Navegando pela Categoria

Política

PARA 70%, NÃO HÁ DIFERENÇA ENTRE PT E PSDB, APONTA PESQUISA

Um levantamento feito pelo Instituto Paraná Pesquisas, divulgado nesta segunda-feira, 9, aponta que 70,1% dos entrevistados não veem diferença entre o Partido dos Trabalhadores – PT e o Partido da Social Democracia Brasileira – PSDB. Para 26,9%, existe diferença entre os dois partidos e 3% não opinaram.

Foram ouvidos pelo instituto, 2.222 brasileiros em 26 estados e o Distrito Federal entre os dias 2 e 5 de outubro. O grau de confiança é de 95% e a margem de erro é de 2%.

OTTO ALENCAR DEFENDE A FILIAÇÃO DE FERNANDO GOMES AO PSD

O senador Otto Alencar (PSD) defendeu nesta segunda-feira, 9 a filiação do prefeito de Itabuna, Fernando Gomes (DEM), ao seu partido. “Fernando Gomes é meu amigo a muito tempo, ganhou as eleições aqui, teve o apoio de um deputado do PSD que é o Paulo Magalhães”, disse, para completar: “A decisão vai ser dele. Ele é um bom quadro, a vinda dele fortalece o partido”, afirmou o senador no evento de assinatura da ordem de serviço para a duplicação da BR-415.

Otto destacou que a parceria firmada entre o governo do Estado e o Município para a duplicação da rodovia, que liga Itabuna a Ilhéus, “não é nada nova” – ele citou o exemplo do BRT de Feira de Santana, cidade capitaneada por um dos maiores líderes do DEM no estado, o prefeito José Ronaldo. “Porque o prefeito de Feira, o Zé Ronaldo, do DEM, eu estive lá próximo, com Wagner, na época do governo Dilma, assinando o contrato para fazer o BRT de Feira de Santana, do DEM.

Nós não vamos discriminar ninguém, seja do partido A ou B, se é benefício do povo, essa obra vai chegar aqui”, ressalta.Com informações do Bahia Notícias.

DEPUTADO DIZ QUE DUPLICAÇÃO DA RODOVIA ILHÉUS/ITABUNA SAI MESMO SEM APOIO FEDERAL

Durante o ato de assinatura da obra de duplicação da Rodovia Ilhéus/Itabuna pelo governador Rui Costa, agora há pouco, o Deputado Federal Paulo Magalhães (PSD) afirmou ao Site Metro 1, que a duplicação da BR- 415, que liga os municípios de Ilhéus e Itabuna vai sair com ou sem recursos do governo federal.

“O governador Rui Costa vai materializar esse sonho mesmo sem a ajuda do Governo federal. Ele vai fazer essa obra com o recursos do estado, fruto dos tributos pagos pelos baianos. É por isso que esse governador tem se destacado no cenário nacional, pela seriedade e pela honradez com que trata os interesses da Bahia”, declarou Magalhães.

APROVAÇÃO DE DÓRIA CAI 10 PONTOS. ELE CULPA O PT!

A aprovação da administração do prefeito de São Paulo João Dória (PSDB), depencou quase dez pontos percentuais, De acordo com levantamento feito pelo Instituto Datafolha, o tucano tem 32% de aprovação (ótimo/bom), 26% de rejeição (ruim/péssimo) e 40% de regular entre os entrevistados na capital paulista. Foram ouvidos 1.092 eleitores nos dias 4 e 5 de outubro. Na sondagem anterior, João Dória tinha 41% de aprovação e 22% de rejeição.

O Datafolha quis saber, também, sobre a candidatura do prefeito paulistano a presidência da república. 58% preferem que ele permaneça como prefeito, enquanto 10% quer que ele se candidate ao palácio do planalto. 55% não votaria nele em hipótese alguma para presidente e 18% votariam com certeza.

Ao comentar o resultado da aferição João Dória afirmou que toda pesquisa deve ser respeitada, mas culpou diretamente a gestão do ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad (PT).”Temos um déficit no orçamento da prefeitura de R$ 7,5 bilhões, que oi herança do PT, que nos deixou esse rombo”, afirmou.

“CIDADE DE SÃO PAULO NÃO TEM PREFEITO”, DENUNCIA CACIQUE TUCANO

O prefeito de São Paulo João Dória (PSDB) sofreu um duro ataque esta semana. Desta vez, a ofensiva partiu do vice-presidente nacional do tucanato, Alberto Goldman, que colocou o dedo na ferida e apontou o que todos já sabem: a maior cidade do País não tem um prefeito, mas sim um candidato à presidência da República, que abandonou a metrópole para fazer campanha antecipada;

Goldman afirmou também que Dória “Viaja por todos os lugares, todas as cidades, todos os estados e todos os países. Diz que está trazendo alguma coisa para São Paulo. Não está trazendo nada. Até agora nada e nem vai trazer nada”.

O vice-presidente denuncia ainda fraudes nas licitações conduzidas por Dória; “Os editais estão predeterminados para as empresas que vão ganhar. Todos são dirigidos. Esse é o homem que se diz puro, limpo e gestor”

ALA DO PT DE ILHÉUS DEFENDE REELEIÇÃO DE ROSEMBERG E JOSIAS

O PT – Partido dos Trabalhadores de Ilhéus não deve lançar novos candidatos do município para deputados estadual e federal em 2018. Ao menos com poder de competitividade.

Segundo apurou o Blog Ipolítica, lideranças importantes como os professores Ednei Mendonça e Carmelita Ângela, vão apostar todas as fichas na reeleição dos deputados estadual Rosemberg Pinto (PT) e  federal Josias Gomes (PT).

A dobradinha, comenta-se, deve ocorrer na maioria dos municípios da região cacaueira No entanto, uma outra ala, defende que a legenda deva lançar nomes da cidade para disputa proporcional em 2018.

INVESTIGAÇÃO SOBRE OS R$ 51 MILHÕES DE GEDDEL ESTÁ PARADA

A investigação sobre os R$ 51 milhões de Geddel Vieira Lima (PMDB) está parada. Segundo o Estadão, o ministro Edson Fachin, do Supremo, ainda não decidiu se o caso será desmembrado. O irmão do ex-ministro, deputado Lúcio Vieira Lima (PMDB-BA), tem foro e foi citado.

O dinheiro foi encontrado num apartamento em Salvador, que teria sido emprestado ao deputado. A PF encontrou impressões digitais do deputado nas notas de dinheiro. O Palácio do Planalto se preocupa com uma delação premiada de Geddel. Muito próximo ao presidente Michel Temer e à cúpula do PMDB na Câmara, ele poderia complicar seus colegas de partidos.

Até agora, contudo, Geddel preferiu se manter em silêncio sobre a orgiem do dinheiro.

VEREADOR BABÁ CEARENSE REALIZA 1ª EDIÇÃO DO PROJETO “MEU GABINETE NA RUA”

Aconteceu neste sábado, 30, a primeira edição do projeto “Meu Gabinete na Rua”, de autoria do vereador, José Erivânio Sobreira, o Babá Cearense (PHS), com objetivo de aproximar o mandato da população.

Cerca de 300 pessoas passaram pelo stand, montado na Rua São Francisco no bairro de Fátima, informando as demandas das ruas e do bairro. No projeto, em parceria com profissionais liberais, foram oferecidos exames diversos, como teste de glicemia, aferição de pressão, assistência jurídica, odontológica e fonoaudióloga.

Ana Lúcia é moradora do bairro há mais de 20 anos e jamais tinha visto algo similar. Para a dona de casa, o vereador Babá Cearense deu uma prova da preocupação com as comunidades. “Falei diretamente com ele sobre o esgoto na minha rua e falta de água constante”, elencou.

Ana Paula Santos, estudante achou a ideia interessante e parabenizou a organização. “Acredito que se todos fizessem assim, os problemas seriam mais resolvidos mais facilmente,”

De acordo com Babá Cearense, o trabalho deve ser dessa forma. Ele acredita que fora do gabinete pode contribuir muito mais com o desenvolvimento da cidade. “Dessa forma, eu posso ver de perto os problemas de cada bairro, estabelecendo uma relação de confiança com a população.”, concluiu.

A próxima edição do Projeto “Meu Gabinete na rua” será definida nos próximos dias, após reuniões com lideranças comunitárias. “A ideia é levar o projeto ao menos uma vez por mês a um bairro diferente”, acrescentou Babá.

TRANSFERÊNCIA DE VOTOS DE LULA É MODESTA, APONTA DATAFOLHA

Na prévia divulgada pelo jornal Folha de S. Paulo neste sábado, 30, apesar do crescimento do ex-presidente petista, a taxa de transferência de votos de Lula é modesta, apenas 26%. O PT tem negado ter um “plano B” caso Lula seja condenado em segunda instância e não possa se candidatar, mas um dos nomes apontados caso isso aconteça é Fernando Haddad. Entretanto, o cenário não é favorável para o ex-prefeito da capital paulista. Nos cenários em que seu nome aparece, ele oscila entre apenas 2% e 3% das intenções de voto.

O Datafolha entrevistou 2.772 pessoas entre os dias 27 e 28 de setembro e constatou que a rejeição ao nome de Lula, mesmo após sua condenação, caiu desde a última pesquisa, realizada em junho. Ao mesmo tempo em que é o favorito na corrida presidencial, Lula é também o mais rejeitado. As pessoas que responderam que não votariam nele de jeito nenhum caiu de 46% para 42%.

O segundo mais rejeitado é Bolsonaro, com 33%. Na pesquisa anterior ele tinha 30%. Em seguida vem Geraldo Alckmin, com 31%.

EX-VICE-PREFEITA É PRÉ-CANDIDATA A GOVERNADORA DA BAHIA

A ex-vice-prefeita de Salvador (2013-2016), Célia Sacramento é a pré-candidata a governadora da Bahia pelo pequeno Partido da Pátria Livre – PPL. Célia foi preterida na reeleição do prefeito de Salvador ACM Neto, que optou pelo apoio do PMDB, colocando o amigo Bruno Reis na disputa em seu lugar.

Célia Sacramento já peregrina pelo estado conversando com lideranças e buscando apoios. Nesta sexta-feira, 29, a professora esteve em Itabuna, onde conheceu e conversou com membros da executiva da Rede Sustentabilidade em Itabuna, partido que pode compor uma chapa majoritária em 2018.

Célia e parte dos membros da executiva municipal da Rede em Itabuna

Célia conversou com os pré-candidatos a deputado estadual e federal da Rede em Itabuna, Daniela Moreira e Roberto José, sobre a atual conjuntura política da cidade e no estado e as possibilidades de novas eleições em Itabuna em virtude do julgamento no TSE do prefeito Fernando Gomes.