechamento total das atividades não essenciais, para conter a propagação da Covid-19. Já 61,9% afirmaram que não tomaram essa atitude nesta semana. No entanto, quando perguntados sobre a restrição da circulação de pessoas à noite, o percentual de Municípios que adotou essa medida sobe para 82,2%, e somente 17,5% declararam não adotar.

 

A pesquisa também mostra que 88% dos Municípios estão adotando restrições das atividades aos finais de semana, e somente 11,8% não. A medida de antecipação de feriados nesta semana foi adotada por 15,3% dos Municípios pesquisados. Quanto às aulas presenciais, 89,4% dos Municípios estão com elas paralisadas, e somente em 9,9% ainda estão ocorrendo nesta semana.

 

Comparativo

 

A partir desta edição, a CNM também avaliou as respostas das questões que se repetiram no mesmo grupo de Municípios respondentes a fim de obter uma análise comparativa da evolução destas questões ao longo das semanas. Pôde-se observar que o percentual de Municípios com medidas de restrição se manteve nos mesmos patamares nos dois períodos pesquisados.

 

Além disso, o percentual de Municípios com risco para falta de oxigênio e dos medicamentos do “kit intubação” teve queda pouco expressiva, apontando que o problema continua sendo uma grande preocupação dos Entes locais.

 

Observatório CNM Covid-19

 

A pesquisa é uma das ações do Observatório da Covid-19 nos Municípios do Brasil, lançado pela CNM na semana passada com o objetivo de trazer orientações e conhecer o panorama local no enfrentamento da pandemia. A página traz informes diários com as informações mais importantes aos Municípios, além de materiais técnicos para apoiar os gestores neste momento.

Veja a pesquisa completa AQUI
Leia mais...

SECRETÁRIO FÁBIO VILAS-BOAS VISITA COARACI E PARABENIZA COMBATE AO CORONAVÍRUS

O secretário de Saúde Fabio Vilas-Boas visitou Coaraci esta semana e parabenizou atuação da Prefeitura no combate à Covid-19. O Município é considerado destaque Nacional sendo uma das 10 cidades do Brasil que mais vacinaram proporcionalmente e pela agilidade que vem aplicando a vacina na população.

Fábio Vilas-Boas firmou com o prefeito Jadson Albano, mais um compromisso para levar estrutura necessária para realizar cesárias em breve para a cidade. O prefeito agradeceu a visita e reforçou o compromisso com o sistema saúde publico da cidade.

“Hoje, quinta-feira, véspera de semana santa vim aqui em Coaraci prestar minha homenagem ao prefeito Jadson pela sua energia aplicada em vacinar a população e cuidar da saúde de todo povo de Coaraci,” afirmou o secretário.

Coaraci já tem 19,64% da população vacinada: são 3.271 doses aplicadas.

Leia mais...

BAHIA RECEBE MAIS 606.950 DOSES DE VACINAS, ENTRE CORONAVAC E ASTRAZÊNECA

Mais 606.950 doses de vacinas contra a Covid-19 chegaram ao hangar do Grupamento Aéreo da Polícia Militar da Bahia (Graer), em Salvador, nesta quinta-feira (1º). São 45.750 doses da vacina Astrazêneca Fiocruz e 561.200 doses da vacina Coronavac Butantan. Ainda nesta quinta-feira, as vacinas serão encaminhadas para que comecem a ser distribuídas para municípios baianos.

Segundo a coordenadora estadual de imunização, Vânia Vanden Broucke, as vacinas recebidas são em sua maioria remessas de segundas doses. “Iremos liberar hoje para os municípios duas remessas de segundas doses, referentes ao dia 10 de março. A remessa do dia 17 de março ficará retida ainda nas centrais regionais de Rede de Frio para que, na próxima semana, possa ser entregue também nos municípios”.

A coordenadora destacou que somente os municípios que já utilizaram 85% das doses recebidas é que estarão agora habilitados para receber uma nova remessa de primeiras doses, que serão distribuídas nesta também nesta quinta-feira.

Em um comparativo nacional, a Bahia está posicionada como segundo estado que vacinou o maior percentual da população. Os dados precisos, com número de pessoas vacinadas, são atualizados regularmente e podem ser encontrados no site da Secretaria da Saúde do Estado.

Leia mais...